Últimas do Blog

22/10/2019

Um deserto de líderes nacionais

Na chegada, ontem, a Brasília, para uma semana de trabalho, noticiei que o restaurante do Senado passará a ser batizado, oficialmente, com o nome do ex-senador Carlos Wilson, que Deus levou há dez anos. Também relembrei um pouco a trajetória do ex-deputado Inocêncio Oliveira, que completou, ontem, 81 anos. Cada um projetou a bancada no cenário nacional ocupando funções destacadas e doando a voz na tribuna em defesa de causas nobres do Estado. O primeiro, manso no falar mineiro, hábil articulador, era um sedutor literal. Partiu cedo, mas em Brasília deixou a marca da sua grife. O segundo, construiu uma carreira sólida, chegou à Presidência da República, mesmo interinamente. Pernambuco já brilhou muito no Congresso. Vale lembrar, com perfis e doutrinas antagônicas, Cristina Tavares, Fernando Lyra, Egydio Ferreira Lima, Ricardo Fiúza, Inocêncio e Carlos Wilson. Hoje, infelizmente, é um deserto de expressões nacionais. (Magno Martins)
22/10/2019

Hoje:

22 de outubro é o 295.º dia do ano no calendário gregoriano (296.º em anos bissextos). Faltam 70 para acabar o ano. 451 — Adotado o Credo calcedoniano, relativo à natureza divina e humana de Jesus. 906 — Amade ibne Caigalague lidera um ataque contra o Império Bizantino, levando de 4 000 a 5 000 cativos. 1383 — O rei Fernando morre sem um herdeiro masculino ao trono português, provocando um período de guerra civil e desordem. 1536 — É publicada em Évora e na presença de D. João III a bula Cum ad nil magis, promulgada pelo Papa Paulo III, que fundava a Inquisição portuguesa. 1721 — O Império Russo é proclamado pelo czar Pedro I após a derrota sueca na Grande Guerra do Norte. 1797 — André-Jacques Garnerin faz o primeiro salto de paraquedas registrado, de mil metros acima de Paris. 1807 — Acordo secreto com Londres prevê mudança da corte portuguesa para o Brasil. 1844 — O Dia do Grande Desapontamento: religiosos norte-americanos inspirados em profecias bíblicas esperavam o retorno de Jesus Cristo neste dia. 1859 — Espanha declara guerra ao Marrocos. 1879 — Usando um filamento de fio carbonizado, Thomas Edison testa a primeira lâmpada incandescente elétrica […]
22/10/2019

Reflexão do dia

21/10/2019

Fragmento Bíblico

21/10/2019

Pernambuco começa a emitir novo modelo de RG nesta sexta

O Estado de Pernambuco começa a emitir nesta sexta-feira (25) o novo modelo nacional da carteira de identidade. O documento terá mais itens de segurança e mais resistência contra extravios. Por causa da transição, os agendamentos de solicitação do RG no site do Instituto de Identificação Tavares Buril (IITB) estão suspensos até a próxima quinta-feira (24). O novo documento poderá conter mais informações do cidadão, como CPF, Título de Eleitor, nome social, número do PIS/Pasep, Carteira de Trabalho, Certificado Militar e tipo sanguíneo. Há também a possibilidade de inclusão de um QR code para identificação e segurança digital. A previsão do Governo do Estado é aumentar em 117% a capacidade de produção das carteiras, passando de 552 mil para 1,2 milhões de cidadãos beneficiados por ano. O sistema ABIS (sigla em inglês para Sistema Automático de Identificação Biométrica) está sendo implantado no IITB desde a sexta-feira (18). Os novos parâmetros do documento […]
21/10/2019

Deputados do PSL fazem ‘guerra de listas’ para definir líder da bancada

G1 A disputa pela liderança da bancada do PSL na Câmara provocou uma “guerra” de listas entre deputados do partido. A mais recente a ser validada pela Secretaria Geral da Câmara faz de Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) o líder da bancada do partido no lugar de Delegado Waldir (PSL-GO). A “guerra” de listas é motivada pela crise interna do partido, que opõe, de um lado, uma ala ligada ao presidente Jair Bolsonaro – que defende Eduardo Bolsonaro, como líder – e, de outro, o grupo ligado ao presidente do partido, deputado Luciano Bivar (PSL-PE), de quem Delegado Waldir é aliado. Pelo regimento interno, o líder da bancada é aquele indicado na lista mais recente que contenha assinaturas da maioria dos deputados do partido. No caso do PSL, com uma bancada de 53 parlamentares, são necessárias 27 assinaturas. Desde a última quarta-feira (16), seis listas tinham sido apresentadas, das quais quatro validadas e duas invalidadas após a conferência […]
21/10/2019

Eduardo Bolsonaro é o novo líder do PSL na Câmara

G1 O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) é o novo líder do partido na Câmara. O nome dele apareceu no sistema da Câmara como novo ocupante do cargo no início da tarde desta segunda-feira (21). Pouco antes da confirmação, o agora ex-líder, Delegado Waldir (PSL-GO), havia divulgado um vídeo no qual reconhecia que a liderança havia passado para Eduardo. A disputa pela liderança do PSL na Câmara começou há duas semanas e é um reflexo da crise interna no partido. Duas alas da sigla vivem um confronto: uma, ligada ao presidente Jair Bolsonaro; a outra, ao presidente do PSL, deputado Luciano Bivar (PE). A ala bolsonarista já havia tentado, na semana passada, emplacar o nome de Eduardo para o lugar de Waldir. Foram enviadas para a direção da Câmara duas listas com assinaturas de deputados do PSL pedindo a troca de líder. No entanto, aliados de Waldir entregaram uma terceira lista […]
21/10/2019

Senado deve concluir terça-feira votação de mudanças na Previdência

Oito meses depois de chegar ao Congresso, o texto principal da reforma da Previdência  (PEC 6/2019) deve ter sua votação final na próxima terça-feira (22), dia em que o plenário do Senado deverá analisar a matéria em segundo turno. Para que seja aprovado e siga para promulgação, o projeto precisa alcançar o mínimo de 49 votos favoráveis. Entre outros pontos, o texto aumenta o tempo para trabalhadores terem direito à aposentaria, eleva as alíquotas de contribuição para quem ganha acima do teto do INSS (hoje em R$ 5.839) e estabelece regras de transição para os atuais assalariados. Com essa proposta, a economia está estimada em R$ 800 bilhões em 10 anos. Antes de ser votada em plenário, no mesmo dia, às 11h, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) vai votar o parecer do relator do texto, senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), sobre nove emendas de redação apresentadas após a votação […]
21/10/2019

Avanço da crise com PSL faz Bolsonaro recorrer a aliados da ‘velha política’

Após dez meses de governo, até aqui marcado por sucessivas crises, ele resgatou uma prática dos antecessores: abrir a porta dos palácios para receber líderes partidários. Nas últimas duas semanas, por exemplo, Bolsonaro se reuniu com os presidentes de dois partidos que atuam com o chamado centrão –Baleia Rossi, do MDB, e Gilberto Kassab, do PSD. O movimento do presidente deve se repetir com outras legendas quando ele voltar de uma viagem de duas semanas pela Ásia e pelo Oriente Médio. O PSL vive hoje um profundo racha entre os grupos liderados pelo presidente da legenda, deputado Luciano Bivar (PE), e pela família Bolsonaro. A destinação das verbas do fundo partidário, que devem chegar a R$ 110 milhões neste ano, a maior entre todos as agremiações políticas, é um dos principais motivos desse conflito. Com a inviabilização de apoio no PSL, após o agravamento da crise na semana passada com […]