29/10/2020

Venha para a TiConnect

26/10/2020

Samsung Galaxy Z Fold 2: celular mais caro do Brasil custa R$ 13.999

G1 A Samsung anunciou nesta segunda-feira (26) que seu celular dobrável Galaxy Z Fold 2 vai custar R$ 13.999 no Brasil. O valor coloca o aparelho como o smartphone mais caro do país neste momento. Com tela flexível de 7,6 polegadas, o Galaxy Z Fold 2 pode ser aberto e utilizado como se fosse um tablet, com foco no uso multitarefas. Outra possibilidade é usá-lo parcialmente dobrado, utilizando uma das partes como apoio. Na parte de fora há outro painel, de 6,2 polegadas, para visualizar notificações e responder mensagens sem precisar abrir o celular. Ele tem cinco câmeras: são três sensores na traseira, um na tela interna e outro na tela externa. Além disso, o modelo é compatível com a tecnologia de redes 5G. O aparelho será produzido na fábrica da Samsung em Campinas (SP). A estratégia está relacionada com a alta do dólar, na tentativa de “entregar o melhor-custo benefício para o consumidor, independentemente do cenário macroeconômico”, […]
27/07/2020

Estudante do Paraná cria respirador emergencial de baixo custo

Agência Brasil O estudante Robson Muniz, do curso de engenharia civil da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), criou um respirador emergencial de baixo custo, utilizando componentes nacionais. O custo médio total, de R$ 2,5 mil, é bem inferior ao dos ventiladores mecânicos de preços mais acessíveis, como os adquiridos pelo Ministério da Saúde em abril deste ano, a US$ 13 mil cada, cerca de R$ 69,6 mil em valores atuais. Para desenvolver o aparelho, foi usada uma bolsa de ressuscitação manual, conhecida como “bolsa Ambu”, um motor de vidro elétrico de carro, disponível em qualquer lugar, e peças mecânicas, projetadas de modo a permitir que a máquina seja potente, mas leve. “Na parte eletrônica que controla o motor, o respirador usa uma placa (de prototipagem eletrônica de código aberto) chamada Arduíno, que tem hardware (parte física de um computador) incorporado”, explicou Muniz à Agência Brasil. Esse hardware serve para […]
08/03/2020

TiConnect informa:

29/02/2020

TiCONNECT- Pague sua mensalidade através do APP

https://ticonnecte.com.br/usando-app/
02/02/2020

Brasil poderá ter pagamentos via WhatsApp

Agência Estado O WhatsApp deve expandir para mais países seu recurso de transferência de dinheiro pelo aplicativo ainda neste ano. Desde 2018, a ferramenta é testada na Índia. A declaração foi feita pelo presidente executivo do Facebook, Mark Zuckerberg, nesta semana, durante conferência com investidores. Segundo o executivo, o WhatsApp Payments deve chegar a países em que o aplicativo tem grande base de usuários, como Brasil, México, Indonésia e Índia.  A ferramenta de pagamentos permite que usuários façam transferência de dinheiro pelo aplicativo. “É tão fácil quanto mandar uma foto”, afirmou Zuckerberg na conferência, completando que a função foi testada com 1 milhão de pessoas na Índia, com uma boa receptividade pelos usuários. “Estou realmente animado com isso e espero que a função comece a ser lançada em vários países e que tenhamos progresso nessa área nos próximos seis meses”, disse ele.  De acordo com a empresa, o WhatsApp Payments […]
01/02/2020

WhatsApp deixa de funcionar em celulares com sistema operacional defasado

G1 O WhatsApp vai deixar de funcionar em celulares que tenham sistemas operacionais antigos a partir deste sábado (1º). Veja as versões: Android 2.3.7 ou anteriores; iOS 8 ou anteriores. A medida acontece porque essas versões estão presentes em celulares muito antigos, que não recebem mais atualização das desenvolvedores dos sistemas operacionais, especificamente Apple e Google. Um exemplo de celular que o WhatsApp terá problemas é o iPhone 4, que só foi atualizado até o iOS 7. No caso do Android, dados do Google mostram que apenas 0,3% dos usuários do sistema ainda utilizam a versão 2.3.7 — conhecida como Gingerbread. Como fugir de golpes no WhatsApp O sistema do celular disponibiliza diversas funções que desenvolvedores devem utilizar para criar os recursos dos apps. Quando uma função do sistema é modificada ou adicionada, o aplicativo precisa ser adaptado para funcionar de acordo com o recurso novo. Quanto mais versões do sistema o […]
22/01/2020

Prazo para bloqueio de celular pirata após notificação pode cair de 75 para 15 dias, diz Anatel

G1 A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) estuda reduzir, de 75 dias para até 15 dias, o prazo para bloqueio de celulares piratas após a notificação do usuário. A informação é do coordenador do projeto Celular Legal, que reúne Anatel, operadoras e fabricantes de celulares, João Alexandre Zanon. O bloqueio começou em março de 2018, por Goiás e Distrito Federal. Desde de março de 2019, é feito em todos os estados do país. Até o final do ano passado, 1,355 milhão de celulares haviam sido bloqueados. Esse número equivale a 0,6% dos 228 milhões de aparelhos ativos no país. O que é celular pirata e o que fazer após notificação? Os celulares piratas são aqueles não certificados pela Anatel ou então que tenham o chamado IMEI (International Mobile Equipment Indentity) — número de identificação do aparelho — adulterado, clonado ou que tenha passado por outras formas de fraude. Após identificar um celular pirata […]
17/01/2020

Brasil é o 3º país em que pessoas passam mais tempo em aplicativos

Agência Brasil As pessoas passaram 3 horas e 40 minutos, em média, utilizando aplicativos (também conhecidos como apps) em 2019. O índice é 35% maior do que em 2017. As informações são do principal relatório sobre o tema no mundo, da consultoria App Annie. A edição de 2020 foi divulgada na última quarta-feira (15). O Brasil ficou na terceira colocação no ranking dos países em termos de tempo gasto em apps, levemente acima da média, com 3 horas e 45 minutos. O país foi superado pela China, onde as pessoas mexem com esses programas durante quase 4 horas, e a Indonésia, onde o tempo diário chegou a 4 horas e 40 minutos. Em seguida, vêm a Coreia do Sul (3h40) e Índia (3h30). Na comparação entre 2019 e 2017, a China obteve a maior ampliação (60%), seguida pela Índia, o Canadá e a França (25%), a Indonésia (20%) e o Brasil, a […]