Arquivo Fotográfico
15/01/2024
Lula visita Pernambuco nesta semana; veja agenda
15/01/2024
Arquivo Fotográfico
15/01/2024
Lula visita Pernambuco nesta semana; veja agenda
15/01/2024

‘Sou leal ao Bolsonaro e fiel aos meus princípios’, diz Valdemar após vídeo elogioso a governos de Lula viralizar

O presidente do PL, Valdemar Costa Neto, usou suas redes sociais na tarde deste sábado (13) para comentar as críticas que recebeu após a divulgação de uma entrevista recente em que fazia elogios a Lula, em comparação com o ex-presidente Jair Bolsonaro, principal nome de sua legenda.

“Estão me atacando usando uma fala minha sobre o Lula que está fora de contexto. A esses, deixo um recado: quem não tem lealdade e fidelidade, tem vida curta na política. Sou leal ao Bolsonaro e fiel aos meus princípios. Quem me conhece sabe que minha palavra não faz curva”, compartilhou Costa Neto em seu perfil no X (antigo Twitter). As informações são do O GLOBO.

Em entrevista recente ao jornal O Diário, veículo regional da Zona Leste de São Paulo, o dirigente teceu elogios a gestões anteriores de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e também fez comparações entre os perfis do atual presidente e de Bolsonaro.

“O Lula é um camarada do povo, é completamente diferente do Bolsonaro. E é um fenômeno ele chegar onde chegou. O José Alencar era vice-presidente, nós fizemos parte do governo… E Lula foi bem no governo também, elegeu a Dilma depois”, discorreu Valdemar, cujo PL compunha a base situacionista no Congresso à época.

 “Não tem comparação com Bolsonaro. Primeiro que o Lula tem muito prestígio, ele não tem o carisma que Bolsonaro tem, mas tem popularidade, é conhecido por todos os brasileiros. O Bolsonaro não, tem um mandato só”, complementou.

Na ocasião, Valdemar também encampou críticas ao ex-juiz federal e hoje senador Sérgio Moro pela forma como conduziu processos da Operação Lava-Jato nos quais Lula foi condenado. O presidente do PL avaliou que o líder petista “está machucado” por conta desse cenário.

“Se ele errou em alguma coisa, ele tinha que ser condenado dentro da lei. O Moro errou, superou os limites da lei. Quando eu falo isso, o pessoal da direita fica bravo comigo. Ele passou dos limites da lei para aparecer, para ser candidato a presidente. Ele vai pagar caro por isso”, disse Valdemar, que apostou na cassação do mandato de Moro, que responde a uma ação eleitoral no TRE-PR.

A entrevista deixou o nome do presidente do PL entre os assuntos mais comentados nas redes sociais. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.