Hoje:
16/11/2014
Dilma anuncia na reunião do G-20 ajustes na economia…
16/11/2014

Multidão dá o ultimo adeus ao radialista Carlos Alfeu, em Limoeiro…

IMG-20141116-WA0000

O corpo do radialista Carlos Alfeu foi sepultado por volta das 17h30 deste domingo (16) no Cemitério São João Batista, em Limoeiro. 

Familiares, amigos e fãs foram se despedir do comunicador, que morreu na manhã de quinta-feira (13), aos 54 anos, no Rio de Janeiro, onde estava no início de férias. À frente do esquife, um carro-de-som executava a música “Despedida”,de Roberto Carlos.  

Durante o velório, na sede do Centro Limoeirense, na Rua Vigário Joaquim Pinto, o caixão foi coberto com as bandeiras do município do Limoeiro e de uma de suas paixões: Clube Náutico Capibaribe. A viúva Vera Arruda recebia as condolências dos amigos de forma tranquila, ao lado de familiares e amigos.

IMG-20141116-WA0004

Milhares de pessoas, dentre políticos, artistas, comerciantes, estudantes, profissionais e populares, prestigiaram as últimas homenagens ao radialista apresentador dos programas “Revista da Manhã”, “Revista do Almoço” e “Bagaceira”, através da Rádio Jornal Limoeiro. 

Nos seus espaços no rádio, o comunicador sempre valorizou os músicos e artistas locais, além de prestar solidariedade às pessoas carentes e enfocar problemas gerais das comunidades desta região.

IMG-20141116-WA0002

Colegas de profissão e amigos lembraram a trajetória brilhante de Carlos Alfeu no rádio.  “Era uma pessoa muito, muito, muito querida. Simpático, inteligente, grande amigo e irmão”, destacou a cantora Kátia Rodrigues, diretora da Rádio Jornal Limoeiro, em emocionante pronunciamento durante o velório.

“Ele foi além do mundo radiofônico, porque ele foi um grande comunicador em todas as esferas. Ele sempre esteve à frente do seu tempo, ele foi um lançador de tendências, ele descobriu talentos e era um homem de uma generosidade, de uma bondade. Ele fazia com que todo mundo se simpatizasse com ele imediatamente”, destacou o vereador David Santos, de João Alfredo, presente ao  velório e sepultamento do radialista limoeirense.

A recomendação do corpo de Alfeu foi feita pelo padre Maurício Nascimento, titular da Paróquia de São Sebastião, de Limoeiro. 

Fica um legado pra comunicação do Limoeiro, fica um legado de paixão pela comunicação, um legado de dedicação ao trabalho e um legado para o público do Agreste Setentrional, que teve e vai continuar tendo Carlos Alfeu uma das suas referências na comunicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.