Gilmar Mendes chama de ‘conversa fiada’ pressão por voto impresso
31/07/2021
Fragmento Bíblico
31/07/2021

Julho das Pretas foi comemorado no Povoado de Brejinhos em João Alfredo

O Julho das Pretas, ação de incidência política e agenda conjunta e propositiva com organizações e movimento de mulheres negras, voltada para o fortalecimento da ação política coletiva e autônoma das mulheres negras nas diversas esferas da sociedade, foi comemorado ontem (30) em João Alfredo, através do I Encontro de Mulheres Negras, na comunidade remanescente de quilombo do Povoado de Brejinhos, zona rural leste deste município do Agreste pernambucano. O evento foi promovido pela Secretaria  Municipal do Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, com participação da Secretaria Municipal de Saúde. 

Nesta primeira edição do Julho das Pretas em João Alfredo, ocorreram palestras, apresentações culturais, dentre as quais a capoeira, danças, o Maracatu Odara de Brejinhos e a Miss Tenn do Bom Jardim-PE, além de oficinas de maquiagens e turbantes. Nas palestram foram abordados temas importantes e necessários relacionados à superação das desigualdades de gênero e raça, colocando a pauta e agenda política das mulheres negras em evidência.Também foi distribuído o sopão com pão para famílias das comunidades da periferia e do Povoado de Brejinhos.
Bastante satisfeita com o sucesso da ação, a secretária Solange Chaves, que fez questão de enaltecer o trabalho de sua equipe, disse que outros eventos desta natureza por certo serão realizados: “com o intuito de enaltecer o mês dedicado à luta da mulher negra e a sua cultura, decidimos promover esse primeiro encontro. Nossa sociedade, infelizmente, ainda tem discriminação e preconceito contra a mulher negra e vivenciando esse momento mostramos a importância que elas têm para o nosso país”. Ressaltou. A secretária também agradeceu a participação da Secretaria Municipal de Saúde, que efetuou serviços de prevenção e orientações às mulheres, durante o desenrolar da programação. 

Por sua vez, o prefeito Zé Martins destacou a organização do evento  a cargo da secretária Solange Chaves e agradeceu a presença das mulheres, vereadores, secretários, lideranças comunitárias, populares e demais convidados, enfocando que “ações como o Julho das Pretas são de grande importância ensejando debates e momentos culturais, para denunciar o racismo estrutural, as desigualdades e os preconceitos que resultam em distintas formas de violências, violações e expropriações sofridas, bem como reafirmar agendas de atuação e luta pelo direito à vida e por igualdade social”. Explicou o gestor, acrescentando que “o Julho das Pretas é um movimento de organização política e de intensificação do debate sobre as pautas de combate ao racismo, patriarcado e capitalismo, e pelo reconhecimento do protagonismo das mulheres negras na manutenção da vida e produção de riquezas”, pontuou.

PMJA-Imprensa
Fotos: Lucivaldo Lima e Patty Lira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.