Terceira fase do open banking entra em vigor nesta sexta-feira (29)
29/10/2021
Fazendeiro na Itália colhe abóbora de 1,2 tonelada e bate recorde mundial
29/10/2021

João Alfredo comemora aniversário de fundação de sua paróquia e da ordenação sacerdotal do padre João Ribeiro da Silva

Na noite de ontem (28), quando a Igreja festejou os santos Simão e Judas Tadeu, a Paróquia de Nossa Senhora da Conceição de João Alfredo completou 80 anos de sua fundação. Na mesma ocasião, o padre João Ribeiro da Silva, natural deste município, festejou a passagem dos 30 anos de sua ordenação sacerdotal, juntamente com o padre Severino Silvestre (ausente). Para marcar, foi  concelebrada uma missa na matriz de Nossa Senhora da Conceição, presidida pelo padre João Ribeiro, que contou com as presenças do padres Ailton Maciel (pároco local), José Almeida, José Luiz, Severino Fernandes, Marcos Antônio, José Mariano, Arnaldo Silvestre e José Rogério, além do diácono permanente José Ferreira da Silva – Zuza.
O ato religioso foi iniciado pelo pároco Ailton Maciel que saudou o presidente da celebração, padre João Ribeiro da Silva, e apresentou e deu boas vindas aos demais sacerdotes presentes. A homilia ficou a cargo do diácono permanente Zuza Ferreira que, mesmo convalescendo de uma séria enfermidade, emocionou a todos, fazendo questão de agradecer ao padre João Ribeiro pela ajuda que do mesmo recebeu no início de sua caminhada religiosa. “Nesta festa da paróquia, 80 anos de vida, 80 anos de missão, certamente todos que por aqui passaram e os que atualmente estão, fazem parte desta história, desta paróquia, deste lugar e desta região. Então, celebrar a Eucaristia é acolher os frutos, também os desafios e as realizações de todo esse tempo. Quantas missas? Quantas procissões, campanhas, vitórias, insucessos, sacrifícios, esforços? Trata-se de uma idade, de uma história, de um caminho de fé, de esperança e de amor. E em certa época desta caminhada, particularmente tive no senhor, padre João Ribeiro, um parceiro, orientador espiritual e grande incentivador”. Frisou o diácono.
Para Frei Zuza, comemorar o 80 aniversário da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição tem importância na representação da história da padroeira e da comunidade. “Primeiro celebrar a memória, testemunho e exemplo de fé da padroeira. Relembrar a história da caminhada da comunidade, o exemplo, a memória e a fé dos primeiros membros da comunidade, e não deixar morrer a tradição da igreja, de agradecer a Deus pelo testemunho do seu amor, nos transmitido pelos primeiros cristãos, a exemplo de São Simão e São Judas Tadeu”, ressaltou.
No final da missa também foi prestada uma homenagem póstuma ao monsenhor Jonas Menezes e Silva, quatro pároco e que está sepultado na igreja matriz, que foi um dos grandes benfeitores da paróquia, destacando-se a construção do atual templo e a fundação das Escolas Paroquiais Dom Bosco, incluindo-se a corporação musical. A Sociedade Musical Dom Bosco, sob a batuta do maestro Mê, também disse presente, com apresentação especial na calçada da igreja. 
Antes da bênção final, foi cortado o bolo comemorativo e cantado o “parabéns a você” à paróquia e ao padre João Ribeiro da Silva.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.