Estudo reconhecido pela OMS avalia efeitos da ‘Covid Longa’ em 1,2 mil pacientes em todo o
16/02/2021
Hoje é o dia do Repórter
16/02/2021

Eleição para federal poderá ter pesos-pesados em 2022

Edmar Lyra

A disputa pelas 25 cadeiras na Câmara dos Deputados no próximo ano começa a ganhar forma, onde a maioria dos parlamentares tentará a reeleição e alguns nomes fortes poderão tentar vaga naquela Casa. Além dos atuais ocupantes, pelo menos quatro nomes fortes poderão estar na disputa no próximo ano, são eles: o senador Fernando Bezerra Coelho, o governador Paulo Câmara, o ex-senador Armando Monteiro e o ex-governador Mendonça Filho, todos com chances reais de lograr êxito.

Dos nomes que não se reelegeram em 2018, Kaio Maniçoba e João Fernando Coutinho são cotados para tentar novamente cadeiras na Câmara Federal, da Alepe, três nomes têm seu nome em evidência: Clodoaldo Magalhães, Guilherme Uchoa Júnior e Lucas Ramos, e da Câmara Municipal do Recife, o vereador Eriberto Rafael também é tido como opção para tentar uma vaga em  Brasília. Ainda existem dois nomes fortíssimos para a disputa que nunca tentaram mandatos eletivos, que são Pedro Campos, filho de Eduardo e irmão do prefeito João Campos, e Lula da Fonte, filho de Eduardo da Fonte e neto de Carlos Wilson.

A disputa pelo governo, pela vice-governadoria e pelo Senado deverá modificar esse quadro, pois poderá puxar alguns desses quase 40 nomes competitivos para a chapa majoritária, porém deveremos ter ainda assim uma disputa acirradíssima por cadeiras em Brasília, sobretudo com a mudança nas regras eleitorais que passaram a vigorar em 2020 para vereador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.