Evento do PSB começa com recital de piano fazendo jus ao nome de “político-cultural”…
14/04/2014
Aécio fecha aliança com DEM e PMDB na Bahia…
14/04/2014

Eduardo: “Nunca aprendi a desistir da caminhada”…

20140414060716_cv_eduardoc_gde

Convocado ao palco por sua candidata a vice, a ex-senadora Marina Silva (PSB), o pré-candidato do PSB à Presidência da República, Eduardo Campos (PSB), tomou a palavra no evento de oficialização do seu projeto destacando que nunca aprendeu a desistir da caminhada e que não quer se queixar dos desafios. O ex-governador ressaltou, no momento em que passou em revista toda a sua trajetória, que nasceu em uma família  de perseguidos políticos e que foi discriminado por ideias que ele sequer conhecia.

E, por conta dessa carga, segundo ele, foi que conseguiu compreender a importância da política. “Entrei nela [na política] pela porta da frente. Compreendi a força do povo. Entendi que as pessoas podem ser convencidas por processos bonitos, como foi o das Diretas Já”, disse Eduardo Campos.

Na sequência, o presidenciável frisou que o conjunto de transformações vivenciadas pelo país se deu conquista após conquista, atrelada por um processo de continua renovação. “A renovação política levou à estabilidade econômica [governo Fernando Henrique Cardoso – PSDB). Outra renovação levou à inclusão social [governo Luiz Inácio Lula da Silva – PT]”, frisou.

E, como esperado, destacou que esse processo esbarrou na gestão comandada pela presidente Dilma Rousseff (PT). “Mas esse processo foi estancando em 2010. Não se discutiu o Brasil. Era tudo ou nada”. (Folha de Pernambuco)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.