Atuação do STF é aprovada por 19% e reprovada por 39% dos brasileiros, diz Datafolha
29/12/2019
Litro da gasolina vai chegar a R$ 6? Preço volta a subir, e alta chega a 63,8% em 5 anos
29/12/2019

Confira quais foram as palavras que marcaram o ano de 2019

Gírias, expressões e termos emblemáticos. O ano de 2019 foi marcado por diversas palavras que tomaram conta do cotidiano da população. Acentuado pela repetição contínua, principalmente nas redes sociais, muitos de nós cansamos de ouvir ou aderimos espontaneamente ao vocabulário dessas palavrinhas que grudaram quase como um chiclete na nossa cabeça.

Anualmente, o dicionário britânico de Oxford escolhe a palavra do ano para simbolizar o que foi de mais importante para a população de maneira geral. O dicionário britânico escolheu, para o ano corrente, a expressão “emergência climática”. De acordo com a pesquisa realizada através de um banco de dados com milhões de palavras, o uso da expressão aumentou mais de 100 vezes comparado ao ano de 2018. Uma possível explicação para a escolha são os recentes episódios climáticos, como o aumento no número de queimadas na Amazônia ou a intensa onda de calor enfrentada pela China.

Cada país tem a sua tradição, sua cultura e vocabulário, e, no Brasil, mais especificamente no Nordeste, o cenário não é diferente. Após um levantamento realizado pela equipe do Portal FolhaPE, foram escolhidas algumas palavras que marcaram ou que foram muito usadas pela população em 2019.

Confira a lista e o que significa as palavras do ano escolhidas pela Folha de Pernambuco:

Amado(a): “Beloved?” Quem aí não se deparou com um “amado”, no mundo real e virtual? Nos últimos meses, a expressão viralizou e caiu nas graças do povo. O meme surgiu de uma resposta da cantora Fafá de Belém durante um momento da entrevista em que ela parece confusa. O termo é utilizado quando a pessoa não entende o que está acontecendo, quando está desmentindo alguém ou achando algo esquisito.

Auge: “Essa matéria não é ‘o auge não’, viu?” Muito utilizado pelos usuários do Twitter, a expressão se espalhou rapidamente entre a população. A palavra, no seu mais novo significado, indica o ponto máximo de ridículo que uma pessoa pode atingir.

Bença: “Ô, bença”. A palavra passou a ser mais utilizada no vocabulário popular em meados de 2016, mas, desde então, não saiu mais. Bença é a maneira informal da palavra bênção e consiste basicamente numa forma um tanto carinhosa de chamar alguém.

Biscoito: “Pense numa pessoa que vive querendo biscoito”. A palavra biscoito também ganhou um novo significado em 2019. Biscoito significa querer chamar a atenção de alguém ou de várias pessoas de alguma maneira, seja postando foto ou sendo “o aparecido” da roda de amigos. A pessoa que vive em função do biscoito é apelidada de biscoiteira e não é muito bem vista pela galera.

Coach: “Aprendi uma dica nova com o meu coach”. Essa não foi uma frase muito difícil de se ouvir em 2019. Vivemos, neste ano, a ascensão dos famosos “coaches”, profissionais que são muito admirados por uns e detestados por outros. O coach é, nada mais nada menos, que um treinador, uma pessoa que exerce a função de ajudar um cliente ou aprendiz a atingir um objetivo através de orientação.

Cancelado(a): “Você vai ser cancelada”. Famosos como Neymar, Carlinhos Maia e Paulo Gustavo foram “cancelados” pelo público durante este ano. Uma pessoa é “cancelada” quando realiza alguma atitude que seja desagradável, desrespeitosa ou preconceituosa. Espero que você nunca tenha sido “cancelado” pelo grupo de amigos.

Crise: “É tudo culpa da crise”. A crise não está no sentido conotativo. Foi comum nesses 12 meses ouvir lamúrias sobre o que a crise econômica causou na população. A alta do desemprego e demissões em massa podem estar entre os motivos pelo qual a palavra foi disparada uma das mais repetidas pelos internautas na enquete realizada pelo FolhaPE no perfil do portal no Instagram.

Empoderamento: “Empoderem-se”. O empoderamento, principalmente feminino, foi uma das pautas mais discutidas em 2019. Empoderar-se significa adquirir poder, domínio sobre um assunto ou sobre si mesmo.

Gratidão: “Seja grato!”. Você já agradeceu por algo hoje? Muitos dos nossos leitores agradeceram bastante por este ano. Com vitórias e derrotas, todos nós temos nem que seja um pequeno motivo para ser grato. Gratidão significa reconhecer uma pessoa ou algo que lhe prestou algum tipo de benefício ou representou algo na sua vida. E haja #gratidao nas redes sociais.

Mindset: “Controle sua mente”. O Mindset é mais uma palavra norte-americana que caiu na boca dos brasileiros. O termo significa, ao pé da letra, mente configurada e consiste na forma como você organiza os seus pensamentos e o tipo de mentalidade que cada indivíduo absorve para o seu dia a dia.

Resistência: “Resistir!”. A palavra resistência passou a ser mais discutida em meados de 2018 devido ao cenário político brasileiro. O ano passou, 2019 começou e o termo continua sendo bastante reproduzido pelos brasileiros. Resistir significa reagir contra algo pelo qual a pessoa tem adversidade, contra a ação de outro corpo. (Por: Marcia Rodrigues/Folha de Pernambuco)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.