Bolsonaro diz esperar que identifiquem mandante do crime de Marielle…
13/03/2019
Merendeira diz que ajudou a esconder 50 alunos na cozinha durante ataque…
13/03/2019

Clodoaldo Magalhães teme que Palácio Joaquim Nabuco ‘caia’…

A restauração do Palácio Joaquim Nabuco está orçada em R$ 17 milhões. O projeto está cadastrado no Ministério da Cultura, habilitado para captação de recursos pela Lei Rouanet. Leia-se: patrocinadores poderão abater do imposto de renda o aporte feito nesse tipo de restauro. Há duas alternativas em vista. Uma é que o aporte para a obra viesse do banco Santander, que administra a folha de pessoal da Assembleia Legislativa de Pernambuco. O outro é o BNDES. A licitação do projeto executivo e dos complementares foi lançada. Dado o valor elevado do restauro, ele não estava previsto no orçamento ao longo dos últimos anos. Daí, a necessidade de se buscar a iniciativa privada. Primeiro secretário da Casa nesse novo biênio, Clodoaldo Magalhães colocou a reforma entre as prioridades e, sem arrodear, admite: “O estado de conservação realmente não é bom. Minha preocupação é, exatamente, essa no biênio que a gente está, lá, como primeiro secretário nessa Mesa Diretora, que um patrimônio daquele caia”. Ele adverte: “A gente não quer que uma coisa como aconteceu no Museu do Ipiranga (fechado desde 2013 para reforma), um incêndio (como ocorreu com o Museu Nacional) ou qualquer coisa daquele tipo aconteça com o patrimônio do povo pernambucano”.

O Orçamento da Alepe é de R$ 520 milhões. Indagado sobre a razão de não haver verba para esse restauro, ele destaca “amarrações” no orçamento “no sentido do custeio que cresce” e cita a folha de pessoal. Desse orçamento, 80%, segundo Clodoaldo, está comprometido com pessoal. Ele classifica como “extremamente alto” esse volume e avisa que pretende “reduzir”. O socialista adianta: “Temos plano de estimular a aposentadoria para que a gente reduza esse percentual”. Clodoaldo falou desse e de outros assuntos em entrevista ao “No Cafezinho” que vai ao ar, hoje, no Youtube e no Portal da Folha de Pernambuco. Ainda ontem, no final da tarde, o deputado teve reunião com representantes do Santander, quando o tema do restauro foi à pauta. (Renata Bezerra de Melo / Folha de Pernambuco/ foto: Google Imagens)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.