Eduardo defende investigação sobre irmão de Coelho…
17/04/2014
Dúvidas sobre a Última Ceia de Cristo…
17/04/2014

Aécio revela que inflação será um dos focos da campanha…

20140417095842_cv_aecio_gde

O pré-candidato do PSDB ao Palácio do Planalto, senador Aécio Neves, já evidenciou que a inflação vai ser um dos focos principais do seu discurso na disputa pela Presidência da República, responsabilizando o atual governo pela retomada da alta dos preços. “Você também está preocupado com a volta da inflação?”. Esta é a chamada de menos de um minuto que foi postada na internet, na noite de ontem (16), avisando que programa de tevê da legenda tucana irá ao ar na noite de hoje, às 20h30.

“Há mais de um ano, eu venho dizendo: tomem cuidado que a inflação está voltando. O governo finge que não está acontecendo. Você compra hoje as mesmas coisas, quando vai ao mercado, que comprava um ano atrás? Claro que não”, afirma Aécio. “Mas se o governo não reconhece que a inflação está saindo do controle – a dos alimentos já está acima de 10% – ele não vai tomar as medidas necessárias para enfrentá-la. O que me preocupa é que muitas das conquistas que nos trouxeram até aqui estão indo embora”, continua.

“Porque não adianta você achar distribuir algum benefício para qualquer cidadão […] se, com a inflação, a receita que ele tem é corroída, o salário que ele tem ou o benefício que ele recebe vai embora”, diz o pré-candidato.

A inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) registrou em março a maior taxa desde abril de 2003, divulgou no último dia 9 de abril, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A variação de março, de 0,92%, repetiu o resultado verificado em dezembro de 2013 (também de 0,92%) e foi a maior variação verificada desde abril de 2003, quando a taxa ficou em 0,97%.

Já a taxa acumulada em 12 meses, que ficou em 6,15% em março, atingiu o maior patamar desde julho do ano passado, quando estava em 6,27%. (Estadão)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.