24/08/2018

Bolsonaro chama Lula de vagabundo, malandro e bandido…

Do G1 O candidato do PSL ao Palácio do Planalto, Jair Bolsonaro, fez, na manhã de hoje, uma carreata e uma caminhada pelas ruas de São José do Rio Preto em seu terceiro dia de campanha pelo interior de São Paulo. Ao chegar à cidade, ele fez um discurso em carro de som, no qual chamou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva – candidato do PT à Presidência – de “vagabundo”, “malandro” e “bandido”. Na fala aos apoiadores de sua campanha, Bolsonaro criticou institutos de pesquisa e veículos de imprensa pelo fato de Lula, que está preso em Curitiba desde abril, estar sendo incluído nos levantamentos de intenção de voto como postulante à Presidência. Na avaliação do candidato do PSL, a inclusão de Lula nas pesquisas é uma “vergonha”. “Um presidiário ocupando espaço em rádios, jornais e televisões como possível candidato. Vagabundo tem que estar preso e não concorrendo […]
23/08/2018

Mídia ajudou Lula a crescer nas pesquisas…

Até ir para cadeia em abril deste ano, o ex-presidente Lula tinha nas pesquisas de opinião cerca de 30% de intenções de voto. Supunha-se que não teria mais como crescer porque sua taxa de rejeição era estratosférica. Ocorre que mesmo trancafiado numa cela da Polícia Federal, em Curitiba, ele soube “pautar” a mídia nacional, e até internacional, com a versão de que o juiz Sérgio Moro o persegue e que o condenou sem provas. Assim, não passou um só dia da data da prisão até hoje sem criar um fato político. Foi notícia quando recebeu a visita do Prêmio Nobel da Paz, Adolfo Perez Esquivel, quando a juíza das execuções penais, Carolina Lebbos, impediu que recebesse a visita se alguns governadores, entre eles Paulo Câmara, quando um desembargador do TRF da 4ª Região mandou soltá-lo e outro desembargador, no mesmo dia, determinou que continuasse preso, quando a Comissão de Direitos […]
22/08/2018

Haddad e os que o conhecem: “Só de ouvir falar”…

Bruno Boghossian – Folha de S.Paulo Lula mantém 57 milhões de votos sub judice. O crescimento do ex-presidente nas pesquisas, mesmo preso, amplia a dimensão da estrada que o PT bloqueou ao insistir em sua candidatura ao Planalto, a um mês e meio da eleição. O novo levantamento do Datafolha sugere que, embora dois terços dos lulistas já escolham outros nomes quando o petista é excluído da disputa, como Marina Silva (Rede) e Ciro Gomes (PDT), o quadro pode mudar dramaticamente na campanha. Quase metade dos eleitores de Lula (48%) não conhece Fernando Haddad, que substituirá o ex-presidente na chapa. Outros 26% dizem que o conhecem “só de ouvir falar”. O desconhecimento seria uma fragilidade, não fosse a influência expressiva de Lula sobre seu eleitorado. O potencial de transferência medido na pesquisa atenua parte do ceticismo em relação a esse poder. Entre eleitores que declaram voto em Lula, 62% escolheriam “com certeza” o candidato apoiado por ele. Se esses eleitores mantiverem […]
21/08/2018

Ibope: se candidato, Lula apareceria com 37% e Bolsonaro em segundo, com 18%…

No cenário sem o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva  – condenado e preso na Operação Lava Jato –, o candidato Jair Bolsonaro (PSL) lidera a corrida presidencial das eleições 2018, com 20% das intenções de voto, segundo pesquisa Ibope/Estado/TV Globo divulgada nesta segunda-feira, 20. Ele é seguido por Marina Silva (Rede), com 12%, e Ciro Gomes (PDT), com 9%. Já no cenário em que Lula é incluído, o ex-presidente aparece em primeiro lugar, com 37%, e Bolsonaro cai para a segunda colocação, com 18%. Como Lula foi condenado em segunda instância e está preso por corrupção e lavagem de dinheiro, é candidato apenas do ponto de vista formal. Essa situação pode ser alterada a qualquer momento pela Justiça Eleitoral. Ou seja, o cenário mais provável da corrida eleitoral é aquele em que ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad figura como candidato do PT. 
20/08/2018

“A decisão da ONU visa garantir o regime democrático”, diz Haddad após visita a Lula…

O candidato à presidência pelo Partido dos Trabalhadores, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, recebeu, na manhã desta segunda-feira (20/08), as visitas da senadora Gleisi Hoffmann, presidenta nacional do Partido dos Trabalhadores, e de Fernando Haddad, porta-voz de Lula e candidato a vice na chapa petista. Essa foi a primeira visita dos advogados do presidente depois da decisão da ONU, que exige que o Estado brasileiro garanta o direito de Lula participar das eleições, incluindo todas as prerrogativas de um candidato, como participar dos debates, entrevistas e programa eleitoral.  Após a visita, Haddad afirmou que Lula está muito animado com a decisão da ONU, que considera histórica. “Nossa mobilização para garantir a presença de Lula na disputa presidencial vai aumentar com os organismos internacionais. Todos os jornais internacionais deram a decisão, enquanto localmente, ela foi minimizada pela mídia brasileira”, disse o porta-voz.  Haddad ressaltou ser muito raro que um Estado desafie as Nações […]
17/08/2018

ONU determina que Lula não pode ter candidatura barrada, segundo defesa…

A defesa de Lula divulgou nota, na manhã desta sexta-feira (17), informando que o Comitê Internacional de Direitos Humanos da ONU determinou que o ex-presidente deve ter livre acesso à mídia e não pode ter sua candidatura barrada antes de julgamento.  “[Estado brasileiro] Tome todas as medidas necessárias para que para permitir que o autor [Lula] desfrute e exercite seus direitos políticos da prisão como candidato nas eleições presidenciais de 2018, incluindo acesso apropriado à imprensa e a membros de seu partido politico.”, informa decisão da ONU.  Nota dos advogados do presidente Lula Na data de hoje (17/08/2016) o Comitê de Direitos Humanos da ONU acolheu pedido liminar que formulamos na condição de advogados do ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva em 25/07/2018, juntamente com Geoffrey Robertson QC, e determinou ao Estado Brasileiro que “tome todas as medidas necessárias para que para permitir que o autor [Lula] desfrute e exercite […]
15/08/2018

PT registra candidatura de Lula…

A presidente nacional do Partido dos Trabalhadores, senadora Gleisi Hoffmann, deixou há pouco o prédio do Tribunal Superior Eleitoral, em Brasília. O PT solicitou o registro da candidatura de Lula e do vice, Fernando Haddad. Durante a chegada, estava presente na comitiva a ex-presidente Dilma Rousseff, que falou em otimismo. O PT tem até o dia 17 de setembro para trocar o nome do candidato.
15/08/2018

Entenda os obstáculos da candidatura de Lula, que será oficializada hoje…

Correio Braziliense Com a esperança de obter uma decisão favorável na Justiça Eleitoral, o Partido dos Trabalhadores (PT) vai solicitar o registro de candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva à presidência da República, na tarde de hoje. Às 16h, a senadora Gleisi Hoffmann, que preside a legenda, vai ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília, com outras lideranças partidárias para formalizar o pedido. Mas o cenário não é bom para os petistas. Declarações recentes de ministros da Corte têm demonstrado que Lula pode ter um julgamento rígido e célere. Para tentar alongar a sobrevida na corrida eleitoral, os advogados pretendem apresentar, no momento do registro, certidões criminais de São Paulo, que não contém a condenação sofrida por ele no processo relacionado ao triplex do Guarujá. De acordo com a Lei Geral das Eleições (9.504), o candidato deve entregar, com a declaração de bens e do comprovante de filiação […]
15/08/2018

Paulo Câmara vai ao registro de candidatura de Lula em Brasília…

A disputa pela imagem do ex-presidente Lula – preso desde 7 de abril – continua na disputa entre os principais candidatos ao Governo de Pernambuco. Nesta segunda-feira (13), o senador Armando Monteiro Neto (PTB) postou na sua página oficial de facebook um vídeo vinculando sua imagem ao petista.  Nesta terça-feira (14), foi a vez do governador e candidato à reeleição, Paulo Câmara (PSB), também mostrar suas ligações com o ex-presidente. O socialista postou um vídeo curto, como nosso “print” abaixo mostra, ao lado do líder do PT. Paulo, aliás, vai comparecer ao registro da candidatura de Lula à presidência da República, às 16h, desta quarta-feira (15), em Brasília. (Blog da Folha)