Ricardo Teobaldo enaltece saída dos Ferreiras da Frente Popular…

A posição do governo do Estado em relação à decisão que o prefeito de Jaboatão, Anderson Ferreira, o deputado estadual André Ferreira e todo seu grupo político tomou mostra que o desespero Leia mais »

Venha pra TiConnect….

19     Leia mais »

Paulo Câmara: ‘Não vou decidir vaga de Senado e vice agora’…

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), afirmou, nesta quinta-feira (21), que não vai decidir vaga para o Senado ou para vice agora, mas “no momento certo”. A fala do gestor ocorre Leia mais »

A crônica de um rompimento anunciado …

Teve fim no dia de ontem a relação entre o grupo Ferreira e a Frente Popular, mas já havia indicativos de que esta aliança não prosperaria. Os Ferreira vinham numa clara ascensão Leia mais »

São João 2018 de Salgadinho- PE…

Leia mais »

Category Archives: Em Destaque

Ricardo Teobaldo enaltece saída dos Ferreiras da Frente Popular…

A posição do governo do Estado em relação à decisão que o prefeito de Jaboatão, Anderson Ferreira, o deputado estadual André Ferreira e todo seu grupo político tomou mostra que o desespero está batendo à porta do Palácio do Campo das Princesas.

Está muito claro para o povo de Pernambuco a incoerência do governador Paulo Câmara e os seus aliados, quando afirmam que Anderson e André saíram porque estão em busca de um espaço majoritário, que não é verdade.

A verdade é que Anderson, André e todos que fazem o PSC tomaram a decisão certa, que é ajudar na construção de um novo Pernambuco.

Um Pernambuco que ofereça uma nova agenda social e econômica para a população e um governo que tenha liderança, que dialogue com a sociedade e volte ter presença e voz no cenário nacional.

Ricardo Teobaldo

Deputado Federal / Presidente do Podemos em PE.

Venha pra TiConnect….

19

 

 

Paulo Câmara: ‘Não vou decidir vaga de Senado e vice agora’…

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), afirmou, nesta quinta-feira (21), que não vai decidir vaga para o Senado ou para vice agora, mas “no momento certo”. A fala do gestor ocorre após anúncio de rompimento do clã Ferreira, que deve integrar a Frente das Oposições, que terá o senador Armando Monteiro Neto (PTB) na cabeça de chapa. De acordo com Câmara, o PSC, do deputado federal André Ferreira quer antecipar o debate.

“O PSC quer antecipar um debate que a gente não vai fazer agora. Tenho que governar Pernambuco, tenho que fazer a administração correr e não vou decidir vaga de Senado, vaga de vice-governador agora. Vamos decidir no momento certo, conversando, sentando na mesa e não soltando nota”, declarou o governador após a entrega do Prêmio Ariano Suassuna de Cultura Popular e Dramaturgia, no Palácio do Campo das Princesas.

Questionado sobre o Solidariedade, que faz parte da base governista, mas que estaria insatisfeita com a perda de espaço na gestão, Paulo Câmara afirmou que “tem conversado muito” com a legenda. “Quanto ao Solidariedade, eu desconheço, pelo contrário, a gente tem conversado muito com o Solidariedade e os movimentos todos que nós fazemos são de valorização desse partido que está presente nessas discussões conosco”, avaliou o socialista.

Indagado se pleneja dar mais espaço para os partidos da base no Governo, Paulo Câmara afirmou que “o momento é de conversar”. “De ver o que falta. Tenho muito o que fazer ainda até dezembro e eu tô com a ajuda de quem quer me ajudar. Vários partidos da base têm indicado pessoas que têm nos ajudado a governar Pernambuco. Estou muito satisfeito com essas indicações”, disse. (Folha de Pernambuco)

A crônica de um rompimento anunciado …

Teve fim no dia de ontem a relação entre o grupo Ferreira e a Frente Popular, mas já havia indicativos de que esta aliança não prosperaria. Os Ferreira vinham numa clara ascensão desde 2010 quando Anderson Ferreira foi eleito deputado federal. Naquela ocasião eles tiveram uma baixa que foi a não reeleição do deputado estadual Manoel Ferreira que exerceu sete mandatos na Assembleia Legislativa de Pernambuco. Mas pela primeira vez a família conseguiu chegar à Câmara Federal.

Na eleição seguinte, pela segunda vez consecutiva, André Ferreira foi eleito o vereador mais votado do Recife, consolidando um projeto que estava em franca ascensão. Dois anos depois, veio a vitória de Anderson, reeleito com o triplo de votos e a posição de quinto mais votado do estado, e a vitória de André Ferreira, como o quarto deputado estadual mais votado de Pernambuco. Ali já havia sinais de fortalecimento que o Palácio foi incapaz de enxergar. Anderson por sua vez demonstrou astúcia quando conseguiu tirar de Inocêncio Oliveira a presidência estadual do PR, o que mais uma vez o colocava no rol dos principais nomes do estado.

Nas eleições de 2016 após ensaiar disputar a prefeitura do Recife, Anderson acabou optando pela vizinha Jaboatão dos Guararapes, e mesmo sem contar com a simpatia de Paulo Câmara, foi o mais votado do primeiro turno, deixando de fora o candidato escolhido pelo Palácio que foi o inexpressivo Heraldo Selva e enfrentando Neco, um histórico vereador da cidade. Vale ressaltar que o governador chegou a afirmar em alto e bom som que na cidade ele só tinha um candidato e esse candidato era Heraldo.

No segundo turno, apesar de já ter obtido uma boa vitória na primeira etapa, Anderson não contou com a simpatia do Palácio, que permitiu muitos de seus aliados apoiarem a candidatura de Neco, e mesmo sem o apoio do governador, Anderson acabou vitorioso. Aquela eleição deixou trincas na relação entre os Ferreira e o Palácio, mas continuou até ontem quando o grupo que comanda Jaboatão anunciou o seu rompimento com o governador Paulo Câmara.

Apesar de não terem anunciado o caminho a ser trilhado, é justo interpretar que a família Ferreira irá apoiar a postulação de Armando Monteiro, que na eleição de 2016 foi solidário a Anderson desde o primeiro momento. Ainda não se sabe se André Ferreira irá para o Senado ou se optará pelo mandato de deputado federal, mas acabou trilhando o caminho que estava óbvio, que era o palanque oposto ao do PSB, que por sua vez fez uma clara questão de empurrá-los para a oposição.

A partir de agora, Paulo Câmara que já não contava com Camaragibe, Igarassu, Ipojuca e São Lourenço da Mata, terá o município de Jaboatão dos Guararapes na oposição, que é o segundo maior eleitorado do estado e que pode ter um papel importante na eleição estadual de 2018 criando um fato político que, se confirmado, dará maior musculatura ao projeto liderado pelo senador Armando Monteiro. (Por Edmar Lyra)

São João 2018 de Salgadinho- PE…

PSB diz que não aceitou imposição dos Ferreiras…

Nos últimos anos não faltou ao governador Paulo Câmara capacidade de dialogar com todas as forças políticas de Pernambuco. Nosso Estado se firma na Federação como um dos poucos que consegue atravessar a grave crise econômica causada pelos problemas vindos de Brasília, sem descuidar de importantes investimentos na segurança pública, na saúde e sobretudo na educação.

No processo eleitoral que se avizinha, o grupo familiar dos Ferreira enxerga apenas sua participação ocupando uma das vagas que disputará o Senado da República.

Diante disso, entendemos que o atual afastamento, depois de quarenta e dois meses de presença no Governo do Estado e na Prefeitura do Recife, se dá unicamente no fato de termos demonstrado que não haverá espaço na futura chapa majoritária da Frente Popular para o referido grupo familiar, uma vez que não faz parte da história do nosso conjunto aceitar esse tipo de imposição.

Sileno Guedes

Presidente Estadual do PSB-PE

Grupo Ferreira rompe com o governador Paulo Câmara…

Há alguns meses o nosso grupo vem dialogando com vários segmentos da sociedade sobre a necessidade do Estado de Pernambuco iniciar um novo ciclo de mudança. A este Governo falta diálogo, capacidade administrativa e, principalmente, liderança.

Hoje a sociedade cobra coragem nas posições políticas. Nós temos essa coragem e fazemos política por convicção. Não concordamos com a prática do poder pelo poder e nem aceitamos um governo que seja refém da barganha.

Que se submete a trocar cargos por apoio eleitoral e ainda interfere na vida orgânica de alguns partidos.

O nosso grupo faz parte de uma geração de políticos que tem compromisso com a verdadeira mudança. Sabemos o exato tamanho que temos e como podemos contribuir para um novo Pernambuco.

Queremos um Estado em que as pessoas se sintam protegidas e amparadas. Por vezes, fomos a público alertar sobre os problemas que vêm se acumulando e que este Governo não demonstra mais qualquer capacidade para resolvê-los.

Nos últimos três anos e meio procuramos colaborar da melhor forma possível com o Governo do Estado, mas, diante do que foi exposto, o nosso grupo político optou por tomar um novo caminho nas eleições deste ano em Pernambuco.

Anderson Ferreira

Prefeito de Jaboatão dos Guararapes

André Ferreira

Deputado estadual e presidente regional do PSC

Sebastião Oliveira comemora saída dos Ferreira da Frente Popular…

Não me causou nenhuma surpresa o afastamento dos Ferreira da Frente Popular de Pernambuco, tendo em vista que nunca houve participação colaborativa deles nos programas desenvolvidos em nosso Estado, tampouco nos problemas enfrentados.

Essa atitude apenas constata que o único e nítido interesse era impor uma vaga majoritária para o Senado. A arrogância e a soberba nortearam essa aspiração e, desta maneira, obviamente, não se constrói um caminho para o futuro dentro de uma frente que sempre primou pelo respeito e diálogo.

Na realidade, este grupo jamais foi de fato um aliado “Raiz”, mas puramente de conveniência.

A vida me ensinou que não podemos perder aquilo que nunca tivemos.

Sebastião Oliveira
Deputado Federal
Presidente Estadual do Partido a República (PR)

Gleisi desautoriza Marília a fechar alianças pelo PT…

Em entrevista a Geraldo Freire, nesta quinta (21), a senadora e presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, desautorizou a vereadora Marília Arraes a fechar alianças em nome do partido. Gleisi foi enfática em afirmar que a prioridade do PT é o senador Humberto Costa, favorável à aliança com o PSB.

A “aliança” de Silvio Costa pode implodir a candidatura de Marília. Todas as correntes do PT, da base à direção, desaprovaram o casamento. Essa negativa ganha ainda mais força em decorrência da ligação umbilical de Silvio Costa com o senador Armando Monteiro, pré-candidato a governador que está com as forças políticas que apoiam o presidente Michel Temer em Pernambuco, a exemplo do senador Fernando Bezerra Coelho e dos deputados Mendonça Filho e Bruno Araújo.

“Ela (Marília) sabe que são movimentos que, se o PT não assumir, eles vão ser efetivos e não vão ajudá-la também a construir a pré-candidatura. Ela tem possibilidade de fazer conversação, no processo de composição, de construção do posicionamento político, mas isso passa por uma decisão partidária. É tanto a decisão principalmente do diretório nacional. Marília e a direção do partido em Pernambuco sabem disso”, destacou Gleisi.

“Aí em Pernambuco a nossa prioridade é o senador Humberto Costa. Que já é o nosso senador, já atua no plano nacional. É uma liderança consolidada do PT e isso não é uma questão só em Pernambuco, nós temos uma resolução do partido, do final do ano passado, hierarquiza as nossas prioridades. Primeiro o projeto nacional, a eleição de Lula, porque é no projeto nacional, que, efetivamente, a gente tem condições de mudar a vida do País, a vida das pessoas”, cravou. (Edmar Lyra)

Festejos Juninos 2018 em João Alfredo…

Festejos Juninos do Bom Jardim-PE…

Alepe concede Título de Cidadã Pernambucana à Diretora Regional do Grupo Unifavip|Wyden…

Por iniciativa do deputado estadual Zé Maurício, a Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) entregou, em Reunião Solene – realizada na noite desta quarta-feira (20) – o Título de Cidadã Pernambucana à administradora Mauricélia Bezerra Vidal Montenegro, atual Diretora regional do Centro Universitário Vale do Ipojuca-Unifavip/ Wyden(anterior DeVry), localizado em Caruaru, no Agreste Central.

Ganhadora do prêmio “Excelência em Liderança” em 2014 da Devry em Chicago, em reconhecimento aos melhores gestores do grupo no mundo, além de integrar o programa de desenvolvimento de carreira Catalyst nos EUA e fazer parte do EDGE – grupo de empoderamento feminino também nos Estados Unidos – , Mauricélia nasceu em uma família de agricultores em Santana dos Garrotes na Paraíba. Tendo ido morar em Campina Grande muito jovem, trabalhou no comércio e formou-se em Administração de Empresas pela Universidade Federal de Campina Grande (PB).

Mestra em Ciência Política pela UFCG, ao se mudar para Caruaru, há 17 anos, ingressou nos quadros da então Faculdade Vale do Ipojuca (Favip), onde assumiu o cargo de coordenadora. Doutoranda em Administração, Mauricélia é atualmente Diretora Regional de 5 Instituições de Ensino Superior do Grupo Unifavip|Wyden na PB, PE e BA, sendo responsável por cerca de 23 mil estudantes e 2 mil colaboradores. No Recife, ela ainda dirige a Faculdade de História da UniFBV/Wyden.

“Obrigado, Mauricélia! Pernambuco a homenageia nesta noite e a agradece por todos os frutos que foram dados ao nosso povo nos últimos 17 anos”, ressaltou o deputado Zé Maurício, que reverenciou o fato de a homenageada, mãe de duas filhas gêmeas, ter tido uma vida sempre guiada e transformada pela educação – paixão que repassa a outras tantas pessoas.

O discurso do parlamentar foi sublinhado por outros presentes, como o deputado Tony Gel, que presidiu a Sessão Solene, e deputada Laura Gomes, que também acompanhou a homenagem, além da Coordenadora Acadêmica da Unifavip|Wyden, Dra. Emília Queiroz, entre outros participantes da ocasião. (Assessoria)

Powered by WordPress | Designed by: diet | Thanks to lasik, online colleges and seo