Após liberação do óleo de canabidiol no Piauí, empresários estudam cultivo de maconha…

Após o Estado do Piauí liberar a produção do óleo do canabidiol, uma das substâncias presentes na maconha, usada para o tratamento de convulsões, um grupo de empresários brasileiros do agronegócio estudam as possibilidades comerciais de plantar a erva.

Segundo informações da coluna de Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo, os empresários já contrataram advogados de São Paulo para descobrir os trâmites legais que o negócio vai requerer. A autorização do fabrico do óleo foi concedida no final de dezembro pelo governador do Piauí, Wellington Dias (PT), com previsão de iniciar a produção já em janeiro deste ano. Com a medida, o Piauí será o primeiro estado no Brasil a produzir o óleo.

Os trabalhos serão desenvolvido em uma parceria envolvendo a Universidade Federal do Piauí (UFPI), a Universidade Estadual do Piauí (Uespi), a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (Fapepi), a Secretaria Estadual de Saúde (Sesapi) e o Centro Integrado de Reabilitação (CEIR). O investimento inicial previsto é de R$ 1 milhão e, no começo do estudo, 150 pacientes deverão receber o óleo.

No estado, 21 pacientes já fazem uso da medicação, por meio de ordens judiciais – com a produção local, não será mais necessário importar o óleo da Califórnia, nos Estados Unidos, ou de Israel. (Waldiney Passos)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by WordPress | Designed by: diet | Thanks to lasik, online colleges and seo