03/07/2021

Vacinas AstraZenica em João Alfredo – NOTA

13/06/2021

EUA autorizam envio de 3 mi de doses da vacina da Janssen ao Brasil para a próxima semana

FolhaPress A FDA, agência reguladora de medicamentos dos Estados Unidos, autorizou o envio de 3 milhões de doses de vacinas da Janssen (braço farmacêutico da Johnson & Johnson) ao Brasil. Segundo o Ministério da Saúde, a previsão é de que os imunizantes cheguem na próxima semana, mas ainda não há data definida. O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, pretende dar mais detalhes em entrevista à imprensa neste sábado. Como a Folha mostrou, as 3 milhões de doses que vão chegar ao Brasil têm prazo de validade até 27 de junho e precisam ser aplicadas até esta data. As vacinas devem ser distribuídas apenas às capitais — o que já estava sendo feito com a Pfizer, que exigia um esquema especial de manutenção a baixas temperaturas. O Ministério da Saúde diz também que fará uma ampla campanha de utilidade pública incentivando as pessoas a procurarem os postos de saúde. Segundo a […]
06/06/2021

Especialistas alertam para a importância do relato de quem teve reação à vacina contra Covid

G1 Quem já tomou vacina pode ajudar a Ciência a avançar mais um pouco no combate à Covid. Relatar reações adversas às autoridades sanitárias e aos fabricantes é fundamental para aperfeiçoar bulas e até o uso dos imunizantes. É a chamada fase quatro das vacinas. Além da dorzinha da picada, costumam ser poucas e leves as reações depois das vacinas contra a Covid. Alguma dor, um pouco de febre e moleza são reações comuns do corpo a elementos novos que vão estimular o sistema imunológico a combater o coronavírus. A maioria das reações passa em um ou dois dias e está prevista na bula das vacinas. Mas o que pouca gente sabe é que relatar todas as reações, sejam elas leves, mais fortes ou diferentes do comum, é muito importante para a fase 4 das vacinas, a fase da chamada farmacovigilância. “A farmacovigilancia é um processo continuo. É um processo continuo […]
17/06/2017

Anvisa determina suspensão de uso e distribuição de vacina contra rotavírus…

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou a suspensão da distribuição e do uso de 16 lotes da vacina Rotarix, imunizante oral utilizado para a proteção contra diarreia e vômito causados pela infecção por rotavírus humano. A decisão foi publicada hoje (16) no Diário Oficial da União (DOU). De acordo com a agência foi identificada desvio de qualidade na vacina em decorrência da “perda de integridade das bisnagas, durante o processo de fabricação, que resultou no vazamento das bisnagas contendo a vacina”. As vacinas, fabricadas pela empresa GlaxoSmithkline, na Bélgica, são distribuídas no país pelo Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos Bio-Manguinhos. Além da suspensão, a Anvisa também determinou o recolhimento dos lotes com data de validade vigente que ainda estiverem disponíveis no mercado. Continua…
16/05/2017

Em quase um mês de campanha, 46% dos grupos de risco recebem vacina contra gripe em PE…

Desde o início da campanha de vacinação contra a gripe, no dia 17 de abril, até a manhã desta segunda-feira (15), 1,07 milhão de pessoas receberam a dose contra a influenza em Pernambuco. De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES), o número representa 46,3% do grupo prioritário, composto por 2,3 milhões de pessoas. A meta da pasta é vacinar pelo menos 90% da população que faz parte grupos prioritários até o dia 26 de maio. De acordo com a SES, os grupos prioritários são formados por idosos, crianças entre seis meses e menores de cinco anos, gestantes, puérperas, indígenas e portadores de doenças crônicas não transmissíveis. Jovens de 12 a 21 anos que estão sob medidas socioeducativas, detentos e funcionários do sistema prisional, professores dos ensinos básico e superior de escolas públicas e privadas e profissionais de saúde também fazem parte da população que tem prioridade para receber […]
03/05/2017

Adagro espera que 90% dos bovinos sejam vacinados contra a febre aftosa no estado…

A Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado (Adagro) espera que 90% do rebanho de bovinos seja vacinado contra a febre aftosa, até o dia 31 deste mês no estado. Atualmente, Pernambuco conta com 1,9 milhão de animais. O proprietário que não providenciar a imunização fica impossibilitado de se cadastrar em programas do governo, além de pagar multa de, no mínimo, R$ 60, a depender da gravidade da situação. A vacinação teve início na segunda-feira (1º). Essa é a primeira etapa da campanha. O proprietário pode adquirir a vacina em casas agropecuárias. Ele deve declarar a vacinação nos escritórios da Adagro. Vale ressaltar que os recém-nascidos também devem ser imunizados. O preço de um frasco, com dez doses, custa, em média, R$ 13,50. A vacina precisa ficar conservada em gelo. A Agência recomenda que ela seja aplicada nas horas mais frias do dia para evitar o estresse dos animais. […]
06/04/2017

Segunda dose de vacina contra a febre amarela passa a ser dispensável…

O governo brasileiro decidiu adotar orientações internacionais e recomendará, a partir de agora, apenas uma dose da vacina contra a febre amarela durante toda a vida. As pessoas que já se vacinaram quando eram bebê e têm a carteira com a comprovação, não precisam mais tomar a dose chamada de “reforço”, após os 10 anos. A medida começa a valer neste mês e se adapta a estudos feitos pela Organização Mundial da Saúde (OMS) que atestam a eficácia da dose única, sem necessidade de complementação. Em 2014, a OMS já havia recomendado a mudança, mas o Ministério da Saúde entendeu na época que eram necessários mais estudos para adotar o protocolo.  “Quem já tomou alguma dose, não precisa mais se vacinar”, garantiu o ministro da Saúde, Ricardo Barros. Continua…
23/02/2016

Obama pede US$ 1,9 bilhão ao congresso para combater zika…

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, solicitou ontem (22) ao Congresso um adicional de US$ 1,9 bilhão ao orçamento do ano fiscal 2016 para combater o vírus da zika, US$ 100 milhões a mais do que tinha anunciado no início do mês. “Peço ao Congresso que considere para o ano fiscal 2016 a solicitação de créditos suplementares de emergência de aproximadamente US$ 1,9 bilhão para responder ao vírus da zika tanto em nível nacional como internacional”, escreveu Obama em carta dirigida ao presidente da Câmara dos Representantes, o republicano Paul Ryan. Continua…
30/04/2015

Vacina que poderá eliminar vício em cigarro é testada em humanos…

Fumantes poderão no futuro serem vacinados para que deixem de sentir prazer com o cigarro. Uma vacina que leva o organismo a produzir anticorpos contra a nicotina, uma das substâncias presentes no cigarro que provoca sensação de prazer e dependência, já está sendo testada em 275 pessoas, com idades entre 18 e 60 anos, no Canadá. A pesquisa, que está sendo desenvolvida pela farmacêutica Pfizer, começou em 2012 e já teve sucesso em roedores. Não há previsão de término do estudo e lançamento no mercado. A vacina tem como objetivo estimular o sistema imunológico e criar anticorpos contra a nicotina, de acordo com a diretora médica de vacinas da América Latina e Canadá da Pfizer, Jéssica Presa. A ideia é que esses anticorpos “grudem” na nicotina e, como se tornarão uma única molécula “grande”, não conseguirão ultrapassar a barreira hematoencefálica [cerebral]. Assim, a nicotina não chegará ao cérebro e a pessoa […]