Prefeitos do Sertão do São Francisco participam de ato de apoio a Miguel Coelho
13/03/2022
Fragmento Bíblico
13/03/2022

Zé Martins receberá Miguel Coelho mais uma vez em João Alfredo

Foto Lucivaldo Lima (arquivo)

O  prefeito de Petrolina e pré-candidato a governador de Pernambuco,Miguel Coelho (UB), estará em João Alfredo na próxima quarta-feira (16), quando enfocará, através de coletiva de imprensa, tópicos do Movimento Por Pernambuco. Na Cidade Feliz, Miguel será recebido pelo prefeito Zé Martins (PSB) e o vice-prefeito Caboclo (Avante), a partir das 17 hs, no Palácio Municipal Prefeito Joaquim Gomes Cavalcanti, sede da municipalidade, juntamente com os vereadores Walque Dutra (PSB- pres. da CMJA), Júnior Dezim (PSD), Jozivan Guedes (PSB), Jairo Soares (PSB), Raimunda Enfermeira (PSD), David Santos (PSD), Joanna Amélia (PSB), Joana do Sindicato (PSB) e  Keinho (PSB), além de secretários, demais lideranças, e populares, de lá rumando ao Clube Society Valdecir Martins, no Bairro dos Bultrins,  onde acontecerá o evento.
Apesar de filiado ao PSB, Zé Martins declarou apoio à pré-candidatura de Miguel Coelho no ano passado, alegando gratidão ao senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) e ao deputado federal Fernando Filho (UB), pelos benefícios trazidos ao município através de emendas parlamentares. Também pesou, segundo o gestor, a falta de apoio do governador Paulo Câmara à atual gestão municipal. “Pernambuco tem tudo para voltar a ter força; só não tem um governo eficiente e com um projeto consistente para tornar isso possível. Precisamos de mudança para mudar, de fato, a vida das pessoas. Pernambuco precisa da nossa união para que recupere a sua esperança. Tamos juntos.” Disse Zé Martins, através das redes sociais, externando suas expectativas para as eleições deste ano.
Miguel Coelho é mais uma das lideranças que fazem oposição ao atual governo estadual, assim como Raquel Lyra (PSDB) e Anderson Ferreira (PL). Segundo o jovem líder petrolinense, parcerias políticas são importantes, mas o que pesa mesmo é o apoio do eleitor. A última vez que a oposição venceu uma eleição de governador em Pernambuco foi em 2006, com dois candidatos desta facção no primeiro turno. Em seu giro pelo Estado, Miguel frisa que é essencial ter a humildade de construir pontes, até porque os apoios políticos são muito importantes, mas o essencial para uma vitória política é o apoio e a confiança da pessoas no projeto que se apresenta. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.