11/03/2018

Após 1 ano, transposição já retira 1 milhão do colapso…

Fabiano Maisonnave e Eduardo Knapp – Folha de S.Paulo Foi aos 45 minutos do segundo tempo. Após seis anos de seca, o açude Boqueirão, única fonte de abastecimento de Campina Grande (PB), registrava apenas 2,9% de sua capacidade —o nível mais baixo desde a inauguração, em 1957, pelo então presidente Juscelino Kubitschek. “Só tinha água duas vezes por semana. Enchia uns bocados de baldinho, porque não podia comprar a caixa-d’água”, lembra a pensionista Teresinha Peres, 77. “E cheirava horrível, tinha um mau gosto.” À beira do abismo, a ansiedade dos campinenses era enorme quando a água do São Francisco chegou ao Boqueirão, em 18 de abril de 2017. Levou 38 dias para encher os 110 km de leito seco do rio Paraíba entre o açude e o final do canal da transposição do Eixo Leste, inaugurado um ano atrás. Não havia plano B. “É quase impossível imaginar o atendimento de Campina Grande com carro-pipa”, diz Ronaldo Meneses, gerente […]
03/02/2018

Michel Temer inaugura mais uma etapa da transposição do Rio São Francisco…

Ao inaugurar ontem (2) a segunda etapa do Eixo Norte da Integração do Rio São Francisco, o presidente da República, Michel Temer, atribuiu o avanço nas obras da região ao aporte de recursos feito pelo Governo do Brasil nos últimos meses. Na visão do presidente, a obra é uma forma de prestigiar o povo do Nordeste, que “sustenta o nosso país”. “Sem embargo das dificuldades econômicas, porque as obras estavam paralisadas, o que nós fizemos foi aportar recursos e recursos altos”, disse o presidente. “Nós rompemos com uma cultura que é muito tradicional na nossa atividade administrativa. Quem chega não quer continuar ou não quer prestigiar as obras adequadas que se iniciaram no passado”, salientou. Continua…
11/03/2017

Foi Lula quem tirou transposição do papel…

A briga pela paternidade da transposição das águas do rio São Francisco acontece porque essa obra tem sido muito bem recebida por populações carentes de regiões que sofrem há séculos com a seca. Todos os políticos querem ser o pai da criança. Essa obra é imaginada desde o império, no século 19. Mas foi o então presidente Lula quem tirou a ideia do papel em 2007, dez anos atrás. A maior parte da transposição aconteceu na gestão Dilma. E, com baixa popularidade, o presidente Michel Temer está inaugurando os trechos finais. Para Lula, que luta para ser candidato à Presidência em 2018, lembrar que deu início à obra é importante e incomoda o atual governo. Quando a água já tiver chegado às torneiras, daqui a alguns dias, o petista fará uma visita aos mesmos locais em que Temer esteve nesta sexta. (Fonte: Magno Martins)
07/05/2016

Projeto de Integração do São Francisco está em fase final com 86,3% das obras concluídas, diz ministério…

Em abril, o Projeto de Integração do Rio São Francisco alcançou o índice de 86,3% de avanço físico nos dois eixos de obras. Ontem (6), em Cabrobó, a presidenta Dilma Rousseff visitou uma das maiores estruturas do projeto: a segunda estação de bombeamento (EBI-2) do Eixo Norte. Acompanhada dos ministros Josélio Moura, da Integração Nacional, e Maurício Muniz, da Secretaria de Portos, Dilma Rousseff sobrevoou trechos da maior obra de infraestrutura hídrica do país. “Esta é uma obra que há muito tempo estava proposta para o Brasil, desde a época de Dom Pedro II. Nós escolhemos fazer a Integração do São Francisco porque trazer água para essa região do Nordeste era uma das exigências para garantir condições dignas de vida à população”, afirmou a presidenta. Continua…