17/06/2022

Petrobras aumenta gasolina em 5,2% e diesel em 14,2%

Folha de S. Paulo – Após resistir à pressão do governo, a Petrobras anunciou, há pouco, reajustes de 5,2% no preço da gasolina e de 14,2% no preço do diesel, alegando que o mercado de petróleo passou por mudança estrutural e que é necessário buscar convergência com os preços internacionais.  Após 99 dias sem aumentos, o preço médio da gasolina nas refinarias da estatal passará de R$ 3,86 para R$ 4,06 por litro. Já o preço do diesel passará de R$ 4,91 para R$ 5,61 por litro. O último ajuste ocorreu há 39 dias. Em nota, a empresa disse que, “com esse movimento, a Petrobras reitera seu compromisso com a prática de preços competitivos e em equilíbrio com o mercado, ao mesmo tempo em que evita o repasse imediato para os preços internos da volatilidade das cotações internacionais e da taxa de câmbio”. Afirmou ainda que “é sensível ao momento […]
17/06/2022

Petrobras ignora Bolsonaro e anuncia alta de combustíveis hoje

O Globo – Em mais um capítulo da pressão que exerce sobre a Petrobras para evitar novos reajustes dos preços dos combustíveis, o presidente Jair Bolsonaro colhe hoje um revés.  A pedido do governo, o Conselho de Administração da Petrobras fez ontem uma reunião extraordinária para avaliar um possível adiamento dos reajustes nos combustíveis até que sejam aprovadas no Congresso as medidas de desoneração propostas para conter a alta dos preços nas bombas. O tiro acabou saindo pela culatra. Os conselheiros concluíram que cabe aos diretores da estatal essa decisão e não ao colegiado. Com esse sinal verde, a empresa anuncia hoje um novo reajuste de gasolina e diesel, segundo fontes que acompanharam o encontro virtual na tarde de ontem. A decisão contraria os interesses eleitorais do presidente Jair Bolsonaro, que já determinou a troca do comando da Petrobras e vem pressionando a empresa para não reajustar diesel e gasolina enquanto costura no Congresso um pacote de medidas para desonerar os combustíveis, particularmente diesel […]
17/06/2022

Bolsonaro: ‘Espero que a Petrobras não queira aumentar o diesel e gasolina’

Por: Taísa Medeiros – Correio Braziliense – O presidente Jair Bolsonaro (PL) disse, na noite de ontem (16) — durante a tradicional live semanal nas redes sociais —, que um reajuste no preço dos combustíveis por parte da Petrobras seria “interesse político para atingir o governo federal”. A área técnica do conselho administrativo da estatal vinha defendendo um aumento do preço do diesel, sob o argumento de que a defasagem entre o preço internacional e local chega a 26% nas contas da estatal — o que poderia impactar nas importações e no abastecimento do país. “Eu espero que a Petrobras não queira aumentar o diesel e nem a gasolina nesses dias que nós estamos negociando aqui, e acertando com o parlamento. Tremenda boa vontade dos parlamentares nessa negociação. Eu só posso entender que um reajuste da Petrobras agora seria interesse político para atingir o governo federal”, disse o presidente, em live. […]
24/05/2022

Bolsonaro demite presidente da Petrobras após 40 dias no cargo; governo indica novo nome

AFP – O presidente Jair Bolsonaro demitiu ontem (23) o presidente da Petrobras, José Mauro Coelho, que estava há 40 dias no cargo, em meio à pressão incessante devido aos aumentos dos preços dos combustíveis. “O Governo Federal, como acionista controlador da Petróleo Brasileiro S.A. – Petrobras, participa que decidiu promover a alteração da presidência da empresa”, anunciou em nota o Ministério de Minas e Energia. Sem citar os motivos específicos da demissão, o governo agradeceu Coelho por sua gestão e ressaltou que “o Brasil vive atualmente um momento desafiador, decorrente dos efeitos da extrema volatilidade dos hidrocarbonetos nos mercados internacionais”, segundo o comunicado. Como novo presidente, o governo propôs Caio Mário Paes de Andrade, atual secretário de Desburocratização do Ministério da Economia. Os dois presidentes anteriores, Roberto Castello Branco e Joaquim Silva e Luna, também foram demitidos em meio ao aumento dos preços dos combustíveis. “O indicado reúne todas as qualificações para […]
06/07/2021

Preços da gasolina, diesel e gás aumentam nesta terça-feira nas refinarias

Agência Brasil Os preços da gasolina, do diesel e do gás de cozinha (GLP) sobem nesta terça-feira (6) nas refinarias. De acordo com a Petrobras, a gasolina aumenta, em média, R$ 0,16 (6,3%), fazendo com que o litro do combustível saia de R$ 2,53 e chegue a R$ 2,69. O diesel tem médio de R$ 0,10 (3,7%) por litro, e passa a custar R$ 2,81 nas refinarias da Petrobras. O gás de cozinha (GLP) para as distribuidoras sobe R$ 3,60 por quilograma (kg), refletindo um aumento médio de R$ 0,20 por kg. Segundo a Petrobras, os reajustes acompanham a elevação nos patamares internacionais de preços de petróleo e derivados. A empresa informa também que evita repassar imediatamente a volatilidade externa aos preços do mercado interno, mas busca o equilíbrio de seus valores com o mercado internacional e a taxa de câmbio. Segundo a estatal, tal alinhamento “é fundamental para garantir […]
06/06/2018

A Petrobras corre real perigo…

Elio Gaspari – Folha de S.Paulo A Petrobras arruinou-se no mandarinato petista por diversos motivos. Deles, o mais pueril foi a retórica da arrogância. Infelizmente, dela e do governo têm partido declarações destinadas a iludir a boa-fé do público fingindo desconhecer a barafunda criada pela política de preços dos combustíveis. Podiam ficar só nisso. A retórica da arrogância foi exercitada à exaustão pelos petrocomissários. Basta que se recapitule um caso. Em 2012, um funcionário da companhia holandesa SBM denunciou suas maracutaias internacionais. Elas foram confirmadas por uma investigação interna que resultou numa indenização milionária ao governo holandês. Sabia-se, pela denúncia, que a SBM teria distribuído pelo menos US$ 139 milhões a intermediários e hierarcas da estatal brasileira para azeitar contratos de aluguel de plataformas. Dois anos depois, uma equipe da Petrobras foi à Holanda verificar o caso e anunciou-se que nada acontecera de anormal. Engano, pois a SBM começaria a […]
30/05/2018

Em plena crise, Petrobras aumenta preço da gasolina…

A Petrobras voltou a aumentar o preço da gasolina, depois de cinco quedas consecutivas do valor do combustível. A partir de amanhã (31), o preço nas refinarias subirá 0,74% e passará a ser de R$ 1,9671 por litro, segundo a agência de notícia do próprio governo, a Agência Brasil. Em maio, o preço do combustível nas refinarias da Petrobras acumula alta de 9,42%, já que em 28 de abril o litro custava R$ 1,7977. (Magno Martins)
28/05/2018

Saldo político da greve em 5 tópicos; Pedro Parente dificilmente fica…

Uma semana após o início da greve dos caminhoneiros, já se pode avaliar o saldo político dessa paralisação, que pegou o presidente da República e os 27 governadores de surpresa. Saldo um: pela primeira vez nos últimos 20 anos, os responsáveis pelo transporte rodoviário no Brasil fizeram valer a sua força.  Paralisaram um país com 210 milhões de habitantes para protestar contra a política de preços da Petrobrás. Saldo dois: o presidente Temer pode até não querer demitir o presidente da empresa, Pedro Parente, mas dificilmente ele ficará no cargo. Saldo três: Temer assinou decreto determinando às Forças Armadas a desobstrução das rodovias federais e isto não deve ser interpretado como “protagonismo” dos militares, e sim como uma tarefa como outra qualquer. Afinal, é melhor os militares nas ruas fazendo alguma coisa do que nos quarteis sem fazerem nada.  Saldo quatro: está definitivamente comprovado que não é a CUT, nem a Força Sindical e nem UGT que têm cacife para paralisar o Brasil, e sim os caminhoneiros. Saldo cinco: embora não estivesse […]
21/05/2018

Petrobras anuncia novo aumento para o diesel e a gasolina…

Os preços do diesel e da gasolina voltam a subir nas refinarias a partir desta terça-feira (22). Segundo informações do site da Petrobras, a gasolina subirá 0,9% e o diesel 0,97%. Com a alta, o preço da gasolina passará a custar R$ 2,0867, enquanto o do óleo diesel sobe para R$ 2,3716. Este é o 11º aumento do preço da gasolina nos últimos dezessete dias. A exceção ocorreu entre os dias 12 e 15 deste mês, quando a estatal interrompeu a sequência de altas ao manter o preço da gasolina em R$ 1,9330, e entre os dias 19 e 21 quando os preços passaram para R$ 2,0680. Ao longo do mês de maio, o preço da gasolina subiu 16,07%. O produto iniciou o mês custando R$ 2,0877 na porta das refinarias, sem a incidência de impostos, e passará a valer a partir da meia-noite de hoje R$ 2,0867, contra os […]