21/09/2017

Cerca de 11 mil pessoas tiram a própria vida todos os anos no Brasil…

Cerca de 11 mil pessoas morrem por suicídio todos os anos no Brasil. De acordo com o primeiro boletim epidemiológico sobre suicídio, divulgado nesta quinta (21) pelo Ministério da Saúde, entre 2011 e 2015, 62.804 pessoas tiraram suas próprias vidas no país, 79% delas são homens e 21% são mulheres. A divulgação faz parte das ações do Setembro Amarelo, mês dedicado à prevenção ao suicídio.  A taxa de mortalidade por suicídio entre os homens foi quatro vezes maior que a das mulheres, entre 2011 e 2015. São 8,7 suicídios de homens e 2,4 de mulheres por 100 mil habitantes. Para a diretora do Departamento de Vigilância de Doenças e Agravos Não-Transmissíveis e Promoção da Saúde, Fátima Marinho, esse número é maior pois há uma perda de diagnóstico dos casos de suicídio. Segundo ela, nas classes sociais mais altas há um tabu sobre o tema, questões relacionadas a seguros de vida e […]
30/10/2015

Pesquisa mostra que as pessoas verificam seu celular pelo menos 85 vezes por dia…

Você é uma daquelas pessoas que assim que acorda já pega logo o celular? Um estudo desenvolvido pela Universidade de Notthingham Trent, na Inglaterra, entrevistou jovens entre 18 e 33 anos, para tentar descobrir quanto tempo as pessoas passam com o celular enquanto estão acordadas, seja acessando a internet ou usando aplicativos. Questionadas sobre quantas vezes por dia essas pessoas verificam o dispositivo, elas se surpreenderam quando ficaram sabendo que 1/3 do tempo é gasto com o celular na mão.  A pesquisa funcionou da seguinte forma: todas as vezes que um desses jovens pegava o celular por qualquer motivo o aplicativo iniciava a contagem. De acordo com os resultados, as pessoas pesquisadas pagaram o celular 85 vezes, o que corresponde a duas vezes mais do que elas haviam previsto, e gastam um total de cinco horas navegando pela rede e usando aplicativos. Apesar da frequência, o tempo de utilização é […]
22/10/2015

Você trata bem a alguém só pela aparência?

As pessoas insistem em julgar os outros pela capa, pelo o que vestem ou aparentam ser. Eu já sofri esse tipo de preconceito e com certeza você, leitor, também já deve ter passado por uma situação semelhante. Se tem tatuagem, é grosseiro. Se veste rosa, é gay. Se não anda com roupa de marca, é pobre. São estereótipos que continuam enraizados nas convicções rasas de muita gente. Nesse experimento social, o youtuber Josh Paler Lin veste-se com humildade, usando roupas parecidas com um morador de rua. Claro que em nenhum momento ele diz que é um mendigo, mas as pessoas o julgam por isso. Ele se dirige a um restaurante, pedindo permissão para ver o menu e entrar para comer. Não deu outra: ele é brutalmente barrado na porta. Você consegue chutar algum motivo? Mas o ápice do vídeo acontece no final. Ele volta vestindo uma roupa de marca e […]
26/02/2014

Milhares de pessoas ficam nuas para quebrar recorde…

Centenas de banhistas entraram pelados em uma praia da Austrália no evento anual ‘Sydney Skinny’. O intuito do evento este ano é quebrar o recorde mundial para o maior número de mergulhadores nus oceano. No último ano mais de 700 pessoas competiram na prova cujo percurso de 900 metros tem que ser feito totalmente sem roupa de banho. (G1)