17/06/2018

Acirramento político chega à Copa do Mundo…

Ulysses Gadêlha/Folha de Pernambuco A camisa amarela da seleção brasileira, com o ícone da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) no peito, sempre esteve no imaginário dos torcedores como um símbolo de orgulho da “Canarinha”. As cinco estrelas sobre o escudo remetem à trajetória da mais exitosa das seleções nas Copas do Mundo. Entretanto, enquanto símbolo nacional, a camiseta amarela veio a se tornar objeto de disputa política, desde que manifestantes foram às ruas pelo impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) em 2015 e 2016. Agora, durante a Copa da Rússia, aqueles torcedores que não se identificam com a pauta do “Fora Dilma” estão optando por versões alternativas da amarelinha, sob justificativa de não serem confundidos com os “coxinhas” – denominação jocosa atribuída a simpatizantes da direita. Analistas apontam que esse curioso fenômeno é um signo de que, mesmo em eventos culturais como a Copa, o acirramento político tende a se manifestar. O professor de […]
11/07/2014

Esse “vidente” Carlinhos…

Vídeo publicado no dia 16/06/2014 Obs.: Desative momentaneamente a Rádio DS.
02/07/2014

Agora é só “pedreira”…

27/06/2014

Copa do Mundo – Oitavas de Final

13/06/2014

Imprensa internacional critica abertura da Copa…

Ficou com a impressão que a abertura da Copa do Mundo de 2014 foi sem-graça, estranha ou muito rápida? Você não foi o único.Enquanto a maioria dos veículos destacou o colorido e as belezas naturais da cerimônia, alguns jornais e sites criticaram a apresentação preparada para a estreia do Mundial.A celebração foi “quase um papelão”, cravou o jornal argentino Olé em texto de sua cobertura do torneio. “A ideia de resumir regiões, estilos e enquadrar o DNA de um país tão grande e diversificado não deu muito resultado”, disse o texto. “Por que não apostaram mais forte na música?”, questionou.O espanhol Marca também criticou a “discreta” apresentação e disse que essa talvez tenha sido a mais curta de todas as Copas do Mundo.No jornal La Gazzetta dello Sport, da Itália, a manchete destacava a citação à Amazônia, capoeira e Jennifer Lopez – e a duração de apenas 25 minutos do […]
12/06/2014

Brasil começa a Copa vencendo Croácia por 3 a 1…

“Às vezes a felicidade demora a chegar. Aí é que a gente não pode deixar de sonhar”. O verso é da música “Tá escrito”, eleita por Daniel Alves o hino da caminhada ao hexa. A canção serviu de roteiro da estreia brasileira na Copa do Mundo. A Seleção encontrou dissabor, não fugiu da luta e viu sua hora chegar. A mão, ou melhor, os pés de Neymar começaram a escrever um novo capítulo da história do Brasil. Seus dois gols e o de Oscar na virada de 3 a 1 sobre a Croácia fizeram com que este 12 de junho de 2014, dia em que o Mundial voltou ao país depois de 64 anos, fosse ainda mais inesquecível. O menino gênio fez a camisa 10 da Seleção marcar um gol depois de 12 anos.  Rivaldo, nas quartas de final de 2002, havia sido o último. Também quebrou um tabu de […]
12/06/2014

João Alfredo – Moradores fazem “vaquinha” para decorar ruas com as cores da Copa…

Conforme acontece todas as vezes em que a Copa do Mundo de Futebol é realizada, o clima junino se mistura ao entusiasmo e à esperança que todos têm da conquista mundial pela seleção brasileira.  Desta forma, os moradores de algumas ruas de João Alfredo se cotizaram através das famosas “vaquinhas” para efetuar a decoração das vias públicas. Na área central da cidade, por exemplo,  a avenida Meira Vasconcelos recebeu bandeirinhas nas cores verde, branco, azul e amarelo, além da pintura de bandeiras no asfalto, sob o comando do artista Lili Araújo. Os últimos preparativos para assistir ao primeiro jogo da seleção, que acontece nesta quinta-feira (12), foram finalizados pela população por volta das 20h de ontem (11). Moradores de outras ruas participam da festa. Até mesmo pessoas de outros bairros passam pelo local e tiram fotos e ficam encantadas com o visual da rua, que tem chamado muita atenção. No Bairro […]
12/06/2014

Dilma: sem medo das vaias, Barbosa a tiracolo…

O governo avalia que a chance de a presidente Dilma ser vaiada na abertura da Copa, no Itaquerão é relativamente baixa. Grande parte dos ingressos foi vendida para estrangeiros e os camarotes estarão tomados por VIPs. Dilma convidou o presidente do Senado, Renan Calheiros, para encontro com chefes de Estado hoje, em São Paulo. No entanto, não o chamou para abertura da Copa do Mundo, logo após o almoço. Dilma preferiu ser acompanhada pelo presidente do STF, Joaquim Barbosa. O Legislativo ficou de fora. (Ilimar Franco)
12/06/2014

Governo terá 1.850 agentes contra terrorismo na Copa…

Um eventual atentado provocado por um ou mais extremistas não ligados a organizações conhecidas é a principal preocupação do governo brasileiro em termos de prevenção ao terrorismo durante a Copa do Mundo. As estratégias de defesa se baseiam principalmente em ações de inteligência envolvendo agências internacionais e uma força especial de reação composta por 1.850 agentes, entre militares e policiais, e 36 helicópteros. O esquema, porém, é de caráter preventivo, segundo disse à BBC Brasil o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo. ‘Eu não creio que o Brasil seja alvo de nenhuma ação extremista. Em primeiro lugar, nós não temos um histórico de atos terroristas no Brasil, nunca tivemos’. (Da BBC Brasil – Luis Kawaguti) Continue lendo aí: Governo terá 1,8 mil agentes contra terrorismo na Copa do Mundo