18/03/2016

Carta aberta do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva…

“Creio nas instituições democráticas, na relação independente e harmônica entre os Poderes da República, conforme estabelecido na Constituição Federal. Dos membros do Poder Judiciário espero, como todos os brasileiros, isenção e firmeza para distribuir a Justiça e garantir o cumprimento da lei e o respeito inarredável ao estado de direito. Creio também nos critérios da impessoalidade, imparcialidade e equilíbrio que norteiam os magistrados incumbidos desta nobre missão. Por acreditar nas instituições e nas pessoas que as encarnam, recorri ao Supremo Tribunal Federal sempre que necessário, especialmente nestas últimas semanas, para garantir direitos e prerrogativas que não me alcançam exclusivamente, mas a cada cidadão e a toda a sociedade. Nos oito anos em que exerci a presidência da República, por decisão soberana do povo – fonte primeira e insubstituível do exercício do poder nas democracias – tive oportunidade de demonstrar apreço e respeito pelo Judiciário. Não o fiz apenas por palavras, […]
28/05/2014

CArta aberta a Ronaldo Nazário de Lima – “Ronaldo Fenômeno”…

O atacante Ronaldo levou um duro puxão de orelhas do blog do Menon, um dos mais respeitados do País na área esportiva, que criticou sua nova atitude em relação à Copa de 2014. A possibilidade de assumir o Ministério dos Esportes em um suposto governo Aécio Neves também parece mexer com o jogador. Confira a carta abaixo: Caro Ronaldinho, Ronaldo ou Fenômeno. Nem sei como te chamar. Através de sua carreira, os nomes foram mudando. Eu me lembro da primeira vez em que te entrevistei – foram poucas, muito menos do que eu desejaria – no vestiário do Palmeiras, após um jogo contra o Cruzeiro. Você disse que estava pronto para a Copa de 94. E foi convocado. O início de uma carreira que maravilhou o mundo. Olha, acho melhor chamá-lo de Ronaldo Nazário de Lima, afinal o assunto não é apenas futebol. Ronaldo, os seus dribles são eternos. Desde aquela […]
03/02/2014

Carta aberta do deputado federal João Paulo (PT-SP) ao ministro Joaquim Barbosa…

“O senhor me condenou por peculato e não definiu onde, como e quanto desviei. Anexei ao processo a execução total do contrato de publicidade da Câmara, provando a lisura dos gastos. O senhor deve essa explicação e não conseguirá provar nada, porque jamais pratiquei desvio de recursos públicos”, diz o deputado João Paulo Cunha (PT/SP), que pode ser preso assim que Joaquim Barbosa regressar das férias na Europa e reassumir a presidência do Supremo Tribunal Federal; “um Judiciário autoritário e prepotente afronta o regime democrático”, diz ainda o ex-presidente da Câmara dos Deputados; “O senhor pode muito, mas não pode tudo. Pode cometer a injustiça de me condenar, mas não pode me amordaçar”, completa. O deputado João Paulo Cunha (PT/SP), ex-presidente da Câmara dos Deputados e réu condenado na Ação Penal 470, escreveu uma carta aberta ao presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, que poderá prendê-lo assim que regressar […]