Divisão do tempo do horário eleitoral gratuito será definida em agosto
28/03/2022
Bolsonaro: ‘Embrulha estômago jogar dentro das 4 linhas da Constituição’
28/03/2022

Semana decisiva para a montagem de chapas proporcionais

Por Wellington Ribeiro – Estamos entrando na semana decisiva para formação das chapas proporcionais para a Câmara Federal e Assembleia Legislativa. Os futuros candidatos – tanto os de mandato quanto os que lutam para conseguir um – passaram o último mês fazendo conta, conversando entre si, fazendo projeções e avaliando o cenário.
Pois bem! No próximo dia dois de abril a janela de filiações e troca de partido chega ao fim. Quem se filiou, se filiou. Quem não se filiou, não se filiará mais. A despeito de algumas mudanças significativas, a maioria das decisões ficou para o última a hora. Portanto, teremos uma semana intenção. A Coluna do Ponto de Vista traz para você, leitor, uma análise de como se encontra o cenário hoje. Vamos ver o quadro…
Partido hegemônico em Pernambuco desde 2007, o PSB aposta novamente na força de Gleide Ângelo como puxadora de votos para estadual e Pedro Campos, irmão do prefeito do Recife, João Campos, para federal. A legenda deve ser a que vai conquistar o maior número de cadeiras nas duas casas; e reúne atualmente o maior número de deputados de mandato – ainda conta com vários nomes competitivos .
Segunda maior sigla da Alepe, o PP reforçou a chapa de estadual com o ingresso de Clarissa de Tércio, uma promessa de votos. Vai ser o segundo da Frente Popular a eleger deputados estaduais. A chapa de federal tem em Eduardo da Fonte, Fernando Monteiro, Lula da Fonte, Missionária Michele Collins e Júnior de Tércio como os seus principais nomes. Dudu da Fonte, seu presidente estadual, tem reforçado a chapa com o anúncio de vários reforços.
O PL, partido do presidente da República e dos irmãos Ferreira, aposta no movimento bolsonarista, que atrai simpatizantes como candidatos para eleger as bancadas de estadual e federal.
Já o União Brasil é o partido da oposição que reúne o maior número de deputados estaduais: Romero Albuquerque, Antônio Coelho, Alessandra Vieira, Romero Sales Filho e Gustavo Gouveia. Além de nomes como Cléber Chaparral e Zeca Cavalcanti. Para federal, conta como principais nomes os de Fernando Filho e Mendonça Filho. Além disso, deve apresentar novos nomes ainda nesta semana.
A dupla PSDB/Cidadania também está organizando. Para estadual, tem como principais nomes Priscila Krause e Álvaro Porto. Além de Delegado Rossine, Débora Almeida, Izaías Régis, Lucinha Mota e Delegada Patricia Domingos. Já a de federal tem como principal nome o de Daniel Coelho.
A federação PT/PV/PCdoB perdeu a puxadora de votos Marília Arraes, mas tem Clodoaldo Magalhães, Renildo Calheiros e Carlos Veras como forças para a Câmara. A chapa de estadual trará candidaturas competitivas como as de Luciano Duque, Doriel Barros, João Paulo Lima e Silva, além de Jorge Carreiro até o momento.
Falando em Marília Arraes, a deputada federal comanda o Solidariedade em Pernambuco. Até agora, a deputada não montou chapa nem para federal e nem para estadual. Portanto, o SD ainda é um mistério. Quanto ao MDB, Raul Henry ainda trabalha para viabilizar a chapa de federal. Já Wolney Queiroz, presidente estadual do PDT, deve escolher entre o PSB ou a Federação do PT/PV/PCdoB para se filiar.
Por fim, vale uma menção importante também para as chapas de dois partidos: o Republicanos, que tem Silvio Costa Filho, Augusto Coutinho e Ossésio Silva para federal, e um bom time para estadual. O Patriota também vem com uma chapa organizada para estadual.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.