A importância de André da Paula no Senado da Frente Popular
15/04/2022
Expectativa Saiba quais são os vereadores do Recife que buscarão vaga na Alepe e Câmara dos Deputados nas eleições 2022
15/04/2022

PT preocupado com fragilidade de Lula nas redes sociais

Metrópoles – O PT está em alerta com a inexistência de uma estratégia para as redes sociais na campanha presidencial de Lula. A menos de seis meses do primeiro turno da eleição, o setor de comunicação não tem nem uma linha mestra de como o partido atuará na internet.
Aliados de Lula temem que nada seja feito a tempo da eleição.
O setor de comunicação tornou-se alvo de uma disputa entre Franklin Martins, ex-Secom do segundo governo Lula, e o ex-deputado Jilmar Tatto. Petistas afirmam que Martins ficará como o responsável pelo setor, mas pontuam que o ex-Secom não tem conhecimento suficiente para estruturar um aparato de redes sociais capaz de competir com a máquina bolsonarista.
Interlocutores de Lula dizem que o PT cometeu um erro grave ao não antecipar nem coordenar uma campanha on-line para convencer jovens a tirarem o título de eleitor. As iniciativas do partido sobre o tema foram feitas de improviso e a reboque de influenciadores digitais.
A fragilidade nas redes sociais motivou o fotógrafo de Lula, Ricardo Stuckert, a se movimentar para assumir a área digital da campanha, mas a iniciativa tem esbarrado no jogo de poder interno.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.