Pesquisa eleitoral para Senado em Pernambuco aponta empate entre direita
11/07/2022
Em grande evento em Santa Cruz, Miguel e Alessandra prometem união do Agreste com o Sertão para transformar Pernambuco
11/07/2022

Pesquisa para Governo de Pernambuco: Danilo Cabral lidera ranking de rejeição

Blog de Jamildo – Além de mostrar a intenção de voto para o Governo de Pernambuco, a pesquisa eleitoral do Instituto Paraná Pesquisas aponta o ranking de rejeição aos pré-candidatos. O levantamento é divulgado em primeira mão pela coluna nesta segunda-feira, 11 de junho.
De acordo com o levantamento, Danilo Cabral (PSB) lidera o ranking de rejeição com 38,9%. Trata-se da porcentagem de eleitores que diz não votar de maneira alguma no pré-candidato governista.
Ele é seguido de perto por Miguel Coelho (UB) e Raquel Lyra (PSDB), que ficam na casa dos 35% e 34%, respectivamente. Marília Arraes (SD) e Anderson Ferreira (PL) fecham, respectivamente, o ranking dos mais rejeitados com aproximadamente 33% e 32%.
O levantamento ainda aponta um outro dado negativo para a pré-campanha de Danilo Cabral. A sua rejeição aumentou ao mesmo tempo em passou a ficar mais conhecido no estado. Na pesquisa de maio, 25,4% diziam não votar no governista, enquanto ele era desconhecido por 32,9%.
O levantamento ainda aponta um outro dado negativo para a pré-campanha de Danilo Cabral. A sua rejeição aumentou ao mesmo tempo em passou a ficar mais conhecido no estado. Na pesquisa de maio, 25,4% diziam não votar no governista, enquanto ele era desconhecido por 32,9%.
Agora, com a rejeição beirando os 39%, o pré-candidato do PSB é desconhecido para 27,2% do eleitorado Pernambucano. Enquanto isso, a parcela que afirma poder votar no socialista é de 28,4%.
Em tempo, a desaprovação do governador Paulo Câmara (PSB) bateu recorde e chegou a quase 70%. Nesta fase de pré-campanha, adversários vem forçando associação entre o gestor e o pré-candidato escolhido pelo Palácio.
Mais sobre a pesquisa eleitoral do Paraná Pesquisas em Pernambuco
O levantamento ouviu, através de entrevistas pessoais, 1.510 eleitores, entre os dias 4 e 8 de julho deste ano. O nível de confiança de 95,0% e a margem de erro é 2,6 pontos percentuais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.