Hoje:
25/01/2021
Abstenção do Enem 2020 é de 55,3%; pedido de reaplicação deve ser feito a partir desta segunda
25/01/2021

Pernambuco registra 537 novos casos da Covid e 16 mortes

Folha de Pernambuco

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) registrou, ontem (24/01), 537 casos da Covid-19. Entre os confirmados hoje, 56 (10%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e 481 (90%) são leves. Agora, Pernambuco totaliza 250.702 casos confirmados da doença, sendo 30.686 graves e 220.016 leves, que estão distribuídos por todos os 184 municípios pernambucanos, além do arquipélago de Fernando de Noronha.

Além disso, o boletim registra um total de 213.559 pacientes recuperados da doença. Destes, 18.930 eram pacientes graves, que necessitaram de internamento hospitalar, e 194.629 eram casos leves. Também foram confirmados laboratorialmente 16 novos óbitos (12 masculinos e 4 femininos), registrados entre os dias 11/01 e 23/01. As novas mortes são de pessoas residentes dos municípios do Cabo de Santo Agostinho (2), Custódia (1), Garanhuns (2), Ibimirim (1), Jaboatão dos Guararapes (2), Petrolândia (1), Recife (5), Santa Cruz da Baixa Verde (1) e Tacaratu (1). Com isso, o Estado totaliza 10.193 mortes pela doença.

Os pacientes tinham idades entre 37 e 84 anos. As faixas etárias são: 30 a 39 (1), 50 a 59 (2), 60 a 69 (3), 70 a 79 (5) e 80 ou mais (5). Do total, 13 tinham doenças pré-existentes: doença cardiovascular (8), diabetes (4), hipertensão (2), obesidade (2), tabagismo (2), Alzheimer (1), AVC (1), doença renal
(1), doença respiratória (1) – um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Um paciente não tinha comorbidades e os demais estão em investigação.
Com relação à testagem dos profissionais de saúde com sintomas de gripe, em Pernambuco, até agora, 25.149 casos foram confirmados e 44.961 descartados. As testagens entre os trabalhadores do setor abrangem os profissionais de todas as unidades de saúde, sejam da rede pública (estadual e
municipal) ou privada. O Governo de Pernambuco foi o primeiro do país a criar um protocolo para testar e afastar os profissionais da área da saúde com sintomas gripais.

AMAZONAS – Estão estáveis os cinco pacientes provenientes do Amazonas internados na UTI do Hospital de Referência à Covid-19 – unidade Boa Viagem (antigo Alfa). São três homens e duas mulheres com idades entre 38 e 50 anos. Além de realizarem coleta de material para análise em
laboratório (biologia molecular/RT-PCR), todos passaram pelos exames necessários, como tomografia, ecocardiograma e ultrassom, e estão sendo acompanhados pela equipe multiprofissional da unidade.

Devido à distância de suas famílias, a equipe do serviço está realizando contato por chamada de vídeo ou áudio com os familiares dos pacientes para passar a evolução do quadro e diminuir o impacto emocional do isolamento. Quatro pacientes já tiveram contato com os familiares e um preferiu não realizar a interação.

Os pacientes e as equipes de saúde que os atenderam estão sendo monitorados pelas Vigilâncias em Saúde das secretarias do Estado e do Recife. O material biológico dos pacientes ainda passarão por sequenciamento genético no Instituto Aggeu Magalhães/Fiocruz-PE.

Operação – Além desses cinco pacientes no Hospital de Referência, outros cinco foram encaminhados ao Hospital das Clínicas (HC), que possui gestão federal. Todos chegaram ao Recife em avião da Força Aérea Brasileira (FAB), que aterrissou na Base Aérea do Recife, no bairro do Jordão, por volta das 22h do último sábado (23/01). No local, equipes do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu192) e do HC fizeram a triagem dos pacientes para posterior remoção. Ao todo, 20 ambulâncias foram deslocadas para ajudar na operação, sendo 4 do Samu (2 básicas e 2 avançadas, equipadas como uma
UTI), 1 avançada do HC e 15 da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), sendo 8 básicas e 7 equipadas como UTI.

O secretário estadual de Saúde, André Longo, reforçou a importância da parceria entre os Estados para o enfrentamento à Covid-19 no Brasil. “Esta é uma ajuda humanitária. Os serviços do SUS devem atender a todos os brasileiros, independente de serem ou não moradores daquela cidade ou Estado, o que ratifica o preceito da universalidade do nosso sistema de saúde pública. Com a crise vivenciada pelo Estado do Amazonas, o governador Paulo Câmara, de imediato, se colocou à disposição para ajudar e, em parceria com a Prefeitura do Recife, encaminhamos 200 concentradores de oxigênio para a rede hospitalar amazonense no último dia 15. Agora, apoiamos toda a logística para chegada destes 10 pacientes para as unidades pernambucanas e ainda disponibilizamos leitos na rede própria.

Acreditamos que é indispensável a solidariedade entre todos os entes da federação para que possamos salvar mais vidas e trazer esperança para todos neste momento de pandemia”, frisou Longo. Já o coordenador geral do Samu Metropolitano do Recife, Leonardo Gomes, ressaltou a logística montada para receber os pacientes amazonenses. “Essa é a primeira operação, desse tamanho e desse porte, que o Samu do Recife realiza. A gente conseguiu colocar em prática toda a estrutura e o planejamento que fizemos para que esses 10 pacientes que vieram de Manaus pudessem ser transportados da melhor forma possível até o Hospital das Clínicas e o Hospital Alfa. O Samu, que trabalha há 11 meses na pandemia, deu mais uma amostra do que ele consegue fazer no atendimento a múltiplas vítimas, mesmo que estas estejam infectadas pelo coronavírus”, pontuou.

A operação foi uma força-tarefa que envolveu a SES-PE, Secretaria de Saúde do Recife (Sesau/PCR), Samu-192, Hospital das Clínicas, CTTU, Centro Integrado de Operações de Defesa Social (CIODS), Centro Integrado de Comando e Controle Regional de Pernambuco (CICCR), BPTran, Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Ministério da Saúde, FAB e White Martins, que está fornecendo oxigênio para a ação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.