Miguel Coelho afirma que União Brasil terá eleição histórica
18/07/2022
IBGE inicia treinamento presencial para Censo 2022
18/07/2022

Pernambuco firma Parceria Público-Privada para autoprodução de energia solar pela Compesa

Por Jaqueline Fraga/Folha de Pernambuco – O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, assinou, nesta segunda-feira (18), em cerimônia no Palácio do Campo das Princesas, o contrato da Parceria Público-Privada (PPP) de Autoprodução de Energia da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).
Inédita entre as empresas de saneamento do Brasil, a iniciativa prevê a implantação de duas usinas solares em Pernambuco com capacidade de 135 MW, uma no município de Flores, no Sertão do Estado, e outra em São Caetano, no Agreste.
 
As usinas serão utilizadas pela Compesa para produzir energia solar e abastecer unidades da companhia nas duas cidades.
Segundo o Governo do Estado, a PPP conta com investimentos na ordem dos R$ 450 milhões e implicará na criação de 700 empregos diretos e na redução de 18 mil toneladas de Gás Carbono (CO2) emitidos por ano para a atmosfera.
Durante a vigência do contrato, previsto para durar 29 anos, a estimativa é de que o Estado economize R$ 1,1 bilhão.
“Esse novo contrato vai ao encontro de tudo aquilo que a gente entende como possível e necessário para Pernambuco nesse momento. São investimentos importantes para a geração de emprego e renda e, ao mesmo tempo, investimentos que vão garantir sustentabilidade para o nosso Estado. Está em consonância com a proteção do meio ambiente, com as boas técnicas e com a vocação da região Nordeste para a produção de energia solar”, comentou Câmara.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.