Agência dos EUA aprova uso emergencial da vacina da Pfizer e BioNTech
12/12/2020
Entenda como funcionará a combinação de vacinas de Oxford e da Rússia
12/12/2020

Paulo Câmara garante que Pernambuco está pronto para imunizar a população assim que receber a vacina

Diário de Pernambuco

O governador de Pernambuco Paulo Câmara (PSB), garantiu que o estado está pronto para imunizar toda a população logo que o Governo Federal iniciar a distribuição das vacinas contra a covid-19. A declaração foi feita na tarde de ontem (11), em pronunciamento divulgado nas redes sociais. Paulo Câmara também informou que Pernambuco já possui um estoque com mais de três milhões de seringas, enquanto outros sete milhões de unidades estão em processo de aquisição.

“De nossa parte, já estruturamos nossa rede estadual para, assim que recebemos as vacinas, levar o imunizante aos 184 municípios pernambucanos em, no máximo, quatro dias”, prometeu o governador. Ele ainda lembrou aos pernambucanos de que faltam duas semanas para o Natal e também apontou que a data será diferente neste ano.

“Acho que cabe aqui uma reflexão: este será um Natal que terá um significado muito especial por causa deste ano tão difícil para todos, como tem sido 2020. Enquanto a vacina não chega, precisaremos fazer escolhas diárias que são difíceis, mas que vão minimizar os impactos dos encontros natalinos daqui a 15 dias”, salientou.

O governador lembrou que após a melhora nos números que ocorreu no mês de junho, grande parte população foi aos poucos relaxando os cuidados. Ele ressaltou a importância de se manter as regras para garantir saúde para todos. “Consumam nos locais que seguem o Plano de Convivência. Evitem aglomerações, façam da máscara um item indispensável do seu vestuário. Ainda há tempo de conter o crescimento dos números. Um grande incentivo para isso é pensar na saúde dos mais velhos, que tanto queremos abraçar nesse fim de ano”, aconselhou. 

Paulo Câmara aproveitou para relembrar a reunião em Brasília com outros governadores e o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, para cobrar a implantação do Plano Nacional de Imunização contra a Covid-19, na última terça-feira (8). “Não podemos passar novamente pela falta de ação que sofremos em março, quando Estados e municípios viveram uma verdadeira corrida por insumos e equipamentos médicos pela ausência de coordenação central”, encerrou. 

No encontro, Pazuello garantiu que o governo federal já adquiriu os EPIs, seringas e contratou a logística de distribuição das doses para os 27 estados da federação. Pazuello também assegurou que o Ministério tem protocolos de entendimento com todos os fabricantes em fase final de vacinas e que à medida que os medicamentos forem sendo certificados pela Anvisa, serão adquiridos para imunizar a população. A previsão é que, no final de fevereiro, o Ministério da Saúde tenha recebido 30 milhões de doses da vacina AstraZeneca/Oxford e inicie a imunização da população pelos chamados grupos de risco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.