Deputados recebem indicado ao cargo de conselheiro do TCE…
10/07/2019
Morre Paulo Henrique Amorim aos 77 anos…
10/07/2019

Palacianos apontam “ingratidão” do MDB …

Ainda repercute no meio político a convenção do MDB que recebeu com pompa o senador Fernando Bezerra Coelho no último sábado. Principalmente entre a Frente Popular, liderada pelo governador Paulo Câmara, o sentimento é o de que Jarbas Vasconcelos e Raul Henry estariam fazendo jogo duplo e esquecendo do tratamento dispensado pelo governador.

Para um aliado do governador em reserva, Henry e Jarbas não têm do que reclamar, pois receberam a secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação e a presidência do DETRAN, dois órgãos importantes que são maiores do que o tamanho eleitoral do MDB.

Ele segue lembrando que Jarbas Vasconcelos só foi eleito por conta da Frente Popular, e que teve uma votação pífia para senador. “Se não fosse a força do governador Paulo Câmara que puxou os dois senadores, Jarbas hoje poderia estar sem mandato”, avaliou.

O mesmo sentimento é visto sobre Raul Henry por este aliado do governador, uma vez que Raul em 2014 não tinha votos para se reeleger federal e foi escolhido vice de Paulo Câmara, enquanto em 2018 foi eleito por conta de uma série de apoios conquistados pelo Palácio na operação “Salva Raul”, que o governo executou com maestria.

“Depois de tudo isso, Jarbas e Raul aparecerem de mãos dadas com o principal adversário do governador, é incoerente e desrespeitoso”, vaticinou o aliado de Paulo Câmara, que classificou Henry e Jarbas como ingratos. (Edmar Lyra)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.