Posicionamento de Wolney surpreende o pai e provoca rusga entre os Queiroz
08/11/2021
Primeiras pílulas anticovid-19 têm resultados promissores
08/11/2021

Na COP26, Paulo Câmara anuncia maior pacote de ações ambientais da história de Pernambuco

 Anna Tenório/Folha de Pernambuco
Durante discurso na Assembleia Geral da Under 2 Coalition, na COP26 ( Conferência da Organização das Nações Unidas sobre Mudança Climáticas), o governador Paulo Câmara (PSB), anunciou o maior pacote de ações ambientais da história de Pernambuco. O evento está sendo sediado em Glasgow, Escócia. Serão investidos R$ 75 milhões em reflorestamento, na preservação de mil nascentes de rios e no tratamento de resíduos sólidos de 43 municípios. O gestor socialista assinou também o compromisso pela neutralidade do Carbono, reafirmando a disposição de zerar as emissões no Estado até 2050.
“Não viemos aqui apenas para reafirmar promessas, nem para apontar as contradições daqueles que não respeitam a natureza. Estamos fazendo a nossa parte e, por isso, anuncio hoje o maior aporte de recursos para a agenda da sustentabilidade em Pernambuco. Vamos investir R$ 75 milhões no reflorestamento da nossa principal área de Mata Atlântica, a APA Aldeia-Beberibe, na recuperação de mil nascentes de rios em 50 municípios e no tratamento de resíduos sólidos em 43 cidades, que não contam com aterros sanitários”, explicou o governador Paulo Câmara.
A CEO do Climate Group e coordenadora do Under 2, Ellen Clarkson, esteve presente na Assembleia Geral. A Under 2 Coalition reúne líderes de mais de 60 países mobilizados em ações de sustentabilidade em todo o mundo.
Para o projeto de restauração de bacias hidrográficas serão investidos R$ 12,5 milhões. A implantação do corredor ecológico da Área de Preservação Ambiental Aldeia-Beberibe vai mobilizar recursos da ordem de R$ 48 milhões. Já o tratamento de resíduos sólidos consistirá na instalação de galpões para separação do material reciclável. A estimativa de custo para esse último projeto fica em torno de R$ 15 milhões.
O Secretário de meio ambiente, José Bertotti, que acompanha o governador nos compromissos internacionais, comentou as agendas. “O governador Paulo Câmara chega na COP com um conjunto de investimentos já realizados no Estado, que são grandes empreendimentos na área de energia solar e eólica que contribui decisivamente para redução do uso de combustíveis fósseis e também como alternativa de desenvolvimento produzindo a energia do futuro, a energia que garante a diminuição dos gases causadores do efeito estufa, inclusive podendo exportar essa energia e já atraindo a energia do futuro com plantas a serem instaladas em Suape já com investimentos como da empresa Quaid, três bilhões e meio de reais numa planta de hidrogênio, que utiliza exatamente esse excedente de energia renovável, energia solar e energia eólica”, anunciou Bertotti.
“O governador também traz importantes procedimentos para arrumar para a gestão de resíduos sólidos, eliminando aqueles que são um dos maiores problemas: a não destinação correta desses resíduos”, completou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.