Rússia ‘desacelerou ritmo da ofensiva’ na Ucrânia, afirma exército de Kiev
28/02/2022
Reino Unido afirma que sanções buscam ‘derrubar Putin’
28/02/2022

Miguel Coelho aposta na transformação de Petrolina para conquistar Pernambuco 

Por Edmar Lyra – No próximo dia 30 de março, o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, deixa o cargo para ser candidato a governador de Pernambuco pelo União Brasil em outubro, o gestor decidiu ingressar na disputa pelo Palácio do Campo das Princesas após atingir mais de 76% dos votos válidos na sua reeleição, num claro reconhecimento ao trabalho desempenhado pela sua gestão que transformou Petrolina em todos os indicadores econômicos, sociais e educacionais.
Recentemente, a cidade sertaneja figurou entre os municípios que mais geraram emprego no Brasil, com 10,7% de crescimento em 2021 em relação aos números de 2020, isso se deu graças ao processo de fortalecimento da economia do município, fazendo com que as ações do poder público incentivassem o crescimento da fruticultura irrigada e outros setores que alavancam a economia do município.
Aos 31 anos, Miguel Coelho será um dos políticos mais jovens a disputar o governo de Pernambuco, com uma comunicação antenada com as novas mídias digitais, o pré-candidato do União Brasil sabe utilizar como poucos as ferramentas tecnológicas que impulsionam seu projeto a se tornar mais conhecido e mais competitivo para enfrentar o PSB e os demais nomes que estarão na disputa pelo Palácio do Campo das Princesas.
No âmbito partidário, Miguel está fazendo o dever de casa, e são esperados no União Brasil nomes como Clarissa Tércio, Júnior Tércio, Patrícia Domingos, Fernando Rodolfo, Romero Albuquerque, Andreza Romero, e outros parlamentares e pré-candidatos que reforçarão as chapas proporcionais do partido, que objetiva eleger cinco deputados federais e dez deputados estaduais apenas pela legenda, fora os que disputarão pelo Podemos, que já formalizou apoio ao seu projeto.
Neste conjunto de ações, Miguel espera colocar em prática o sonho arquivado do seu pai, o senador Fernando Bezerra Coelho, de ser governador de Pernambuco, e irá com todas as armas que tem para disputar com chances de vitória do Palácio do Campo das Princesas em outubro, apostando no que foi feito em Petrolina para conquistar Pernambuco num projeto de contraponto ao PSB, que tentará manter sua hegemonia com o deputado federal Danilo Cabral.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.