Zé Martins inicia recapeamento asfáltico de dezenas de ruas em João Alfredo
27/05/2021
João Alfredo: Morre Ana Lucinda Soares
27/05/2021

Mais 24,5 mil doses da Pfizer chegam a Pernambuco

Blog Magno Martins
Um novo lote de imunizantes da Pfizer/BioNTech chegou a Pernambuco na tarde de ontem. O voo, com 24.570 doses do imunizante contra a Covid-19, aterrissou no Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes – Gilberto Freyre às 15h20. Em seguida, a carga foi enviada para a sede do Programa Estadual de Imunizações. As vacinas serão destinadas para dar seguimento à imunização das gestantes e puérperas do Estado.
A logística de distribuição para as 12 sedes das Gerências Regionais de Saúde (Geres) foi iniciada na manhã de hoje (27). Com a descentralização do acesso às vacinas da Pfizer, anunciada pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) no último dia 18, todos os municípios receberão doses para serem aplicadas em gestantes e mulheres que tiveram seus bebês nos últimos 45 dias. Com a chegada desse quarto lote, Pernambuco totaliza o recebimento de 115.830 doses da Pfizer/BioNTech, vacina que possui especificidades em seu armazenamento, o que exige um diferencial no planejamento do transporte e do armazenamento.
“No Programa Estadual de Imunizações, temos estrutura para o armazenamento desse imunizante em temperatura entre – 25°C e – 15°C, podendo permanecer nessa faixa por até 14 dias. O transporte para as Geres é feito em caminhões refrigerados e as vacinas são acondicionadas em caixas térmicas de isopor com nitrogênio líquido refrigerado. Nas Geres, as doses são armazenadas em freezers que manterão a mesma temperatura do PNI Estadual. A partir disso, o insumo poderá ser retirado pelos municípios de acordo com a demanda. Mas para isso, é importante frisar que na rede municipal a vacina pode ficar armazenada entre 2º C e 8° C por um período de, no máximo, cinco dias”, ressaltou a superintendente de Imunizações do Estado, Ana Catarina de Melo.
“É importante que cada município faça um mapeamento bem planejado das suas gestantes e puérperas e as direcione para o agendamento e encaminhamento aos locais de vacinação. Precisamos garantir que esse público seja imunizado com brevidade, e nosso objetivo é alcançar todas as pernambucanas, nas diversas regiões do Estado”, afirmou o governador Paulo Câmara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.