II Encontro de Bacamarteiros de João Alfredo…
27/04/2014
Fragmento Bíblico…
27/04/2014

Lula fez mais pelo Brasil do que Dilma, diz Eduardo…

20140427060018_cv_CAMPOSdilma_lula_garanhuns_gde

O  pré-candidato do PSB à Presidência da República, Eduardo Campos, afirmou no sábado em Timon (MA) que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva lhe garantiu que não será candidato nas eleições deste ano. Ele disse ainda que Lula fez mais pelo País do que Dilma e criticou o que considera um ‘abandono’ do Nordeste pelo atual governo.

“A última vez que falei, pessoalmente, com o (ex) presidente Lula e conversamos muito sobre o Brasil e sobre o futuro, eu fiz essa pergunta (se será candidato) e ele me disse que não seria candidato em nenhuma hipótese”, disse Eduardo Campos durante coletiva de imprensa.

Abandono do Nordeste

Campos voltou a atacar a presidente Dilma Rousseff e disse que o Nordeste foi abandonado pelo governo Dilma. “O Nordeste não teve o prazer de ver uma obra estruturadora. Uma obra sequer. Brasília não enxerga o nordeste brasileiro. O governo que está aí foi eleito pelos nordestinos e não faz nada pelo Nordeste”, disse Eduardo Campos.

Ele acusou o atual governo de deixar obras pela metade e disse que Lula fez mais pelo País do que Dilma. “Este ano é decisivo em nossas vidas. O Brasil vinha melhorando e Brasília deixou de olhar para o Nordeste. Faz três anos que o Nordeste percebeu a mudança desde que o presidente Lula deixou a presidência da República. O Brasil parou de crescer”.

Durante entrevista, Eduardo Campos acusou o governo de protelar o reajuste da energia para depois das eleições. “A minha preocupação com a Petrobras é olhar o setor elétrico. O Brasil está com um problema sério na área de energia, está se postergando o reajuste de tarifa de energia elétrica para depois das eleições”, disse.

Povo quer mudança

Campos informou ainda que 70% da população brasileira quer mudanças e acredita que terá segundo turno das eleições. Ele garantiu que irá exigir da presidente Dilma presença nos debates na TV.

Recebido por mais de três militantes no Centro de Convenções de Timon, Eduardo Campos criticou a política do PT que denominou de “terrorista” por acusá-lo de querer acabar com o Bolsa Família.

“Não venham com essa que não vai colar. Mentira tem pernas curta. Isso é a política do desespero e vamos desmontar uma por uma”.

Segundo Campos, o Brasil está no “caminho errado”, com políticas equivocadas no setoreconômico. Ele disse ainda que seus adversários estão “nervosos” e se “tremendo” com o seu crescimento nas pesquisas e que ele está “calmo” e convicto da vitória.

“Eu serei presidente com a força de Deus e do povo”, disse o presidenciável que visitou Belém, no Pará, e Manaus, no Amazonas. Neste domingo ele seguiu para Recife, onde descansa com a família. (Jornal do Brasil Online)

2 Comments

  1. Brunno Sobral disse:

    Eduardo é um sujeito inteligente, talvez lhe falte honestidade ou coragem para falar a verdade mas ele sabe que Dilma está colhendo a semente ruim que Lula plantou, infelizmente é assim, as coisas demoram um pouco para acontecer, o Lula colheu os bons frutos que o FHC plantou daì a boa avaliação de seu governo. Já Dilma está colhendo os frutos podres plantados por Lula.

  2. caio disse:

    O Lula foi um ótimo Presidente, ele trabalhou mas pelo Brasil do que a Dilma, Mas agora o Brasil quer mudanças e para ter mudança, Eduardo Campos vai ser um bom Presidente, do jeito que o Estado do PE cresceu com Eduardo, o Brasil também vai crescer ele sendo Presidente.

Deixe um comentário para Brunno Sobral Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.