João Alfredo: morre Vilma de Bento
04/01/2021
TJPE volta ao expediente normal após recesso e divulga medidas de enfrentamento ao aumento da Covid-19
04/01/2021

José Patriota: Prorrogação do estado de calamidade será prioridade para os novos prefeitos

Blog da folha

O presidente da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), José Patriota (PSB), avaliou que o “assunto número um” para ser debatido pelos novos gestores municipais será a prorrogação do estado de calamidade. A ideia é que os municípios recebam da União e do Governo do Estado, por mais seis meses, recursos para combater a pandemia da Covid-19 nas cidades.

O decreto precisa ser enviado para Assembleia Legislativa homologar o estado de calamidade por mais seis meses. Em março do ano passado, o Legislativo estadual reconheceu o estado de calamidade pública em Pernambuco e em diversos municípios por conta da emergência de saúde internacional decorrente do coronavírus.

“Estamos focados agora na prorrogação do estado de calamidade pública. Esse é o assunto número um para os novos prefeitos que estão chegando porque o Estado já fez isso. A gente precisa fazer o decreto com a documentação e enviar para a Assembleia Legislativa homologar, para poder ter os seis meses seguintes em função da pandemia e claro receber os recursos que foram destinados e fazer a aplicação considerando a situação excepcional que é a de calamidade pública”, afirmou.

Estado 

Perguntado se existe a possibilidade de voltar a ocupar um cargo no Governo do Estado, José Patriota respondeu que, até agora, não tem nenhuma proposta quanto a isso, porém, não descartou a possibilidade de aceitar algum convite nesse sentido.

“Como isso não está posto para mim, hoje não existe (possibilidade de assumir um cargo no Governo do Estado). Uma vez colocado, a gente vai pensar, refletir, eu não tenho briga, nem faço pressão por cargo, nem estou atrás de cargos. Eu gosto de trabalhar muito onde eu estiver, em qualquer lugar”, declarou José Patriota.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.