Marília Arraes é destaque em evento do Solidariedade com Lula
03/05/2022
PT oficializa indicação de Teresa Leitão para a disputa pelo Senado na Frente Popular
03/05/2022

João Arnaldo: “A política do PSB é baseada em arranjos financeiros e distribuição de cargos”

O pré-candidato ao governo de Pernambuco pelo PSOL, João Arnaldo, criticou as práticas da velha política colocadas pelo PSB e reproduzidas pelas demais candidaturas da oposição no contexto eleitoral de 2022. “É um debate político viciado em arranjos financeiros e negociação de cargos, que é a base do grande fracasso das gestões do PSB”, apontou João Arnaldo.
Segundo o psolista, sua pré-candidatura também alerta para o risco do Estado ser administrado pelo campo político mais conservador. “Queremos combater não só os retrocessos do PSB, mas também conter as ameaças de uma vitória da direita tradicional de Pernambuco, sob o risco de fazer uma gestão ainda pior do que lamentavelmente nós estamos vendo hoje”, disse.
Para João Arnaldo, apenas uma candidatura progressista, de fato, pode ser uma alternativa para que exista uma quebra de paradigma político em Pernambuco. “A responsabilidade do PSOL é ser uma opção para resgatar a dignidade do nosso povo. Queremos uma esquerda renovada para Pernambuco, que não se submeta a essa política de acordos entre oligarquias que tem levado o estado a essa decadência”, afirmou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.