Omar, na CPI: ‘Troca de ministro da Saúde como troca de camiseta’
06/05/2021
Juliana de Chaparral promove live especial do Dia das Mães neste sábado com os artistas de Casinhas
06/05/2021

Governo muda regra e autoriza aposentados comissionados a receber acima do teto

Foto: EVARISTO SA / AFP

Correio Braziliense
O Ministério da Economia publicou uma portaria que altera a regra salarial algumas categorias do funcionalismo público. Apelidada de “teto duplex”, a nova norma beneficia o presidente da República, ministros, servidores civis aposentados e militares da reserva, que ocupem cargos comissionados ou eletivos, e recebam vencimentos acima do teto constitucional. Atualmente, o teto é de R$ 39,2 mil, valor do salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).
As mudanças podem favorecer, além o chefe do Executivo, Jair Bolsonaro (sem partido), ministros como Luiz Eduardo Ramos, da Casa Civil, e Braga Netto, da Defesa.
A Portaria nº 4.975 foi publicada na sexta-feira (29) e é assinada pelo secretário de Gestão e Desempenho de Pessoal, Leonardo José Mattos Sultani. Segundo o Ministério da Economia, deve gerar um impacto de R$ 181,32 milhões ainda neste ano.
 (Arte: Correio Braziliense)
Arte: Correio Braziliense
Antes da regra, apenas casos específicos podiam acumular cargos públicos com remunerações calculadas separadamente, o caso de professores e profissionais da saúde. Mas o novo entendimento abre espaço para a inclusão de servidores civis aposentados e militares da reserva que ocupem cargos comissionados ou eletivos. Servidores efetivos e militares da ativa que ocupem cargos comissionados ou eletivos continuam sujeitos à regra antiga.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.