João Alfredo: morre Sandra Sena
10/06/2021
Tiago Leifert vai apresentar ‘Domingão do Faustão’ neste domingo
10/06/2021

Diocese de Nazaré ganha seis novos sacerdotes

Diocese de Nazaré/Pascom
Na tarde de ontem, 09 de junho, memória de São José de Anchieta, o apóstolo do Brasil, a Diocese de Nazaré ganhou seis novos padres: Padre Adriano Pereira da Silva, Padre Hugo Estevão Mendonça da Silva, Padre José Francisco de Andrade, Padre José Ícaro de Lima e Silva, Padre Marcílio Emmanuel Marques de Souza e Padre Ronaldo Gomes da Silva.
“O sentimento é de gratidão; gratidão a Deus pelo chamado à vocação sacerdotal, ao nosso bispo por confirmar esse chamado, aos nossos pais e familiares que nos apoiaram em nossa escolha, ao clero que nos acolhe e a todo o povo de Deus que forma a nossa diocese. Não podemos deixar de destacar o trabalho da Obra das Vocações Sacerdotais (OVS), que é fundamental em nossa formação. Estamos conscientes de que devemos estar atentos aos sinais dos tempos e, neste mundo tão cheio de incertezas, devemos levar a nossa maior certeza: Jesus Cristo ressuscitado!”, partilhou o neossacerdote Marcílio Emmanuel.
A missa de ordenação aconteceu, às 17h, na Catedral Diocesana Nossa Senhora da Conceição, em Nazaré da Mata-PE, e foi presidida pelo bispo diocesano, Dom Francisco de Assis Dantas de Lucena. Em decorrência das restrições referentes à pandemia do novo coronavírus, a celebração foi restrita aos membros do clero, alguns familiares e equipes de liturgia, observando os protocolos de segurança necessários: uso obrigatório de máscara, higienização e distanciamento social.
Após a proclamação do Evangelho teve início o rito de ordenação, com a apresentação dos candidatos. Em seguida, o bispo iniciou sua homilia citando o padre Alex Bruno (Área Pastoral São Lourenço, Goiana-PE), ordenado no ano passado, e o diácono permanente Marco Antônio (Limoeiro-PE), que seguem na luta para vencer a Covid-19, lembrando ainda de todos os que têm sido afetados por esse mal.
“Estamos reunidos nesta Catedral Diocesana, neste segundo ano de pandemia, tempo marcado por grandes desafios, crises, pessoas infectadas e mortes causadas pela Covid-19. É tempo de cuidar da vida, é tempo da vacina chegar para todos e todas. Não desanimar; fortalecer a fé e continuar a missão”, disse.
Recordando São José de Anchieta, grande catequista e missionário, Dom Lucena expressa sua felicidade em conferir-lhes o ministério sacerdotal, quando começam, então, a integrar o presbitério da Igreja Particular de Nazaré. “Juntamente com os sacerdotes, agradeço ao Senhor pelo duplo sacerdócio de vocês, que enriquece a nossa Igreja Particular com seis novos pastores, todos chamados para a ordem do presbiterado”, falou.
Chamados a colaborar com a missão de toda a Igreja, e estando para viver este momento de alegria e de graça, o prelado, dirigindo-se aos candidatos, exorta: “cooperem para edificar o corpo de Cristo, que é a Igreja, como povo de Deus e templo do Espírito Santo. Considerem que, exercendo o ministério da Doutrina Sagrada, participarão na missão de Cristo, único Mestre. Serão pastores como Jesus. É isto que Jesus quer de vocês: pastores; pastores do povo santo e fiel de Deus, pastores que caminhem com o povo de Deus”.
Ao falar sobre a natureza do sacerdócio, Dom Francisco Lucena afirmou não se tratar de uma promoção eclesiástica, mas um serviço como aquele que Deus prestou ao seu povo; um serviço que tem traços e um estilo que deve ser seguido. E, mencionando as palavras do Papa Francisco, citou: estilo de proximidade, estilo de compaixão e estilo de ternura. E elencou as quatro proximidades do sacerdote: proximidade a Deus na oração, ao bispo como colaboradores, entre os irmãos no presbiterado e com o povo santo e fiel de Deus.
“Vocês não estudaram para se tornar sacerdotes, nenhum estudou para se tornar sacerdote, vocês estão aqui porque foram eleitos, escolhidos do povo de Deus […] Não se esqueçam de onde vocês vêm: de suas famílias, do seu povo. Não percam o rastro do povo de Deus! Sejam sacerdotes do povo! […] Sejam pastores próximos de Deus, do bispo, entre vocês e do povo de Deus. Pastores, servos como pastores. E afastem-se do dinheiro!”, enfatizou.
O bispo concluiu suas palavras orientando-os a procurarem sempre a consolação em Jesus, no coração de Jesus, em Nossa Senhora – “Não esqueçam da Mãe!”, exortou – e em São José de Anchieta, apóstolo do Brasil, catequista e missionário. “Desejo a todos vocês um fecundo ministério sacerdotal na Igreja de Cristo. Hoje é um dia feliz! E que esta felicidade permaneça”.
Terminada a homilia, os eleitos, diante do bispo e de todos os fiéis, exprimiram o firme propósito de exercer o seu ministério segundo a mente de Cristo e da Igreja, sob a orientação do bispo. Em seguida, os candidatos se prostraram e os demais, ajoelhados, por meio da ladainha de todos os santos, imploraram a graça de Deus em favor dos eleitos. O principal momento da ordenação é imposição das mãos e prece de ordenação. Pela imposição das mãos do bispo e dos presbíteros presentes e pela prece de ordenação, proferida pelo bispo, é conferido aos ordinandos o dom do Espírito Santo para o exercício do ministério presbiteral.
Logo depois da Prece de Ordenação, os já ordenados foram revestidos da estola e da casula, trazidos por alguns familiares, e, na sequência, tiveram suas mãos ungidas com o óleo do Crisma, pedindo que a mesma unção que o Pai derramou em seu Filho fosse dada aos novos presbíteros, para exercerem o sacerdócio de Cristo. Ao receberem o Pão e o Vinho, os neossacerdotes são recordados que, ao celebrarem, eles colocam sobre o altar as suas próprias vidas, oferecidas também como sinal de holocausto.
Ao final da celebração, o Padre Aluísio Ramos, representante do clero diocesano, parabenizou o bispo diocesano pela coragem e discernimento em ordenar, em menos de um ano, 11 padres para a Diocese de Nazaré, com todas as restrições e cuidados, “para colocar em evidência ainda mais o Cristo”, e acolheu oficialmente os neossacerdotes: “Sejam bem-vindos! A Igreja do Senhor espera por vocês, as comunidades contam com vocês e o bispo também espera que vocês sejam colaboradores conforme o coração de Deus”.
Por fim, o padre Hugo Estevão, em nome dos demais colegas, também fez uso da palavra e agradeceu a Deus, ao bispo diocesano, aos bispos eméritos, ao clero de Nazaré, formadores e diretores espirituais, à Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP), aos irmãos seminaristas, às paróquias onde serviram, à OVS e aos familiares.
Confira as datas e locais das primeiras presidências eucarísticas, que acontecerão seguindo as restrições e horários determinados pelo decreto do Governo do Estado de Pernambuco, bem como as orientações da Diocese de Nazaré.
PADRE JOSÉ FRANCISCO DE ANDRADE (‘‘É necessário que Ele cresça e eu diminua’’ Jo 3,30)
10 de junho de 2021, às 18h, na Igreja Matriz de São José, em Feira Nova-PE. Acompanhe pelas redes sociais: FacebookYoutube e Instagram
PADRE ADRIANO PEREIRA DA SILVA (‘‘A vida dos justos está nas mãos de Deus’’ Sb 3,1)
11 de junho de 2021, às 18h, na Matriz de Nossa Senhora da Soledade, em Lagoa do Carro-PE. Acompanhe pelas redes sociais: FacebookYoutube e Instagram  
PADRE HUGO ESTEVÃO MENDONÇA DA SILVA (‘‘O Senhor é o pastor que me conduz’’ Sl 22)
12 de junho de 2021, às 16h, na Matriz de São Sebastião, em Limoeiro-PE. Acompanhe pelas redes sociais: FacebookYoutube e Instagram 
PADRE RONALDO GOMES DA SILVA (‘‘Eu estou no meio de vós como aquele que serve’’ Lc 22,27)
14 de junho de 2021, às 18h, na Igreja Matriz de Sant’Ana, em Bom Jardim-PE. Acompanhe pelas redes sociais: FacebookYoutube e Instagram
PADRE JOSÉ ÍCARO DE LIMA E SILVA (‘‘Fiz-me tudo para todos’’ 1Cor 9,22)
15 de junho de 2021, às 18h, na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, em Ferreiros-PE. Acompanhe pelas redes sociais: FacebookYoutube e Instagram
PADRE MARCÍLIO EMMANUEL MARQUES DE SOUZA (‘‘A esperança é a âncora da alma’’ Hb 6,19)
16 de junho de 2021, às 18h, na Matriz de São Sebastião, em Surubim-PE. Acompanhe pelas redes sociais: FacebookYoutube e Instagram
Fotos: Pascom Nazaré

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.