12/04/2019

MDB cada vez mais pacificado…

A política tem voltas que muita gente não acredita que um dia pode acontecer, mas acaba acontecendo. Uma delas foi o imbróglio envolvendo o MDB de Pernambuco, onde Jarbas Vasconcelos e Raul Henry foram até às últimas consequências para evitar que Fernando Bezerra Coelho conquistasse o comando do partido no estado. Após a vitória de Jarbas Vasconcelos para o Senado e a escolha de Fernando Bezerra Coelho para a liderança do governo Jair Bolsonaro no Senado, o sentimento é o de que Jarbas e FBC estão cada vez mais afinados no tocante ao comando do MDB de Pernambuco. Eles deixaram as brigas de lado e entenderam que o melhor caminho é o entendimento. No jantar da Amupe em Brasília, Jarbas não pôde estar presente porque estava em missão oficial no exterior, mas os presentes puderam perceber a relação cordial que existe entre Fernando e Raul Henry, quando não só se […]
11/04/2019

Paulo Câmara acelera o ritmo na segunda gestão…

Nem tudo é dificuldade e desencontro em 100 dias de gestão. Enquanto o presidente Jair Bolsonaro se afoga em contradições e deixa de cumprir promessas básicas assumidas na campanha, os primeiros três meses da segunda gestão do governador Paulo Câmara foram marcados por um intenso ritmo de trabalho, com o início de mais obras, entregas de novos equipamentos e a realização de um grande número de ações. Nesse período, o governador se antecipou e cumpriu um dos principais compromissos assumidos com a população: o Décimo Terceiro do Bolsa Família de Pernambuco – maior programa de distribuição de renda da história do Estado – lançado no final de março, conforme prometido na campanha. Enquanto isso, o governo Bolsonaro somente agora começa a falar no assunto. Num balanço geral dos primeiros 100 dias, é possível enxergar claros avanços em diversas áreas da gestão estadual, com destaque para a segurança pública e a […]
10/04/2019

Bolsonaro decepcionou…

Por Arthur Cunha  Aguardado com ansiedade pelos prefeitos de todo país na Marcha em Defesa dos Municípios, o presidente Jair Bolsonaro decepcionou. O chefe do Executivo foi ao evento cheio de ministros, ao lado dos presidentes da Câmara e do Senado, mas não fez nenhum gesto concreto com os gestores municipais, que estão na ponta lidando com todos os problemas das cidades. Presidente da Amupe, José Patriota traduziu bem o sentimento dos seus pares. O dirigente afirmou que Bolsonaro fez mais um diagnóstico do que, propriamente, uma proposta de ação. Foi muito econômico nas palavras, segundo o prefeito de Afogados da Ingazeira, e gerou muita expectativa. À tarde, o ministro Paulo Guedes (Economia) deu mais profundidade ao planejamento. “Falta a gente, de fato, acompanhar como vai ser o procedimento; pois o ministro está defendendo a Reforma da Previdência, que é bastante discutível; o Pacto Federativo, que acompanha, sobretudo, a Reforma […]
09/04/2019

A representatividade da Amupe na Marcha dos Prefeitos…

Comandada pelo prefeito de Afogados da Ingazeira, José Patriota, a Associação Municipalista de Pernambuco, Amupe, vive o seu melhor momento em termos de representatividade política, tanto no âmbito estadual quanto no âmbito federal. Com uma habilidade ímpar, José Patriota conseguiu construir uma credibilidade entre os prefeitos pernambucanos jamais vista pra um presidente da entidade, isso porque ele é determinado, tem fácil trânsito e sabe defender com unhas e dentes os interesses do municipalismo pernambucano. Hoje Brasília dá início a uma das maiores marchas da história, e Pernambuco segue como um dos principais contribuintes deste grandioso evento, que busca a valorização do municipalismo e possibilita uma maior interlocução dos municípios com os entes federativos, sobretudo congresso nacional e governo federal. Os municípios pernambucanos, sem muita diferença dos demais municípios brasileiros, seguem com um aumento das suas obrigações e redução de sua receita e por isso há uma demanda significativa para a […]
08/04/2019

O desafio da oposição em 2020 no Recife…

As eleições de 2020 estão se aproximando e com elas a expectativa sobre como a oposição conseguirá se viabilizar para quebrar a hegemonia do PSB no ano que vem. Primeiro ponto é que a gestão do prefeito Geraldo Julio é bem-avaliada e o nome que caminha para ser indicado pelo PSB, João Campos, já mostrou ser bom de urna. Isso exigirá muita criatividade do grupo oposicionista na próxima eleição. No grupo oposicionista, existem pelo menos três nomes lembrados para a disputa mas que foram rejeitados em eleições anteriores, vide Daniel Coelho, Priscila Krause e Mendonça Filho, o que carimba em suas candidaturas a marca de derrotas eleitorais. Também não há sinalização de que a oposição tenha, ao menos nestes três nomes, um projeto consistente para a cidade. Na disputa proporcional, que tem um peso significativo na questão majoritária, é pouco provável que aspirantes competitivos ao cargo queiram figurar em chapas […]
07/04/2019

Os surdos batem boca com os mudos…

Elio Gaspari – Folha de S.Paulo A ida do ministro Paulo Guedes foi catastrófica sob qualquer aspecto, mas não é justo que se passe batido pelo fato de ele ter extraído um dos espinhos que envenenavam seu projeto. Numa frase curta, o ministro disse que a mudança no pagamento do Benefício de Prestação Continuada aos miseráveis “pode ser opcional”. Traduzindo: hoje as pessoas que têm mais de 65 anos e vivem na miséria ganham um salário mínimo (R$ 998). Pelo projeto inicial essa mesma pessoa receberia R$ 400 a partir dos 60 anos, mas só ganharia o salário mínimo quando completasse 70 anos.  Ao falar em “opcional” Guedes pode ter resolvido o problema. Quando o sujeito completar 60 anos pode pegar logo seus R$ 400 mensais e nesse caso só receberá os R$ 998 quando completar 70 anos. Se preferir, esperará cinco anos e pegará o salário mínimo cheio. A palavra “opcional” está envenenando também […]
04/04/2019

Hitler era um esquerdista?…

Trecho de artigo de Ascânio Seleme – O Globo Outro grupo exótico, recém-descoberto no Brasil, é formado por indivíduos que dizem que o nazismo e o fascismo foram movimentos políticos de esquerda. Contra todas as evidências e provas históricas, teimam em afirmar que os nazistas eram esquerdistas porque seu partido se chamava Nacional Socialista. Não dá para dizer se esta turma é ingênua ou ignorante. A diferença entre os brasileiros e os terraplanistas americanos é que estes ainda recolhem fundos para fazer uma jornada até a borda da terra. Os brasileiros que não acreditam no golpe, na ditadura, na tortura e ainda afirmam que Hitler era um esquerdista psicopata já estão viajando há tempo. Leia artigo na íntegra clicando ao lado: A Terra é plana – Jornal O Globo
03/04/2019

Fernando Monteiro vê Guedes chantageando Congresso…

Na opinião do deputado federal Fernando Monteiro, o ministro da Economia, Paulo Guedes, faz “chantagem” ao “querer diminuir o Congresso e botar a população contra o Congresso“. Ele, então, avalia: “Acho isso um erro porque o Congresso é quem resguarda a Democracia”. Fernando Monteiro faz referência ao pacto federativo proposto por Guedes. Alerta que, caso não haja discussão, os estados podem ficar “na mão do Governo Federal” ou os municípios “na mão dos estados”. Precisa “ter um pacto que seja justo”, defende Fernando Monteiro e adverte: “Não desvinculando receita, querendo jogar na mão dos congressistas para dizer que não saiu dinheiro para Saúde e Educação porque o Congresso não quis”. Fernando quer ouvir Guedes na Comissão de Finanças e se queixa porque o ministro só quer comparecer no dia 8 de maio. Cobra debate. E reforça que a forma de agir de Guedes é “chantagem”. Fernando defende que o ministro […]
02/04/2019

Opinião: Forte e unido…

Por Arthur Cunha – especial para o blog Magno Martins Até ontem, mais de 100 prefeitos pernambucanos já haviam garantido presença na Marcha à Brasília, como ficou conhecida a Marcha em Defesa dos Municípios, a ser realizada de oito a 11 de abril, no Centro Internacional de Convenções do Brasil. Faltando, ainda, uma semana para a mobilização, portanto, um longo período para inscrição, é correto dizer que o movimento municipalista pernambucano chegará forte e unido no evento, o maior do tipo na América Latina. O presidente da Amupe, José Patriota, lembra do quão é importante a participação de todos na Marcha; prefeitos, secretários, vereadores e gestores municipais. Pernambuco precisa estar representado nos seus 184 municípios. Quem ainda não se inscreveu, pode fazê-lo no site na CNM, organizadora do evento, por meio deste link: http://marcha.cnm.org.br/inscreva-se.  A Marcha à Brasília é a oportunidade dos prefeitos, juntos, fazerem seus pleitos serem ao menos ouvidos. […]