19/02/2015

Dilma monta força-tarefa para ajuste fiscal…

O governo vai fazer uma força-tarefa com deputados e senadores na semana que vem para tirar dúvidas sobre as medidas de ajuste fiscal que serão votadas pelo Congresso. Com isso, o objetivo é diminuir a rejeição dos aliados ao pacote. Além do esforço que já vem sendo feito por Aloizio Mercadante. Pepe Vargas, Miguel Rossetto, Nelson Barbosa, Carlos Gabas e Manoel Dias vão receber parlamentares para cafés da manhã e um almoço no Palácio do Planalto. Na terça-feira, será feito um café exclusivo para líderes da base aliada no Senado. Ao meio-dia, será a vez dos líderes aliados da Câmara. No dia seguinte, todos os deputados e senadores dos blocos de apoio ao PT no Congresso serão recebidos para outro café da manhã. Toda saliva ainda é pouca. Praticamente não há petista da Câmara ou do Senado que defenda de público as medidas, com medo de serem criticados por seus eleitorados. […]
18/02/2015

Loja PINGO DE GENTE abre filial em João Alfredo…

Desde a última sexta-feira (13 de fevereiro) que a cidade de João Alfredo conta com a loja filial da marca PINGO DE GENTE, localizada na Rua coronel José Ferreira da Silva, nas imediações da Igreja Matriz da “Cidade Feliz”. A nova PINGO DE GENTE desta vez chega para servir ao recém-nascido com carrinhos, berços, kit para berços, enxovais, poltronas, cômodas, bolsas, banheiras, cortinados, artigos de decoração, etc… Tem de tudo para o seu bebê ! A loja está sob a direção de Ivânia Oliveira, filha do casal de empreendedores Caé e Eunice. É uma inovação que atende a um segmento importante da sociedade joãoalfredense. Trata-se de uma loja organizada e com uma decoração que remete o universo infantil para a chegada do bebê, sendo essencial para atrair uma clientela ávida por produtos de qualidade. Especializada no público infantil, a loja é o lugar certo para quem procura novidades para crianças, desde recém-nascidos […]
16/02/2015

Serviço de Proteção ao Crédito alerta foliões sobre problemas durante o carnaval…

O Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil ) faz uma alerta neste carnaval sobre os problemas que os foliões podem ter se perderem os documentos ou forem vítimas de roubo, principalmente da identidade ou do CPF. O órgão destaca que três em cada dez brasileiros (28%) já foram vítimas de fraudes incluindo a clonagem do cartão de crédito e o uso de nome falso para fazer compras ou tomar empréstimos. O primeiro passo para diminuir o risco de ser vítima de algum tipo de golpe, segundo os especialistas do SPC, é evitar levar documentos pessoais e importantes para os locais do carnaval principalmente onde a concentração de pessoas é maior como nos blocos de rua, nos ensaios de escolas de samba, em festas ou em casas noturnas. O ideal é carregar apenas o essencial e manter tudo protegido. É importante também anotar os dados do cartão e do cheque, […]
12/02/2015

Bancos reajustam taxas do cheque especial…

As taxas médias de juros do cheque especial e do empréstimo pessoal subiram, de acordo com pesquisa feita pelo Procon do Estado de São Paulo, no dia 3 de fevereiro. Quatro dos sete bancos pesquisados aumentaram suas taxas de cheque especial e empréstimo pessoal. As outras instituições financeiras mantiveram os mesmos índices praticados no mês anterior. Segundo o levantamento divulgado hoje (11), em relação ao cheque especial, a taxa média foi 10,50% ao mês (a.m.), o que representa um acréscimo de 0,13 ponto percentual superior ao registrado na pesquisa anterior, que ficou em 10,37% a.m.. A maior alta foi apurada na Caixa Econômica Federal que subiu de 7,64% para 8,19% a.m., variação de 7,20% em relação ao mês de janeiro. O Banco Safra registrou  2,63%, o Banco do Brasil teve alteração de 0,44% e o Bradesco de 0,38%. Em relação ao empréstimo pessoal, a taxa média foi 6,01% a.m. nos […]
08/02/2015

Dólar com maior cotação desde dezembro de 2004…

O dólar atingiu sexta-feira (6) o maior nível em mais de dez anos, após números fortes sobre o mercado de trabalho dos Estados Unidos reforçarem as apostas de que os juros logo começarão a subir na maior economia do mundo.O avanço era também impulsionado pela apreensão dos investidores com o futuro da Petrobras e com as mudanças na diretoria do Banco Central brasileiro, destaca a Reuters. Na avaliação de alguns analistas, a nova diretoria do BC sinaliza uma política monetária menos austera no futuro. A moeda norte-americana fechou em alta de 1,34%, a R$ 2,7782 na venda, maior cotação desde 10 de dezembro de 2004 (R$ 2,7867). Na máxima da sessão, a divisa atingiu R$ 2,7852.Veja cotação Segundo dados da BM&F, o giro financeiro ficou em torno de US$ 900 milhões.
04/02/2015

Graça Foster e mais 5 diretores da Petrobras renunciam…

Além da presidente da Petrobras, Graça Foster, outros cinco diretores apresentaram pedido de renúncia. A informação consta de resposta da estatal a ofício da BM& FBovespa pedindo esclarecimentos sobre notícias veiculadas na mídia em relação a substituição na presidência, que geraram forte alta das ações no pregão de terça-feira (3). A nova diretoria será eleita em reunião do conselho de administração na próxima sexta-feira, dia 06 de fevereiro. “Solicitamos esclarecimentos, o mais breve possível, considerando o comportamento das ações no pregão de hoje, diante das informações do afastamento da cúpula da Petrobras”, diz o pedido da Bovespa. Diante disso, a Petrobras informou, em nota, à Bolsa de Valores de São Paulo: “Em resposta a esta solicitação, a Petrobras informa que seu Conselho de Administração se reunirá na próxima sexta-feira, dia 06.02.2015, para eleger nova Diretoria face à renúncia da Presidente e de cinco Diretores”. (Estadão Conteúdo e Agência Brasil)
03/02/2015

Contas de energia ficarão mais caras em fevereiro com bandeira vermelha…

Assim como aconteceu em janeiro, as contas de energia ficarão mais caras em fevereiro. A conta de energia no próximo mês  ficará R$ 3 mais cara para cada 100 quilowatt/hora (kW/h), segundo  anúncio  feito pela Agência Nacional de Energia Elétrica, que determinou que a bandeira tarifária vigente em fevereiro seja vermelha, assim como foi em janeiro. O sistema de bandeiras tarifárias, começou a valer em janeiro deste ano. Com este sistema, as contas de luz podem ter aumentos mensais se a bandeira for vermelha ou amarela. Ele funciona como um sinal de trânsito: quando a bandeira é vermelha, o consumidor paga R$ 3 a mais por cada 100 kW/h; se for amarela paga R$ 1,50 por 100 kWh; e caso a bandeira seja verde, a fatura não sofre nenhum custo adicional. Em uma casa com consumo mensal de 200 kWh, por exemplo, se a bandeira é vermelha, a conta de […]
23/01/2015

Desemprego…

O Brasil sofrerá um aumento do desemprego durante três anos e a alta se estabilizará em um novo patamar mais elevado apenas em 2017. A nova tendência reverte um período de melhoria no mercado do trabalho e cria dificuldades para avanços sociais e no combate à pobreza. A previsão é da Organização Internacional do Trabalho (OIT), que, em seu informe anual sobre o mercado de trabalho, divulgado ontem, alerta que a desaceleração da economia brasileira terá um custo social e que a expansão do crédito como forma de crescimento da economia não era algo “sustentável”. A alta do desemprego no Brasil segue uma tendência de aumento da taxa nos países emergentes que, até 2014, pareciam isentos da crise mundial. Pelos dados da OIT, o desemprego no Brasil passou de 6,5% em 2013 para 6,8% em 2014. Neste ano, a taxa deve dar um novo salto e chegará a 7,1%. Nem […]
19/01/2015

Mudanças no seguro-desemprego afetarão 2,3 milhões de pessoas no país…

As mudanças nas regras do seguro-desemprego no país que entrarão em vigor em março deverão deixar 2,273 milhões de trabalhadores sem o benefício por ano, o equivalente a 26,58% do total de 2014. A informação foi divulgada ontem pelo Ministério de Trabalho e Emprego com base nos dados do ano passado. Entre os que solicitariam pela segunda vez, ficariam sem acesso, pelas novas regras, 672.097 pessoas (26,96% da base de 2.493.299 trabalhadores). O ministro do Trabalho, Manoel Dias, falou que nenhum direito está sendo suprimido e que as medidas visam defender o patrimônio do trabalhador. A alteração, além de reduzir as despesas federais com o pagamento do seguro, deverá mudar a postura de trabalhadores que viam na facilidade de obter o benefício uma fórmula para trabalhar apenas alguns meses e manter a renda estável ao longo dos anos. As empresas ficaram satisfeitas porque tinham que treinar trabalhadores que logo ficavam […]