Liturgia Católica
14/03/2021
Fragmento Bíblico
14/03/2021

Bolsonaro se reúne com médica Ludhmila Hajjar em meio à articulação para saída de Pazuello

G1
Em meio à articulação para a saída de Eduardo Pazuello do comando do Ministério da Saúde, o presidente da República, Jair Bolsonaro, se reuniu neste domingo (14) com a médica Ludhmila Hajjar no Palácio da Alvorada, residência oficial da Presidência.
A informação sobre o encontro foi confirmada pela Secretaria Especial de Comunicação Social.
Deputados do Centrão, grupo de partidos da base aliada do governo na Câmara, têm pressionado pela troca de Pazuello. Desgastada, a atuação do ministro é criticada em razão do agravamento da crise sanitária no país causada pela pandemia de Covid-19.
O nome da médica Ludhmila Hajjar é defendido pelo presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), que é uma das principais lideranças do Centrão.
Em uma rede social, Lira disse neste domingo que o enfretamento da pandemia “exige competência técnica” e “capacidade de diálogo político” e que enxerga essas qualidades em Ludhmila.
“Coloquei os atributos necessários p/ o bom desempenho à frente da pandemia: capacidade técnica e de diálogo político com os inúmeros entes federativos e instâncias técnicas. São exatamente as qualidades que enxergo na doutora Ludhmila”, escreveu.
E continuou: “Espero e torço para que, caso nomeada ministra da Saúde, consiga desempenhar bem as novas funções. Pelo bem do país e do povo brasileiro, nesta hora de enorme apreensão e gravidade. Como ministra, se confirmada, estarei à inteira disposição”.
Segundo o Blog da Andreia Sadi, a troca de Pazuello também é defendida por aliados de Bolsonaro para que o governo consiga se preparar politicamente à oposição do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que voltou ao tabuleiro eleitoral na semana passada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.