Paulo Câmara empossa novos secretários estaduais e PT volta ao primeiro escalão do Governo de Pernambuco
04/05/2022
Marília lidera, Raquel vem em segundo, Anderson supera Miguel e Danilo não reage
04/05/2022

André de Paula deve subir no palanque de Marília Arraes

Foto: Rafael Vieira / Diario de Pernambuco

Por: Elizabeth Souza / Tádzio Estevam/Diário de Pernambuco – As declarações do deputado André de Paula (PSD), de que irá sair candidato ao Senado, independente do apoio da Frente Popular, movimentaram a política estadual ontem  (03). Na coletiva que o parlamentar realizou durante a manhã ficou claro que o afastamento da Frente é inevitável e que ele deverá subir em outro palanque. O cenário ficou mais favorável ao PT que, inclusive, oficializou a indicação da deputada Teresa Leitão para disputar a vaga pela Frente. André de Paula deverá compor chapa com a deputada Marília Arraes (SD) e ser anunciado nos próximos dias. 
Apesar de não cravar a informação durante o encontro com os jornalistas, o pessedista, quando questionado pela reportagem do Diario se estaria na hora de Pernambuco ter sua primeira governadora, avaliou: “Eu acho que tá na hora. Eu sou muito suspeito porque eu acho que de fato temos que avançar na ocupação dos espaços de poder pelas mulheres em todas as áreas”, comentou. “Se nós tivermos próximo disso acontecer, eu lhe garanto que isso é algo importante”, completou. Pernambuco nunca antes elegeu uma governadora.
André de Paula já foi à mesa com a deputada Marília algumas vezes e o cenário político em Pernambuco deu o tom das conversas. O parlamentar também chegou a afirmar que Marília “é uma amiga pessoal”. Outro fator que fortalece a tese de uma possível saída de André de Paula da Frente Popular é o apoio recebido do PP. Acompanhando o colega de legislatura na Câmara dos Deputados, o deputado federal Eduardo da Fonte (PP) anunciou durante a entrevista coletiva que o Progressistas apoiará a candidatura de André em Pernambuco. Com isso, PSD e PP podem anunciar a qualquer momento a saída do arco de alianças encabeçado pelo PSB de Paulo Câmara (PSB).
O presidente estadual do PSB, Sileno Guedes, informou através de sua assessoria, que não irá se pronunciar até o desfecho da definição do real pré-candidato ao Senado, alegando que os condutores do processo são o governador Paulo Câmara e o pré-candidato Danilo Cabral. Contudo, fonte ligada ao partido disse, em off, à reportagem, que a chapa ainda não está fechada. Que movimentos têm acontecido, a exemplo da vice-governadora Luciana Santos, mas que nada está definido ainda.  
O Grupo de Trabalho Eleitoral do Partido dos Trabalhadores (PT), representado pela presidente nacional da sigla, Gleisi Hoffmann e pelo coordenador do grupo, José Guimarães, analisou a conjuntura eleitoral de diversos estados, dentre eles, Pernambuco. Após avaliação do cenário e levando em conta a importância da aliança com o PSB no estado, o PT reivindicou ao PSB a indicação do nome da deputada Tereza Leitão para disputar o Senado nas eleições deste ano. A decisão levou em conta a necessidade de consolidação da aliança e as chances de vitória no Estado. 
Para Teresa Leitão, o posicionamento de André de Paula já era esperado. “Não vamos nos contrapor à decisão dele. Pelo contrário, vamos disputar a vaga e representar bem o partido no Senado”, disse. Sobre a efetivação da sua indicação para a disputa, a deputada disse que o governador “já está se movimentando nesta direção” e que recebe a notícia com muita satisfação em um momento que o partido ocupa mais espaço no governo estadual. “O PT estava fora da Frente. E agora voltamos com toda a garra e com o legado de Lula. Estamos unidos”, completou.  
As recentes movimentações que envolvem André de Paula abrem caminhos para uma suposta formação de chapa com Marília Arraes, que é o nome preferido do eleitorado pernambucano para a disputa pelo Palácio do Campo das Princesas, como afirmam as recentes pesquisas de intenções de voto no estado. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.