Joaquim Barbosa crescendo…

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSL-RJ), 63 anos, tem de 20% a 22% e lidera de maneira isolada a pesquisa DataPoder360 de intenção de votos para presidente da República. Em 2º lugar vem Joaquim Leia mais »

II Festival do Trabalhador de Salgadinho-PE…

Vem aí o 2º Festival do trabalhador de Salgadinho, segunda-feira 30 de abril no cais de eventos a partir das 21 horas, com @capimcommel e @douglaspegador E na terça-feira dia 1º de Leia mais »

Segundo turno volta a ser possível em Pernambuco…

Com a decisão do PT de lançar candidato próprio ao governo estadual, o segundo turno volta a ser possível em Pernambuco. Não haverá essa possibilidade se a disputa ficar restrita entre o Leia mais »

Venha pra TiConnect….

    Leia mais »

Cabral chegou depois… Isto é Brasil…

Em dezembro de 1498, uma frota de oito navios, sob o comando de Duarte Pacheco Pereira, atingiu o litoral brasileiro e chegou a explorá-lo, à altura dos atuais Estados do Pará e do Maranhão. Leia mais »

Tag Archives: Lula

Fizeram campanha presos. Precedente para Lula…

João Pedro Pitombo – Folha de S.Paulo

Trá-trá-trá. O barulho de rajadas de tiros ecoava dos carros de som nas ruas de Catolé do Rocha, na Paraíba. Inspirado na música “Metralhadora”, sucesso do Carnaval em 2016, o jingle promovia a candidatura de Ubiraci Rocha, que disputava uma vaga de vereador pelo PPS.

Mas o candidato não estava nas ruas para fazer a sua campanha. Ubiraci estava encarcerado, sob suspeita de autoria de três homicídios e de crime de pistolagem.

Precedentes como este podem repetir-se na eleição deste ano, caso o PT registre a candidatura à Presidência de Lula, que cumpre pena após condenação em segunda instância por corrupção e lavagem de dinheiro. O PT, contudo, mantém Lula como postulante ao Planalto e deve registrá-lo em agosto deste ano mesmo preso.

O Tribunal Superior Eleitoral não possui dados sobre políticos que registraram candidatura mesmo presos. Segundo levantamento da Folha, há precedentes de pelo menos seis políticos, candidatos a prefeito e vereador, que disputaram as eleições dentro da prisão.

Apesar de a situação ser a mesma –fazer campanha preso–, há uma diferença. Ao contrário do petista, os candidatos cumpriam prisão preventiva antes da condenação em segunda instância. Por isso, nenhum foi enquadrado na Lei da Ficha Limpa.

A lei deverá ser o principal obstáculo para a candidatura de Lula. O ex-presidente não teve seus direitos políticos suspensos, mas deve ser considerado inelegível.

Continua…

Tribunal da Lava Jato enterra último recurso de Lula…

Por unanimidade, desembargadores da 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) não conheceram embargos dos embargos de declaração, derradeiro apelo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva contra condenação na Lava Jato. Na prática, o recurso não afetaria pena de 12 anos e um mês de reclusão imposta ao petista.

Com a decisão, ficam exauridos todos os recursos que Lula tinha a mover contra sua condenação no caso triplex na segunda instância.

O petista chegou a fazer reclamação ao Supremo, que está nas mãos do ministro Edson Fachin, pelo fato de ter sido encarcerado ainda com este último recurso pendente. Ele evoca acórdão do Tribunal Regional Federal da 4ª Região que determinava o início do cumprimento da pena após o exaurimento de todos os apelos ainda no 2º grau de jurisdição.

Lula está preso desde sábado, 7, em uma Sala Especial na Polícia Federal de Curitiba, sede da Lava Jato. (Magno Martins)

Lula tem 31%, Bolsonaro, 15%, Marina, 10%, aponta pesquisa Datafolha para 2018…

G1

Uma pesquisa do Instituto Datafolha foi divulgada neste domingo (15) pelo jornal “Folha de S.Paulo” com índices de intenção de voto para a eleição presidencial de 2018. Foram feitas 4.194 entrevistas entre 11 e 13 de abril, em 227 municípios. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

Veja os resultados dos 9 cenários pesquisados no 1º turno:

Cenário 1 (Se Lula for candidato, Temer ficar fora da eleição e o MDB lançar Meirelles):

  • Lula (PT): 31%

  • Jair Bolsonaro (PSL): 15%

  • Marina Silva (Rede): 10%

  • Joaquim Barbosa (PSB): 8%

  • Geraldo Alckmin (PSDB): 6%

  • Ciro Gomes (PDT): 5%

  • Alvaro Dias (Podemos): 3%

  • Manuela D’Ávila (PC do B): 2%

  • Fernando Collor de Mello (PTC): 1%

  • Rodrigo Maia (DEM): 1%

  • Henrique Meirelles (MDB): 1%

  • Flávio Rocha (PRB): 1%

  • João Amoêdo (Novo): 0

  • Paulo Rabello de Castro (PSC): 0

  • Guilherme Boulos (PSOL): 0

  • Guilherme Afif Domingos (PSD): 0

  • Em branco / nulo / nenhum: 13%

  • Não sabe: 3%

Continue lendo:  Lula tem 31%, Bolsonaro, 15%, Marina, 10%, aponta pesquisa Datafolha para 2018

 

Advogado diz que Lula estaria lendo seu primeiro livro…

Dois dias depois de se entregar à polícia, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem procurado ler na carceragem da Polícia Federal de Curitiba para passar o tempo, segundo seu advogado, Cristiano Zanin. O petista, no entanto, não tomou banho de sol e optou por ficar na cela lendo “A elite do atraso, da escravidão à Lava-Jato”, de Jessé Souza.

Ao sair do prédio da PF, o advogado também contou que o ex-presidente assistiu à final do campeonato paulista, no domingo, já que a televisão aberta local não pôde transmitir a final do campeonato paranaense. “Naturalmente, ele ficou contente com o título” — diz ele, sobre a vitória no Campeonato Paulista.

Zanin relatou que o petista permanece bem, “embora indignado por estar preso sem ter cometido crimes”. Ainda não há informações sobre visitas de familiares e nem se ele ouve as manifestações que acontece, ao lado de fora do prédio da PF.

APOSTA NO STF – Em reunião da executiva do PT nesta segunda-feira, em Curitiba, a presidente do partido, senadora Gleisi HoffmanN (PR), manteve a aposta de que os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) revejam a possibilidade de prisão após a condenação em segunda instância.

Gleisi disse que espera que Lula deixe a prisão até quarta-feira, quando está marcado o julgamento de uma liminar sobre a constitucionalidade da prisão após condenação em segunda instância. A esperança do PT é que, na análise do caso teórico, o Supremo reveja sua posição, com o voto da ministra Rosa Weber, e Lula possa ser solto.

Em 2016, Rosa Weber foi voto vencido ao se posicionar a favor de esperar o fim dos recursos para iniciar o cumprimento da pena, mas desde então tem seguido o entendimento da maioria do Supremo e votado a favor da prisão após a decisão da segunda instância. No julgamento do habeas corpus de Lula, quarta-feira, ela negou o pedido do ex-presidente. Seu voto, em um eventual reexame da questão no STF, é tido como incerto. (Por Luiza Dalmazo / O Globo)

Rendição: Lula sai do sindicato a pé e entra em carro da PF…

Folha de S.Paulo

Lula tentou deixar o sindicato para se entregar por volta de 17h deste sábado (7), mas militantes cercaram o portão e impediram a saída do carro. O presidente desceu do carro e voltou para dentro do prédio do Sindicado dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo. Por volta das 18h40 ele saiu novamente do prédio, desta vez a pé, atravessou uma viela e entrou em um carro que o estava esperando próximo dali.

Lula foi condenado por Moro no caso do tríplex de Guarujá em julho de 2017. Em janeiro, os juízes do TRF-4 confirmaram a condenação e votaram por aumentar a pena do petista para 12 anos e um mês de prisão.

O juiz Sergio Moro decretou a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e determinou que ele se apresentasse à Polícia Federal em Curitiba até as 17h de sexta (6).

Lula diz que vai se entregar e provar inocência…

Do G1 

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva discursou neste sábado (7) em frente à sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo Campo, negou os crimes pelos quais foi condenado, disse que vai se entregar e provar sua inocência. Foi a primeira vez que ele falou desde sua ordem de prisão, expedida na quinta-feira (5).

“Não estou escondido. Vou lá na barba deles, pra eles saberem que eu não tenho medo, que eu não vou correr e vou provar a minha inocência”, afirmou.

Para o ex-presidente, haverá continuidade após a prisão.

“Minhas ideias estão pairando no ar, não há como prendê-las. Quando eu parar de sonhar, eu sonharei pela cabeça de vocês. Não adianta achar que tudo vai parar quando o Lula enfartar, o meu coração baterá pelo coração de vocês. Por milhões de corações. Não adianta acharem que vão fazer com que eu pare, eu não pararei porque não sou mais um ser humano. Eu sou uma ideia”, disse.

Para o ex-presidente, a Justiça julgou seu caso pressionado pela opinião pública.

“Não pensem que eu sou contra a Lava Jato, não… a Lava jato, se pegar bandido, tem que pegar bandido mesmo que roubou, e prender. Todos nós queremos isso. Todos nós, a vida inteira, dizíamos: ‘só prende pobre, não prende rico’. ‘Todos nós dizíamos. E eu quero que continue prendendo rico. Eu quero. Agora, qual é o problema? é que você não pode fazer julgamento subordinado à imprensa porque, no fundo, no fundo, você destrói as pessoas da sociedade na imagem das pessoas e, depois, os juízes vão julgar e falar: ‘eu não posso ir contra a opinião pública, porque a opinião pública tá pedindo pra caçar’. Quem quiser votar com base na opinião pública largue a toga e vá ser candidato a deputado. Escolha um partido político e vá ser candidato. A toga é o emprego vitalício. O cidadão tem que votar apenas com base nos autos do processo.”

O ex-presidente também pediu que que o juiz Sérgio Moro, responsável pela Lava Jato em 1ª instância, mostre alguma prova contra ele, e diz dormir com a consciência tranquila.
“Eu não tenho medo deles, eu até já falei que gostaria de fazer um debate com o Moro sobre a denúncia que ele fez contra mim, gostaria que ele me mostrasse alguma prova. Qual o crime que cometi neste país? […] porque sonhei que era possível governar esse país envolvendo milhares de pessoas pobres, dar vagas nas universidades e empregos para os pobres?”, questionou.

Confira a reportagem na íntegra aqui: Lula diz que vai se entregar e provar sua inocência: ‘Não estou …

Lula na missa: Marisa, Marisa presente!

Brazil’s former President Luiz Inacio Lula da Silva is seen in front of the metal workers union headquarters in Sao Bernardo do Campo, Brazil, Saturday, April 7, 2018. (AP Photo/Nelson Antoine)

Do Estado de S. Paulo

O ex-presidente deixa o prédio do sindicato pela primeira vez em dois dias e sobe ao trio elétrico ao lado de apoiadores para o início da missa em homenagem à ex-primeira-dama Marisa Letícia, em frente ao Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo. O coro dos apoiadores de Lula entoa gritos de “Marisa! Marisa” e “Marisa presente!” ao redor do trio.
 
Em homenagem à ex-primeira-dama Marisa Letícia, o ex-ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República Gilberto Carvalho, lê artigo escrito pelo Frei Beto na época que Marisa foi pela internada no ano passado.
 
“Se há uma mulher que não pode ser considerada mero adereço do marido é Marisa”, diz um dos trechos.

Manifestantes pró-Lula vibram com chegada do ex-presidente.

Gilberto Carvalho segue lendo o artigo escrito por Frei Beto em homenagem à ex-primeira dama:
“Marisa não tem a vocação política de Lula, mas sua aguçada sensibilidade funciona como um radar que lhe permite captar o âmago das pessoas e discernir as variáveis de cada situação. Por isso, é capaz de dizer a Lula verdades que o ajudam a não se afastar de sua origem popular nem ceder ao mito que se cria em torno dele. A simplicidade talvez seja o predicado que ela mais admira nas pessoas.”
 
“Habilidosa na arte do silk-screen, Marisa fez a primeira bandeira do PT, num tecido vermelho trazido da Itália. Em 1981, montou em casa uma pequena oficina para estampar camisetas com símbolos do Partido, inclusive criações de Henfil.”

Um único manifestante, pró-Operação Lava Jato, está em frente à sede da Polícia Federal (PF), em São Paulo. O homem carrega dois cartazes pedindo o fim da corrupção e a realização de uma “faxina geral”.
 
Jornalistas são maioria na frente do local, na expectativa de que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva vá para o local ainda hoje. No entanto, a PF pode buscá-lo no Sindicato dos Metalúrgicos, em São Bernardo do Campo, onde ele está desde a noite de quinta-feira. 

Continua…

Lula escolhe músicas para missa de Marisa Letícia…

Lula escolheu as músicas que serão cantadas na missa em homenagem à ex-primeira-dama Marisa Letícia neste sábado, dia também de sua despedida antes de ir para a prisão.

“Tem que ter Asa Branca”, disse ele aos jovens que estão ajudando a convidar os artistas que vão participar da celebração.

Além do clássico de Luiz Gonzaga, pediu “Deixa a vida me levar”, de Zeca Pagodinho, e muitas canções de Clara Nunes.

Fez ainda um pedido especial: “Porto Solidão”, sucesso de Jessé e a canção preferida de dona Marisa.

Ficou com olhos marejados ao ver que “Apesar de Você”, de Chico Buarque, estava no setlist, que contará ainda com “O que é, o que é”, de Gonzaguinha.

A ex-presidente Dilma pediu que fosse tocada também “Maria, Maria”, de Milton Nascimento.

Entre os artistas confirmados estavam Maria Gadú, Tulipa, Lecy Brandão, Fioti e Thaide.

O repertório proposto inicialmente pelos jovens era de clássicos dos anos 60, até Lula se envolver pessoalmente na escolha. (Mônica Bergamo e Eliane Trindade – Folha de S.Paulo)

Sérgio Moro determina que Lula pague multa de R$ 1 milhão…

Além do início do cumprimento da pena, o juiz Sergio Moro determinou na quinta-feira que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pague 280 dias multa, conforme decisão do TRF-4, que elevou a pena e o valor. Ele terá dez dias para pagar R$ 1.003.600, mas o valor pode, se negociado, ser descontado mensalmente de sua aposentadoria. Foram 562 dias desde que o ex-presidente Luiz Inácio da Silva foi denunciado por receber propina em forma de um tríplex no Guarujá até a decretação, na quinta-feira, de sua prisão.

Horas depois de o Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitar o habeas corpus preventivo do petista, o Tribunal Regional Federal (TRF-4) pediu e, à tarde, Moro decretou que Lula deverá se entregar até as 17h desta sexta-feira na Polícia Federal de Curitiba.

Continua…

STJ nega habeas corpus de Lula…

O Superior Tribunal de Justiça (STJ), negou o habeas corpus apresentado, na manhã de hoje, pela defesa de Luiz Inácio Lula da Silva, segundo informou à GloboNews Sepúlveda Pertence, um dos advogados do ex-presidente .

O pedido de decisão liminar (provisória) foi protocolado por volta das 7h. Os advogados de Lula contestam ofício enviado ontem pela Oitava Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) ao juiz Sergio Moro, de Curitiba, permitindo a decretação da ordem de prisão.

Após a ordem de prisão, Lula passou a noite de ontem e a madrugada de hoje na sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo, com lideranças do PT. Segundo a determinação de Sérgio Moro, Lula deve se entregar até as 17h desta sexta à Polícia Federal em Curitiba. O juiz vetou o uso de algemas “em qualquer hipótese” (leia a íntegra do despacho).

Continua…

Lula avisa a correligionários: Dilma quer ser candidata…

Gabriel Mascarenhas – Radar – VEJA

Dilma Rousseff está a um passo de entrar no páreo eleitoral.

Lula avisou a interlocutores da cúpula do PT que a ex-presidente quer disputar uma cadeira no Senado.

Além disso, a própria petista telefonou para uma aliada no Congresso e adiantou seu plano, numa conversa ocorrida na segunda 2.

A questão agora é por qual estado ela concorreria.

O partido contratou pesquisas para mediar a popularidade de Dilma em diferentes praças. Os questionários estão nas ruas.

Ela já recebeu convites para se candidatar por Minas Gerais, Piauí e Tocantins.

Se resolver mudar seu domicílio eleitoral do Rio Grande do Sul para qualquer outro estado, a petista tem até sexta-feira para fazê-lo.

Há grandes chances de isso acontecer. Paulo Paim, senador do PT gaúcho e candidato à reeleição, foi informado na semana passada de que Dilma não pretende disputar a corrida pelo Rio Grande do Sul.

Gente próxima à ex-presidente, no entanto, sustenta que, embora muito tentada a voltar ao cenário político, ela ainda não bateu o martelo.

Mesmo com rejeição de habeas corpus, início da prisão de Lula ainda não tem data…

Com a rejeição do habeas corpus preventivo pelo Supremo Tribunal Federal (STF), a defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva esgota as possibilidades de recorrer contra sua eventual prisão. Apesar de a Corte ter negado o pedido, Lula não deve ser preso imediatamente.

É preciso que o juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba e responsável pela condenação na primeira instância, emita um mandado de prisão.

Há ainda trâmites processuais pendentes no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), segunda instância da Justiça Federal com sede em Porto Alegre, o que pode retardar a ordem de prisão.

A defesa de Lula já declarou que quer apresentar um novo recurso contra a rejeição do primeiro embargo pelos desembargadores da Oitava Turma do TRF4. Os advogados têm dez dias corridos a partir da publicação do acórdão – que ocorreu no dia 27 de março – para abrir a intimação sobre o resultado, e mais dois dias úteis de prazo para entrar com o novo recurso: prazo que vai até 10 de abril.

Powered by WordPress | Designed by: diet | Thanks to lasik, online colleges and seo