Venha pra TiConnect….

Leia mais »

Papa defende desarmamento nuclear e combate às mudanças climáticas…

O papa Francisco pediu, ontem (10), aos líderes mundiais que trabalhem a favor do desarmamento nuclear para proteger os direitos humanos, em particular os de pessoas mais desfavorecidas. O pontífice disse que Leia mais »

Eletrobras será privatizada na época da eleição…

Uma das maiores operações do gênero na história do país, a privatização da Eletrobras vai ocorrer entre setembro e dezembro de 2018, diz Wilson Ferreira Júnior, presidente da estatal, à coluna. A Leia mais »

Atriz Eva Todor morre aos 98 anos…

A atriz Eva Todor, conhecida no Brasil inteiro por ter participado de novelas da Globo, morreu na manhã de ontem(10) em casa, no Rio de Janeiro, aos 98 anos, por complicações decorrentes Leia mais »

Ecos da Festa de Nossa Senhora da Conceição de João Alfredo…

Conexão4 Obs.: Para melhor audição, desative momentaneamente a Rádio DS. Leia mais »

Tag Archives: deputado

A contribuição de Tiririca…

Depois de sete anos, Tiririca fez seu primeiro e último discurso como deputado. Foi o que ele disse ao subir à tribuna da Câmara e anunciar que vai deixar a política.

O palhaço não parecia fazer graça. Em tom de desabafo, ele reclamou da “mecânica louca” do Congresso e se declarou decepcionado com a experiência em Brasília.

“Estou saindo triste pra caramba, muito chateado com a política e o nosso Parlamento”, disse. “É uma vergonha muito grande”, reforçou.

Craque na comunicação popular, o comediante engatou uma crítica à boa vida dos colegas. “A gente tem toda essa mordomia, sem falar na carteirada que muitos de vocês dão…”

Ele ensaiou continuar, mas puxou o freio de mão. “Jamais vou falar mal de vocês em qualquer canto que eu chegar”, disse. Os poucos deputados presentes respiraram aliviados.

Em 2010, Tiririca causou sensação ao aparecer fantasiado no horário eleitoral. “O que é que faz um deputado federal? Eu não sei, mas vote em mim, que eu te conto”, prometeu.

As palhaçadas lhe renderam 1,3 milhão de votos e garantiram mais três vagas para a sua coligação. Uma delas ficou com Valdemar Costa Neto, que o convenceu a se candidatar.

O poderoso chefão do PR já havia renunciado para não ser cassado no escândalo do mensalão. Depois seria condenado a sete anos de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro.

Tiririca fez barulho na campanha, mas foi um deputado discreto, que só se destacou por não faltar às sessões. Em dois mandatos, conseguiu aprovar apenas um projeto, que beneficiou sua categoria ao incluir espetáculos de circo na Lei Rouanet.

Apesar do discurso moralista, o palhaço imitou velhas práticas dos colegas. No mês passado, a revista “Veja” revelou que ele usou verba da Câmara para viajar e fazer show no interior de Minas Gerais.

Se cumprir a última promessa, o deputado deixará ao menos uma contribuição à política: uma reeleição a menos em 2018.(Magno Martins)

Se a moda pega? Manifestantes cercam deputado ucraniano e o jogam em lata de lixo…

Sem título

Dezenas de manifestantes enfurecidos próximos ao Parlamento ucraniano, em Kiev, cercaram um deputado proeminente de oposição nesta terça-feira (16) e o jogaram dentro de uma lata de lixo, acusando-o de não apoiar leis que dariam um fim à turbulência no país. O incidente ocorreu com Vitaly Zhuravsky, um ex-membro do partido do presidente deposto Viktor Yanukovich.  

Não ficou claro o que teria feito Zhuravsky atrair a ira dos manifestantes, mas o episódio aconteceu antes de uma sessão em que os parlamentares ratificaram um acordo da Ucrânia com a União Europeia e apoiaram leis para dar um status especial a regiões controladas por separatistas. “Vivemos em um país onde o sangue escorre por sua causa”, gritavam os manifestantes que cercaram o lixo no qual o deputado, de 59 anos, foi jogado. (Globo)

Deputado a Marina: ”Você mentiu a todos nós”…

images-cms-image-000390442

O deputado Jean Wyllys (Psol-RJ) reagiu, indignado, ao recuo de Marina Silva, que cedeu em seu programa de governo depois que ela recebeu um ultimato do pastor Silas Malafia.

“Bastaram quatro tuites do pastor Malafaia para que, em apenas 24 horas, a candidata se esquecesse dos compromissos de ontem, anunciados em um ato público transmitido por televisão, e desmentisse seu próprio programa de governo, impresso em cores e divulgado pelas redes”, disse ele.

“É com essa autoridade, de quem agiu de boa fé, que agora digo: Marina, você não merece a confiança do povo brasileiro! Você mentiu a todos nós e brincou com a esperança de milhões de pessoas”. (Do Portal Br 247)

Agressividade de Pastor Eurico com Xuxa desagradou ao PSB …

facebook – Xuxa com deputados – 22.05.14

facebook – Xuxa com deputados – 22.05.14

A agressividade desmedida do deputado Pastor Eurico  (PSB-PE) com a apresentadora Xuxa, recentemente, não desagradou apenas ao PSB, seu partido, que, acertadamente, o destituiu da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara.

Deixou também evangélicos descontentes, uma vez que o perdão tão ensinado nos cultos foi ignorado pelo parlamentar. Eurico, pelo contrário, não só julgou como condenou a artista, postura que contradiz a tolerância pregada na Bíblia.  

Xuxa foi a Câmara participar de reunião da Comissão de Constituição e Justiça que discutia a chamada “Lei da Palmada”, que proíbe pais e responsáveis legais por crianças e adolescentes de baterem nos menores.

A redação final do projeto de lei do Executivo (PL 7672/10) foi aprovado no início da noite desta quarta-feira (22) por unanimidade na CCJ.

A proposta vai se chamar Lei Menino Bernardo, em homenagem a Bernardo, que foi encontrado morto, no Rio Grande do Sul, e cujos principais suspeitos do crime são o pai e a madrasta.

Pastor Eurico se dirigiu a Xuxa afirmando que, em 1982, elaprovocou a maior violência contra as crianças em um filme pornô”. Ele se referia ao filme “Amor Estranho Amor”, em que Xuxa aparece seminua ao lado de uma criança. (Blog da Folha)

Morre o deputado federal Sérgio Guerra…

20140306092121_cv_guerra_gde

Faleceu há pouco, em decorrência de complicações provocadas por um câncer nos pulmões, no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, o deputado federal Sérgio Guerra (PSDB), 66. O tucano estava internado há mais de vinte dias na capital paulista. O velório deve ser realizado na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe).

Sérgio Guerra filiou-se ao PMDB em 1981 e no ano seguinte foi eleito deputado estadual. Em 1986, já pelo PDT, foi reeleito ao cargo. Em 1989, filiou-se ao PSB e ocupou os cargos de secretário estadual de Indústria, Comércio e Turismo e de Ciência e Tecnologia no governo Miguel Arraes. Obteve pelas urnas o cargo de deputado federal em 1990, reelegendo-se em 1994 e 1998.

Assumiu novamente a secretaria de Indústria e Comércio entre 1997 e 1998, no último mandato de Miguel Arraes. Em 1999, deixou o PSB e filiou-se ao PSDB, onde se mantém desde então. Participou do primeiro governo Jarbas Vasconcelos em Pernambuco, ocupando a Secretaria Extraordinária.

Guerra disputou em 2002 o cargo de senador pelo PSDB de Pernambuco. Foi o 2° colocado naquela disputa, eleito com 1.675.779 votos (26,9% dos válidos) – eleito juntamente com Marco Maciel (PFL), o 1° colocado. Nas eleições de 2006, foi o coordenador nacional da campanha presidencial de Geraldo Alckmin.

Em 2010, foi o sexto candidato a deputado federal mais votado em Pernambuco. Elegeu-se com 167.117 votos (3,79% dos válidos). Em 23 de novembro de 2007, Sérgio foi eleito presidente do PSDB substituindo Tasso Jereissati, cargo que ocupa desde então. Defende que o partido deve utilizar o legado de Fernando Henrique Cardoso em sua atuação política.

À frente da sigla, coordenou as duas últimas campanhas presidenciais tucanas – com Geraldo Alckmin, em 2006, e José Serra, em 2010. No ano de 2012, Guerra implementou um processo de reestruturação do partido, que se inicia por mudanças na comunicação. O PSDB passou a investir mais no uso das redes sociais, como Facebook e Twitter, e também incrementou o diálogo com diferentes setores da sociedade, como as mulheres, os jovens e os sindicalistas.

Outra modificação idealizada por Sérgio na presidência do PSDB é a adoção de eleições prévias para a escolha de candidatos majoritários, quando 2 ou mais membros colocarem-se à disposição para o cargo. A medida deve ser posta em prática em 2013, quando o partido definirá seu candidato à sucessão da presidente Dilma Rousseff. (Magno Martins)

Deputado da Bahia processa Globo por exibir beijo gay em novela…

O beijo gay entre os personagens Niko (Thiago Fragoso) e Félix (Matheus Solano) no último capítulo da novela “Amor à Vida”, da Rede Globo, não agradou ao pastor baiano e deputado estadual Sargento Isidório (PSC), que entrou com um processo contra a emissora na última terça-feira (4) na Assembleia Legislativa da Bahia. O social-cristão, que se apresenta como um ex-gay, repudiou a exibição da cena, além de dizer que a emissora carioca agride a família brasileira.

No documento, o pastor fala que a Rede Globo exibe insistentes “cenas de sexo, beijos entre homossexuais, traições conjugais, homicídios, tentativas de homicídios, assédio moral, humilhação, dentre muitas outras, de maneira tendenciosa, atentam contra os bons costumes, com a finalidade de promiscuir e assim destruir as famílias tradicionais cristãs“.

Ainda de acordo com o deputado baiano, “isso é um grave atentado ao pudor aos que assistem a Rede Globo de Televisão”.

Depravação – Ainda esta semana, outros dois nomes da bancada conservadora no Congresso Nacional criticaram a cena do beijo gay no desfecho da produção global. O deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) afirmou que “foi um marco na depravação da sociedade, porque abre precedentes para que esse tipo de cena se torne comum na televisão, inclusive em outros horários”.

O pastor Marco Feliano (PSC-SP), por sua vez, foi mais comedido e disse que só “teria algo a dizer caso fosse exibido numa programação infantil, pois com estes me preocupo, mas pelo horário exibido, só adultos viram”. (Pragmatismo Político)

Powered by WordPress | Designed by: diet | Thanks to lasik, online colleges and seo