Intervenção federal levanta polêmicas jurídicas, alertam professores de direito…

A intervenção federal no Rio de Janeiro, anunciada sexta (16) pelo presidente Michel Temer, tem aspectos passíveis de questionamentos, afirmam professores consultados pela Agência Brasil. De acordo com o presidente Temer, a Leia mais »

Com intervenção no Rio, 149 PECs terão tramitação parada neste ano…

O decreto que autoriza a intervenção na Segurança Pública do Rio terá efeito também na pauta do Congresso. Além da reforma da Previdência, a medida paralisa a tramitação ao menos 149 Propostas Leia mais »

Hoje (18) tem Carnaval em Surubim…

Domingo (18) Trios elétricos – Cortejo Cultural 8h – Bloco Levanta Defunto 10h – Bloco “As Bonecas” 14h – Maracatu Leão Formoso 15h às 20h – Blocos Líricos Polo Capiba 22h15 – Leia mais »

Com Lula e Huck fora do páreo, Temer mira Bolsonaro…

Quando a névoa embaça o horizonte, o sobe e desce nas apostas políticas são tão ou mais voláteis que as bolsas de valores. Se alguma faísca parecer luz, até azarões vão se Leia mais »

Morre Yuri Souto Maior, em Bom Jardim-PE…

Faleceu no inicio da manhã deste domingo (18), em sua residência na cidade do Bom Jardim-PE, o funcionário público Yuri Souto Maior, 50 anos. A causa mortis ao que tudo indica foi Leia mais »

Tag Archives: Centrais Sindicais

Temer pela Previdência: R$ 500 milhões para centrais…

Em meio às negociações para a aprovação da reforma da Previdência, o Planalto fez um aceno às centrais sindicais que se opõem às mudanças. Michel Temer garantiu que baixará portaria semana que vem para liberar o pagamento de cerca de R$ 500 milhões em verbas do imposto sindical que estavam retidas na União. O dinheiro é fruto de um acordo entre as entidades, o MP, a Caixa e o governo. O ministro Ronaldo Nogueira (Trabalho) vai assinar o texto.

 Os R$ 500 milhões foram bloqueados por falhas no preenchimento de dados obrigatórios para o pagamento.

A baixa adesão do PSD à reforma da Previdência fez do ministro Gilberto Kassab (Comunicações) alvo de forte pressão. Os entusiastas do texto dizem que se ele não fechar questão “para valer”, ameaçando cortar verbas de quem não apoiar o governo, só entregará 15 votos.

PMDB e PP são os partidos com maior adesão ao texto. O PSDB, em vez de avançar na discussão, refluiu. A maioria da bancada de deputados boicotou reunião que discutiu a reforma e mandou avisar que nem sequer quer declarar voto no plenário. A disposição é a de não dar quorum. (Painel – Folha de S.Paulo)

Powered by WordPress | Designed by: diet | Thanks to lasik, online colleges and seo