Ex-ministro é considerado foragido pela PF…

Do G1 Alvo de mandado de prisão pela Justiça Eleitoral de Campos de Goytacazes (RJ) na Operação Chequinho, o presidente nacional do PR e ex-ministro dos Transportes Antônio Carlos Rodrigues já é Leia mais »

TCE mosta que metade dos 184 municípios de PE descumpriu limite de 54% da receita para pagamento de folha de pessoal, como determina LRF…

O Tribunal de Contas de Pernambuco divulgou ontem (23), novo estudo sobre o descumprimento, por parte dos municípios pernambucanos, dos limites com despesa de pessoal, estabelecidos pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Leia mais »

Ecos da comemoração do Dia da Consciência Negra, no Povoado dos Brejinhos…

Data: 23 / 11 / 2017 Povoado dos Brejinhos – João Alfredo-PE Escola Municipal Heliodoro Gonçalves de Arruda Fotos: Facebook Leia mais »

Uma tristeza: Metade das crianças de 8 e 9 anos do país não estão alfabetizadas…

O movimento Todos Pela Educação apresentou em audiência pública na Comissão de Educação da Câmara dos Deputados análise de pesquisa sobre o nível de alfabetização no país. De acordo com os dados, metade das Leia mais »

Limoeiro: encontro debate os 11 anos da Lei Maria da Penha…

Como alusão a campanha 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra as mulheres, a qual tem repercussão mundial, integrando cerca de 160 países envolvidos numa mobilização anual e praticada simultaneamente por Leia mais »

Hoje:

Hoje são.

_________________________________________________________

 

DIA CONSAGRADO A APOLO, O DEUS SOL, DEUS DAS ARTES E DA POESIA NA MITOLOGIA GREGA

DIA CONSAGRADO A APOLO

Na mitologia Grega, Apolo é também conhecido como deus do Sol e da razão, padroeiro da ciência e dos artistas, patrono do mundo. Era sempre representado com um sol em volta da cabeça, para mostrar que era iluminado. Neste dia, espalhe folhas de louro na entrada de sua casa para atrair as dádivas deste deus grego. Um pouco mais de APOLO: Era o deus da morte súbita, das pragas e doenças, mas também o deus da cura e da proteção contra as forças malignas. Além disso era o deus da Beleza, da Perfeição, da Harmonia, do Equilíbrio e da Razão, o iniciador dos jovens no mundo dos adultos, estava ligado à natureza, às ervas e aos rebanhos, e era protetor dos pastores, marinheiros e arqueiros.

_________________________________________________________



1808 – Chegada da Família Real ao Brasil, após fuga ocasionada pela ocupação de Portugal pelas tropas de Napoleão.

_________________________________________________________

 

Pensamento.

População tem remédio a preço de custo nas Farmácias Populares …

Desde 2004, os brasileiros podem comprar medicamentos a preço de custo nas farmácias. Criado durante o Governo Lula, o programa Farmácia Popular busca ampliar o acesso dos brasileiros a medicamentos essenciais, como analgésicos, remédios de controle da hipertensão e da diabetes, asma, colesterol, entre outros. Ao todo, existem mais de 25 mil farmácias conveniadas em todo Brasil.

No site do Ministério da Saúde, é possível ver a lista completa dos medicamentos subsidiados pelo governo federal. Para ter direito ao desconto, basta ir a uma farmácia da rede Aqui Tem Farmácia Popular com o CPF, documento com foto e receita médica válida da rede pública ou particular.

As farmácias populares são implantadas por meio de uma parceria do Ministério da Saúde e da Fiocruz com estados, municípios e instituições filantrópicas. Os medicamentos são comprados por esses órgãos de laboratórios farmacêuticos oficiais públicos ou privados. Quando necessário, são adquiridos por meio de pregões.

Em 2006, o programa foi estendido para a rede privada de farmácias, com a criação de uma nova modalidade, o Aqui tem Farmácia Popular. O beneficiado pode comprar três tipos de medicamentos — para diabetes, hipertensão e anticoncepcionais — em farmácias conveniadas ao governo, pagando até 10% do valor do produto. O restante do valor fica a cargo do Estado brasileiro. Veja a lista de medicamentos.

 

Ministério da Saúde

A lição da águia…

Há uma narração que conta como a águia vive e se desenvolve que eu gostaria de compartilhar hoje com vocês. Em várias fontes que pesquisei consta apenas como sendo o autor anônimo. Provavelmente é uma dessas histórias que vira tradição entre os povos.

Creio ser oportuno trazer para uma reflexão pois praticamente ainda estamos no início de um novo ano e pode ser proveitoso para nos trazer ou firmar princípios e valores para nos acompanhar daqui para frente.

A Águia com seu perfil austero, olhar focado para frente, sem deixar de ver o que está ao seu lado, atinge sempre seus objetivos e metas.

A Águia é a ave que possui a maior longevidade da espécie. Vive cerca de 70 anos. Porém, para chegar a essa idade, aos 40 anos, ela precisa tomar uma séria e difícil decisão.

Aos 40 anos de idade, suas unhas estão compridas e flexíveis e já não conseguem mais agarrar as presas das quais se alimenta.

O bico, alongado e pontiagudo se curva, suas asas tornam-se pesadas em função da grossura de suas penas, estão envelhecidas pelo tempo.

Já se passaram 40 anos do dia em que a jovem águia lançou voo pela primeira vez. Hoje, para a experiente águia, voar já é bem difícil!

Nessa situação a águia só tem duas alternativas:

Deixar-se morrer ou enfrentar um doloroso processo de renovação que irão durar 150 dias.

Esse processo consiste em voar para o alto de uma montanha e lá se recolher em um ninho que esteja próximo a um paredão.

Um local Seguro de outros predadores e de onde, para retornar, ela necessite dar um voo firme e pleno.

Ao encontrar esse lugar, a águia começa a bater o seu bico contra a parede até conseguir arrancá-lo, enfrentando, corajosamente, a dor que essa atitude acarreta. Pacientemente, espera o nascer de um novo bico, com o qual irá arrancar as suas velhas unhas.

Com as novas unhas ela passa a arrancar as velhas penas.

Após cinco meses, “esta renascida”, sai para o famoso voo de renovação, certa da vitória e de estar preparada para viver, então, por mais 30 anos.

Muitas vezes, em nossas vidas, temos que parar e refletir por algum tempo, e dar início a um processo de renovação.

Devemos nos desprender dos preconceitos, dos maus costumes, de tudo aquilo que não é mais útil ou importante, para continuarmos a voar. Um voo de vitória.

Somente Quando livres das barreiras e pesos do passado, poderemos aproveitar o resultado valioso que uma renovação sempre traz. Destrua o bico do ressentimento, arranque as unhas do medo, retire as velhas penas de suas asas, permitindo o fluir de novos pensamentos.

Alce um lindo voo para uma nova vida de sonhos e realizações.

Tenha sempre uma meta: “Voe alto e seja Feliz”

Opinião – Tadeu, o nosso Anastasia…

A expressão “quem tem prazo não tem pressa”, forjada por Marco Maciel, coloca-se entre a ansiedade dos políticos e a oportunidade do governador Eduardo Campos anunciar o candidato à sua sucessão. A expectativa envolve o vice-governador João Lyra, o ex-ministro Fernando Bezerra, alguns áulicos do poder e toda a virtual Oposição.

Dentre os nomes especulados, desponta o de Tadeu Alencar que, afora os laços de família, além do aspecto físico, tem perfil similar ao de Antonio Anastasia quando foi escolhido por Aécio Neves como candidato a governador de Minas Gerais. Obviamente, Anastasia foi melhor preparado. Mas, Tadeu Alencar, pernambucano por adoção, tem experiência em governança pública.

Credibilidade política e confiança institucional.

A sua escolha não é pedra fácil no xadrez político, mas também pode ser justificada por pesquisas sobre o perfil do candidato desejado pelos pernambucanos. Tal como foi em Minas, pode-se juntar o prestígio político do governador com a imagem de competência técnica do candidato, reforçada pela confiança irrestrita que deposita junto a seu mentor. Contudo, deve-se evitar a soberba.

Diz o adágio popular que os jovens são apenas sabidos e que o diabo é sábio porque é velho. Para Platão, o sábio é, sobretudo, o asceta, o que se esforça para se libertar dos condicionantes e das imperfeições da realidade para integrar-se ao mundo das ideias.

No Recife, até pouco tempo, a teoria política vinha sendo construída e reconstruída pela disputa grotesca entre interesses pessoais conflitantes. Um total desequilíbrio entre razão e emoção. Enganam-se aqueles que atribuem os feitos parciais a estratégias pessoais dos governantes. Não se inventam gênios do dia para a noite. A última eleição do Recife foi muito mais resultado de erros viscerais das lideranças do PT do que de acertos estratégicos do partido vitorioso.

Em Pernambuco, a expectativa do anúncio do nome do candidato ungido pela Nova Política está instalada em todos os partidos. É nessa espera que o moinho triturará sonhos e ilusões. As pesquisas de Opinião reforçarão as conveniências e justificarão técnica e politicamente a decisão sobre o perfil do nome escolhido. O processo pode não ser o mais democrático, mas na nossa democracia nem tudo é perfeito.

A imprensa – antes formadora de opinião – seguirá os desejos da manada.

Acólita das preferências do poder, abdicará de qualquer questionamento sobre o processo monárquico da escolha, mesmo que o candidato urgido seja privilegiado por laços de família.

Os políticos – afeitos aos predicados de engolir sapos – se quedarão a realidade da imagem que a sociedade tem sobre eles e se acomodarão ao conformismo das conveniências. Pragmáticos, se postarão para o lado que os ventos irão soprar ou aguardarão a recompensa pela novas tomadas de posição. Afinal as pessoas estão dispostas a passar o governo, não o poder.

A inspiração, vem das montanhas mineiras. Minas tem lições inspiradoras para todas as gentes, na medida em que tem os sertões de Guimarães Rosa.

Nesse aspecto, os netos de Tancredo e de Arraes estão aí para mostrar que o povo sabe e faz.

A disputa pela manutenção do poder nos seus estados e do Poder da República depende de suas estratégias. Para tanto, temos também o nosso Anastasia. Enfim, quando bater a ânsia respire fundo, pois o que se deve fazer é aguardar para ver e crer. Afinal, especular é a melhor forma de esperar e ver o carnaval passar.(Carlos Alberto Fernandes – Economista e professor da UFRPE)

Reflexão do dia…

Fragmento Bíblico

Novo bloco do carnaval 2014 em João Alfredo: “Filhos de Patrão”…

Maiores informações: GILSON SILVA (9891 8732)

Tá tudo liberado no PP…

Se não ocupar espaço em alguma chapa majoritária, o deputado federal Eduardo da Fonte, que preside o PP no Estado, não fará composição em chapão.

Já está debruçado sobre a formação de uma chapinha com o PROS, cujo presidente nacional, Eurípedes Júnior, já lhe deu anuência.“Nos estados, os diretórios do PP estão liberados para tomar posição que bem entenderem para que a gente consiga cumprir meta de eleger 50 deputados federais e cinco senadores”. A ideia é ter entre 8 e 10 integrantes na Casa Alta a partir de 2015.

Petebistas apostam que o PP deve fechar a candidatura de Armando Monteiro Neto, mas o diálogo entre Eduardo da Fonte e o senador é escasso. A última vez que se encontraram foi em outubro, no restaurante Piantella, em Brasília, numa mesa cheia, onde estava, inclusive, Aécio Neves. (Blog da Folha de Pernambuco)

“Eu não tenho pretensão nenhuma de ser vice”, disse Raul Henry…

As especulações em torno do seu nome para compor uma possível chapa majoritária com o PSB na condição de vice foi descartada ontem pelo deputado federal e secretário geral do PMDB, Raul Henry. Visto como a melhor opção nas hostes socialistas para o posto, por se tratar de um político jovem, e alguns já dando como certo a casadinha PSB e PMDB na sucessão estadual, Henry afirmou que o seu projeto pessoal e político é disputar a reeleição na Câmara Federal.

Já a prioridade da legenda em Pernambuco com a política de aliança para sucessão estadual, segundo ele, é reconduzir o senador Jarbas Vasconcelos (PMDB) ao Congresso Nacional. “Eu não tenho pretensão nenhuma de ser vice. A prioridade de nosso partido é participar da majoritária com o senador Jarbas e ter uma chapa estadual e uma federal. A minha pretensão é me reeleger como deputado federal e estou trabalhando para isso”, afirmou, ao ser questionado se via com simpatia o arranjo político que lhe renderia a vaga de vice-governador.

O peemedebista, contudo, voltou a defender o alinhamento entre as legendas no cenário estadual. O assunto, inclusive, deverá ser abordado durante o encontro dos membros da executiva estadual na próxima quinta-feira. Na ocasião, Raul Henry informou que será avaliado o atual cenário político. O parlamentar disse também que serão discutidas questões relacionadas às demandas dos diretórios municipais e a linha e os critérios dos programas de televisão do partido no primeiro semestre. Jarbas não participará da reunião.   (Anderson Bandeira/ Folha de Pernambuco)

Bom Jardim – PE anuncia festaço de São Sebastião…

Pais ou responsáveis de alunos transferidos devem atualizar Bolsa Família…

Os pais ou responsáveis de alunos de famílias que são cadastradas no Programa Bolsa Família devem ficar atentos.

Para os alunos que serão transferidos de unidade escolar, é necessário atualizar o cadastro do Bolsa Família com o nome da nova escola.

Se o cadastro não for atualizado, o benefício pode ser bloqueado por averiguação cadastral. Para regularizar a situação, é necessário solicitar uma declaração de vínculo na unidade escolar em que o aluno está matriculado atualmente.

Após esse procedimento, a declaração deve ser entregue na Secretaria da Criança, do Adolescente e de Políticas Sociais e, em seguida, na Secretaria de Educação.

Caruaru – Onildo Almeida diz que a culpa do escândalo dos vereadores é dos partidos políticos…

“Quando um partido busca componentes para formar seus quadros não há nenhuma investigação. Eles não procuram o passado de cada um. Os partidos simplesmente admitem e elegem. Acho que esse mal deve ser cortado pela raiz”, protestou.

Há um mês os moradores desta cidade do Agreste pernambucano acordaram perplexos com a prisão de dez dos seus 23 vereadores. A Operação Ponto Final, desencadeada na madrugada do dia 18 de dezembro, pela Polícia Civil de Pernambuco, trouxe à tona, de acordo com a investigação, um esquema de cobrança de propina cuja história mais lembra o enredo de um filme policial.

Considerada a mais importante cidade do interior pernambucano, a Capital do Forró virou destaque negativo no noticiário nacional. O assunto ainda é debatido nas ruas e nos meios de comunicação e tem sido tema para professores e religiosos.

Professor de História do campus da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) em Caruaru, José Urbano é um dos que têm falado sobre o tema em sala de aula. Para ele, num primeiro momento as pessoas se sentiram frustradas, mas cientes de que é possível tirar muitas lições do fato.

“Uma delas é que há uma mudança positiva, com políticos sendo presos. Outro vínculo que fazemos em sala de aula é com as manifestações de rua que aconteceram no País no ano passado”, destacou o professor da UFPE.
José Urbano também enfatiza para os alunos o papel da imprensa neste tipo de caso, que ele considera fundamental para a divulgação e elucidação dos crimes.

Já o padre Bianchi Xavier usa os fatos que estão acontecendo com os vereadores de Caruaru para alertar os fieis sobre como as pessoas não devem deixar se levar pela ganância e pelo poder. “Abordei o assunto em um programa de rádio e lamentei. Infelizmente, o povo se sentiu traído. Também foi uma surpresa para mim, pois conheço muitos deles”, afirmou o pároco.

Na opinião do cantor, compositor e presidente da Academia Caruaruense de Cultura, Ciências e Letras, Onildo Almeida, autor da música Feira de Caruaru, os principais responsáveis por esse tipo de comportamento são os partidos políticos. “Quando um partido busca componentes para formar seus quadros não há nenhuma investigação. Eles não procuram o passado de cada um. Os partidos simplesmente admitem e elegem. Acho que esse mal deve ser cortado pela raiz”, protestou.

Para o vice-prefeito de Caruaru, Jorge Gomes (PSB), o que está acontecendo na Câmara de Vereadores é lamentável. “Caruaru está sendo vista de forma negativa, espero que a justiça seja feita”, resumiu o socialista.

Presidente da Câmara de Vereadores entre 2010 e 2012, o ex-vereador Lícius Cavalvanti (PCdoB) acha que o Executivo municipal também é responsável pelo que está acontecendo no Legislativo do município.

“A cidade tem oligarquias, o coronelismo, que não aceitaram o movimento de independência da Câmara. Quebramos a subordinação e eles lutaram para que eu não fosse reeleito. Traçaram caminhos errados e deu nisso que está aí”, disse.

Na opinião do presidente do Sindicato dos Empregados no Comércio de Caruaru, Milton Manoel, esses fatos vão marcar a história da cidade por vários anos. Segundo ele, o caso não é simples e deve ser mais bem investigado, pois outros crimes também podem ter acontecido. “Nós, por exemplo, denunciamos a votação do projeto da licitação dos transportes públicos. Para evitar essas coisas, é preciso que o cidadão comum comece a acompanhar a Câmara mais de perto”, colocou. (Pedro Romero/NE10)

Powered by WordPress | Designed by: diet | Thanks to lasik, online colleges and seo