Na oposição, cresce “desejo de resolver a questão André”…

A chapa pode até não ser fechada logo, mas integrantes da oposição já começam a defender, nas coxias, que o senador Armando Monteiro Neto fixe um prazo para o deputado estadual André Ferreira cravar sua decisão sobre estar ou não na aliança oposicionista. Nos bastidores, ontem, parlamentares observavam que passou a crescer no grupo um sentimento de que “os Ferreira estão usando a oposição para se valorizar junto ao Palácio das Princesas”. Em reserva, um membro do grupo Pernambuco Quer Mudar pontua: “Os Ferreira já sabem que não terão vaga no Senado ao lado de Paulo (Câmara), mas ainda assim não declaram apoio a Armando Monteiro.

E se vierem para oposição é por terem sido excluídos na chapa do governador. E isso deprecia Armando”. Outro graduado integrante desse mesmo time avalia a situação da seguinte forma: “Há um desejo de resolver a questão”. Há quem aponte que “apressar” André pode ser ainda uma forma de deixar nas entrelinhas que o incômodo cresceu a ponto de que, talvez, não seja mais confortável sacramentar essa aliança. Nesse contexto, há quem ventile o nome do deputado federal Daniel Coelho, do PPS, para ocupar a vaga do Senado, ressaltando que ele teria disposição de ir para o embate com o grupo governista. André Ferreira, no entanto, representaria um partido a mais na aliança ao agregar o PSC. Oposicionistas começaram a contagem regressiva. (Por Inaldo Sampaio)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by WordPress | Designed by: diet | Thanks to lasik, online colleges and seo