Justiça dá prazo de 72 horas para governo se pronunciar sobre extinção da Decasp…

O juiz da 5ª Vara da Fazenda Pública, Augusto Napoleão Sampaio Angelim, deu um prazo de 72 horas para que o governo do estado se pronuncie a respeito da ação popular contra Leia mais »

Moro verá se ministros merecerão ou não demissão…

O Globo Com carta branca para combater a corrupção, o juiz federal Sergio Moro afirmou na noite deste domingo, em entrevista ao “Fantástico”, que, provavelmente, atuará como conselheiro do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) para decidir Leia mais »

João Campos vai ser secretário de Paulo Câmara…

O cenário de um governo Bolsonaro (PSL) que entra em contraste com o governo socialista de Paulo Câmara (PSB) pode pesar no fato da escolha de João Campos, eleito deputado federal, permanecer Leia mais »

Novembro Azul…

Leia mais »

Vestibular FACAL 2019…

Dê um clik para ampliar esta imagem Leia mais »

Category Archives: Saúde

O que se sabe sobre a ligação entre o consumo de álcool e a demência

G1

Há uma série de razões pelas quais beber muito álcool regularmente não é uma boa ideia. Isso pode gerar danos ao fígado, ao coração e ao cérebro e é ruim para a saúde em geral, por isso a recomendação de médicos britânicos é que não sejam consumidas mais do que 14 unidades de álcool por semana – o equivalente a quase dez latas de cerveja ou sete taças de vinho.

Mas as pesquisas, incluindo uma divulgada recentemente, apontam que beber em excesso pode ter outro malefício: aumentar o risco de uma pessoa desenvolver demência.

O novo estudo foi publicado no periódico científico Lancet Public Health e realizado na França com mais de 1 milhão de adultos que têm esse problema. Os pesquisadores descobriram que ser hospitalizado por alcoolismo ou outros problemas de saúde decorrentes do consumo excessivo de bebidas é um forte fator de risco para a progressão da demência, especialmente no surgimento precoce dos sintomas, antes dos 65 anos.

Continua…

Governo estuda ampliar vacinação de febre amarela para todo o País…

O Ministério da Saúde vai discutir com estados e organismos internacionais a possibilidade de ampliar a vacinação de febre amarela para todo o país ainda neste ano por conta da circulação do vírus em novas áreas. O ministro da Saúde, Ricardo Barros, apresentou a proposta ontem (22), em Brasília, durante reunião da Comissão Intergestores Tripartite.

A sugestão será também discutida com organismos internacionais, como a Organização Mundial da Saúde (OMS) e a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS). Ao apresentar a proposta, o ministro defendeu que estratégia de vacinar toda a população, deve ser feita de forma gradual, de acordo com as possibilidades dos estados. Segundo ele, se a ampliação for definida, haverá uma programação de vacinação para cada estado.

Atualmente, alguns estados do Nordeste e áreas do Sul e Sudeste do país não fazem parte das áreas de recomendação de vacina, por não apresentarem circulação do vírus.

Continua…

Criança é novo caso suspeito de febre amarela em Pernambuco…

Uma criança de 3 anos de idade é o quinto caso notificado como suspeito de febre amarela no Estado. A menina é moradora do município do Paulista, na Região Metropolitana do Recife (RMR) e esteve em São Paulo no último mês. A vigilância epidemiológica de Paulista informou que a criança viajou com a avó no dia 10 de janeiro e voltou dia 25. As duas ficaram hospedadas na casa de parentes no bairro de São Miguel, em São Paulo Capital.

Ela foi atendida neste domingo (04) no Hospital Maria Lucinda, no Recife, apresentando febre e dores de cabeça, abdominal e de garganta. A menina, que não é vacinada, foi liberada no próprio domingo após exames que atestaram um quadro de virose, segundo o superintendente de Vigilância em Saúde do Paulista, Fábio Diogo.

O gestor destacou que na época da viagem a capital paulista não estava elencada como área de risco. A Secretaria Estadual de Saúde (SES) juntamente a cidade, segue investigando o caso. Além da criança, um outro paciente foi comunicado ao Estado, mas não atendeu a definição de caso do Ministério da Saúde.

Até o momento, dos quatro casos notificados anteriormente, dois foram descartados e dois (pai e filha moradores de Bezerros) estão aguardando os resultados laboratoriais. Todas as notificações foram de pessoas que tiveram passagens por áreas endêmicas como o estado de São Paulo. Como todos os casos são importados e não há qualquer evidência da circulação do vírus, Pernambuco continua fora da área de risco e sem necessidade de vacinação populacional.(waldineypassos.com.br/)

Brasil deve registrar em 2018 cerca de 600 mil novos casos de câncer…

O Brasil deve registrar este ano cerca de 600 mil novos casos de câncer. A informação está na publicação Estimativa 2018 – Incidência de Câncer no Brasil, lançada na manhã desta sexta-feira (2) pelo Instituto Nacional do Câncer (Inca) e o Ministério da Saúde, durante cerimônia do Dia Mundial do Câncer.

O perfil da doença no país espelha a profunda desigualdade socioeconômica brasileira: entre os mais privilegiados, os tumores são típicos daqueles mais registrados nos países desenvolvidos do Ocidente. Entre os mais pobres, a doença está ligada a infecções e outras situações ligadas ao subdesenvolvimento.

O tipo de câncer mais incidente em ambos os sexos para cada ano do biênio 2018-2019 será o de pele não melanoma, que é um tipo de tumor menos letal, com 165.580 casos novos. Depois do de pele não melanoma, os dez tipos de câncer mais incidentes no Brasil serão próstata (68.220 casos novos por ano), mama feminina (59.700), cólon e reto (mais comumente denominado câncer de intestino) (36.360), pulmão (31.270), estômago (21.290), colo do útero (16.370), cavidade oral (14.700), sistema nervoso central (11.320), leucemias (10.800) e esôfago (10.790).

Continua…

Pernambuco registra primeira morte por suspeita de arboviroses…

Pernambuco registrou a primeira morte por suspeita de arbovirose do ano. Uma mulher, de 39 anos, moradora de Moreno teve a notificação do óbito no último dia 26. A causa da morte, no entanto, ainda não foi confirmada. Ano passado, nos primeiros dias, já tinham sido notificadas quatro mortes sob suspeita de arbovirose. Ainda de acordo com o último boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde, 50 municípios pernambucanos estão em situação de risco de surto, outros 83 estão em situação de alerta e apenas 47 têm situação considerada satisfatória. Ibimirim, Passira, Tracunhaém e Venturosa não informaram.  

Segundo a SES, somente após o diagnóstico laboratorial será possível ter a confirmação da causa da morte. Para isso, é feita uma minuciosa investigação domiciliar e hospitalar do óbito e uma discussão do caso no Comitê Estadual de Discussão de Óbitos por Dengue e outras Arboviroses. 

Continua

País tem estoque para imunizar todos os brasileiros não vacinados, diz ministro…

O ministro da Saúde, Ricardo Barros, reafirmou recenemente que o país tem estoque suficiente para imunizar, com doses fracionadas da vacina, todos os brasileiros ainda não vacinados contra a febre amarela. No entanto, o ministério manterá a estratégia de imunizar apenas a população das áreas afetadas pela doença.

O ministro inaugurou, nesta quinta-feira, na cidade de Embu das Artes, na Região Metropolitana de São Paulo, a linha final de produção da vacina contra febre-amarela da empresa privada Libbs Farmacêutica, em parceria com Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-manguinhos) da Fiocruz. A pasta aguarda aval da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para iniciar a comercialização. A nova linha de produção deverá aumentar em 100% o fornecimento da vacina ao ministério.

Continua…

População não vacinada contra febre amarela no País é ‘alto risco’, diz OMS

O grande número de pessoas não vacinadas contra a febre amarela em áreas com ecossistema favorável ao vírus representa um alto risco de mudança no patamar de transmissão. A informação foi divulgada recentemente, em um comunicado emitido pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Desde julho do ano passado, o Ministério da Saúde contabiliza 35 pacientes com a doença, com 20 mortes. A situação mais crítica é a de São Paulo. Na semana passada, o governo Geraldo Alckmin (PSDB) confirmou 41 novos casos – o total, desde o início de 2017, chega a 81.

Para bloquear o vírus, o ministério lançou uma campanha que pretende imunizar, em menos de 50 dias, 21,8 milhões de pessoas no Rio, em São Paulo e na Bahia. Para a OMS, a medida deve limitar o avanço da doença, mas é possível prever percalços. “É importante notar que, devido à sua escala e alcance, esta campanha de vacinação em massa provavelmente será caracterizada por desafios logísticos significativos”, diz o texto.

Continua…

Hemope lança campanha para doação de sangue no período de Carnaval…

Para atrair mais doações para o período de carnaval, a Fundação Hemope lança a campanha “Compartilhe Cultura e Solidariedade, faça a diferença, doe sangue no Hemope” onde doadores poderão participar da ação e fazer a doação. A partir da terça-feira (23) às 8h30, a Fundação abrirá o evento, que receberá durante a semana, os homenageados do carnaval do Recife, Nena Queiroga e Jota Michiles, além da participação do cantor e compositor Getúlio Cavalcanti e do bloco lírico carnavalesco “O Bonde”.

Com uma recepção animada, quem for doar sangue a partir da terça-feira (23) será recebido ao som do frevo e da alegria do carnaval. Na semana do evento, uma agenda especial com várias atrações foi preparada para atrair doadores.

Além da participação dos homenageados do carnaval, no dia 30 de janeiro super-heróis estarão no Hemope; já no dia 6 de fevereiro, haverá a visita tradicional do Rei e da Rainha do carnaval do Recife, dançando o frevo e visitando os doadores e pacientes. (Fonte: JC)

Pernambuco tem segunda suspeita de febre amarela…

Uma segunda suspeita de febre amarela foi confirmada pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) nesta quarta-feira (17). O segundo caso contabilizado neste ano pela secretaria é de um paciente que é pernambucano mas reside em Brasília. Ele está de férias em Pernambuco e passou por áreas de risco na Bahia antes de chegar na capital pernambucana. Ele foi atendido na própria terça em uma unidade privada, com quadro de febre e dores de cabeça e no corpo, e liberado logo em seguida. 

O paciente é vacinado contra febre amarela. Apesar de estar imunizado e não seguir a definição do Ministério da Saúde para caso suspeito, ele foi notificado pela unidade de saúde por ter passado por área considerada de risco na noite da última terça-feira (16).

O primeiro caso registrado neste ano foi o de uma pernambucana com quadro de febre, sintomatologia que iniciou no dia 7 de janeiro, em São Paulo, durante visita ao município de Mairiporã, considerado área de risco. Ela foi atendida em unidade hospitalar privada em Pernambuco no dia 9. A paciente já recebeu alta médica e as análises laboratoriais estão em andamento.

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) informou que Pernambuco não é área de transmissão da febre amarela, ou seja, não tem a circulação do vírus, e também não registra casos da doença transmitida há cerca de 90 anos.

Continua…

Governo de Pernambuco oferece testes gratuitos de sífilis e HIV…

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) reforça a importância da prevenção e da detecção precoces da sífilis e do HIV no Projeto Quero Fazer, que vai promover duas ações externas de testagem e aconselhamento das doenças, no Recife e em Jaboatão dos Guararapes. 

A primeira, será realizada nesta terça-feira (16), a partir das 17h, na Academia da Cidade em Brasília Teimosa. Já na quinta-feira (18), o encontro será na Praça do Viaduto Geraldo Melo, em Prazeres, Jaboatão dos Guararapes. Serão 70 vagas disponíveis em cada ação. 

As testagens duram 30 minutos, tempo para realizar os exames e o aconselhamento. Em casos com resultados positivos, será feito o encaminhamento do paciente para o tratamento. O projeto Quero Fazer é uma realização do Programa Estadual de Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST/HIV/HV) em parceria com a Aids Healthcare Foundation (AHF). Durante os eventos, serão distribuídos camisinhas e gel lubrificante. 

Em Pernambuco, foram registrados 25.218 casos de Aids (De 1983 até 24 de outubro de 2017), sendo 16.344 no público masculino e 8.874 no feminino. Em 2016, foram 1.104 (738 masculinos e 366 femininos) e em 2017, cerca de 396 casos (259 masculinos e 137 femininos). Já as notificações de sífilis, foram 2.684 casos (público em geral), 1.341 em gestantes e 1.612 congênita (transmissão da mãe para o filho durante a gestação), em 2017. (Blog PE)

Anvisa, STF e Congresso podem mudar regulamentação do fumo no País…

A forma de exposição e comercialização de cigarros e outros produtos derivados do tabaco poderá ser regulamentada este ano pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A questão já passou por consulta pública e será analisada na primeira reunião da diretoria colegiada da agência, marcada para a próxima terça-feira (16), em Brasília.

Entidades que defendem as políticas de controle do tabagismo argumentam que a exposição nos locais de venda é usada pela indústria como propaganda, proibida atualmente no Brasil pela Lei Antifumo. A tendência é que haja restrição na forma como os comerciantes deixam os maços ou carteiras de cigarro e outros produtos fumígenos expostos em vitrines ou locais que atraiam os consumidores.

Cigarros com aditivos no STF

A discussão sobre outras medidas de controle do uso do tabaco também deve se destacar na agenda do Judiciário e do Legislativo em 2018. Logo após o recesso, em fevereiro, o plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) deve analisar a proibição dos aditivos de cigarro. O assunto foi colocado em pauta no ano passado pelo menos nove vezes, mas o julgamento foi adiado para o dia 1° de fevereiro.

“O Brasil foi um dos primeiros países que promulgaram uma legislação proibindo os aditivos no cigarro. A gente sabe que esses aditivos, como baunilha, chocolate, menta, são colocados nos produtos pra atrair crianças e adolescentes para iniciação [do fumo]. É um assunto bem importante pra saúde pública”, destacou a consultora no Brasil da União Internacional contra a Tuberculose e Doenças Pulmonares (The Union), Cristiane Vianna.

Continua…

Febre amarela: Governo de SP quer antecipar vacinação fracionada…

O governo de São Paulo pediu ao Ministério da Saúde para antecipar a campanha da vacinação fracionada, que está prevista para começar em 53 municípios no dia 3 de fevereiro. As conversas entre os dois órgãos ainda estão em andamento.

Enquanto isso, nessa semana marcada por filas enormes nos postos de saúde, repórteres do SPTV perceberam que o tumulto tinha um motivo, em especial: muita gente correndo para tomar a vacina padrão, com medo da eficácia da vacina fracionada.

Na sexta-feira (12), foi atualizado para 21 o número de mortes por febre amarela silvestre no estado de São Paulo, segundo a a Secretaria Estadual da Saúde. Até quinta-feira (11), o estado contabilizava 13 mortes de pessoas que contraíram o vírus.

Leia aqui a matéria na íntegra: Governo de SP pede antecipação de campanha da vacinação …

Powered by WordPress | Designed by: diet | Thanks to lasik, online colleges and seo