Gás sobe e preço do botijão pode passar de R$ 100 nas próximas semanas…

O gás de cozinha, que já está com um preço indigesto, deve ficar ainda mais caro. Além dos ajustes promovidos pela Petrobras, o aumento de salário dos trabalhadores das revendas e distribuidoras, Leia mais »

Haddad chega ao Recife e segue em caminhada pelo Centro da cidade…

O candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad, chegou ao Recife e está caminhando pelas ruas do Centro da cidade, cercado pela militância. O semblante de Haddad ora fica alegre, Leia mais »

Paulo diz que é do “lado do povo” no Ibura…

O candidato ao Governo de Pernambuco da Frente Popular, Paulo Câmara (PSB), fala em “lado do povo”, em caminhada no bairro do Ibura. “Essa eleição tem uma importância diferente. Ela nos dará a Leia mais »

Bolsonaro diz em rede social que conhecer país apenas em períodos eleitorais é oportunismo político…

O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, disse em postagem em uma rede social na manhã deste sábado (22), que conhecer o país apenas em períodos eleitorais é oportunismo Leia mais »

Marina atribui posição nas pesquisas a ‘eleitor livre’ e diz que não se rende a discurso fácil, quer ‘ganhar ganhando’…

A candidata da Rede à Presidência da República, Marina Silva, afirmou na noite desta sexta-feira (21) em entrevista ao Jornal da Globo que seu eleitor “é o mais livre”, ao ser questionada sobre a Leia mais »

Category Archives: Notícias

Decano acha que STF muda regra do jogo sobre prisão…

Josias de Souza

Num instante em que autoridades já planejam a execução da ordem de prisão de Lula, o ministro Celso de Mello, decano no Supremo Tribunal Federal, fez duas previsões que, se confirmadas, podem retardar o envio do líder do PT para o xadrez. Em entrevista ao Globo, o ministro vaticinou:

1) Cármen Lúcia, a presidente da Suprema Corte, “terá a sensibilidade” para pautar o julgamento de ações que contestam a regra que permite o encarceramento de condenados a partir de decisões de segunda instância;

2) Deve prevalecer no plenário do Supremo uma “posição intermediária”, que condiciona a execução das penas à confirmação da sentença pelo Superior Tribunal de Justiça, o STJ.

Se Celso de Mello estiver certo, a condenação a 12 anos e 1 mês de cadeia, que o TRF-4 impôs a Lula e deve confirmar nos próximos dias, já não seria suficiente para colocá-lo atrás das grades. O condenado permaneceria em liberdade até o julgamento dos seus recursos no STJ.

Há um mês, Cármen Lúcia dissera que o Supremo iria se “apequenar” se usasse a condenação de Lula para alterar o entendimento sobre prisão em segunda instância. Declarou que não cogitava pautar o julgamento de ações sobre o tema. Celso de Mello aposta que sua colega mudará de ideia.

Continua…

Na cadeia, Maluf mostra fragilidade e se diz inocente…

Mônica Bergamo – Folha de S.Paulo

Eu visitei Paulo Maluf na prisão.

Ele estava tão ansioso para o encontro, na sexta-feira, 2, que já me esperava na porta do bloco em que fica sua cela no Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília.

“Minha querida”, disparou no velho estilo, abrindo os braços para um abraço. “Vim fazer a recepção a você.”

Maluf, 86, parece ainda mais velho. Está de cabelos mais brancos do que o usual (ele não pode mais pintar), barba por fazer e com a pele do rosto cheia de manchas.

É o dia da visita semanal de familiares e amigos aos detentos da Papuda.

Todos os que entram têm que se vestir de branco da cabeça aos pés e usar sandálias no estilo Havaianas, o mesmo uniforme dos presos.

A primeira impressão que se tem é a de estar numa cerimônia religiosa de umbanda ou candomblé.

Maluf também está vestido de branco. Como tem muita dificuldade de caminhar, foi autorizado a usar sapatos.

Curvado e apoiando o braço esquerdo em uma muleta, ele anda vagarosamente pelo corredor que nos levará à cela 10, um espaço de cerca de 10 m² que divide com três detentos.

Apoia o lado direito do corpo na parede para não cair. O dedo mínimo de sua mão está sangrando, deixando marcas por onde encosta.

O ex-ministro Geddel Vieira Lima, num pátio ao lado separado do corredor por uma grade, vê Maluf.

Acena uma vez. Acena de novo, algo surpreso ao reconhecer a colunista da Folha.

Continua…

Veja mostra corrupção no ministério de Temer…

Revista reproduziu uma conversa gravada pelo empresário gaúcho Afonso Rodrigues de Carvalho mostrando dois lobistas pedindo propina de R$ 4 milhões em troca de um registro de atividade profissional no Ministério do Trabalho, que está nas mãos do PTB e envolve o deputado Jovair Arantes (PTB-GO), que presidiu comissão do golpe e é aliado de Temer

Reportagem de capa (Clique aí)  da revista Veja desta semana reproduz uma conversa gravada pelo empresário gaúcho Afonso Rodrigues de Carvalho no ano passado mostrando dois lobistas pedindo R$ 4 milhões em troca de um registro de atividade profissional no Ministério do Trabalho, pasta comandada pelo PTB.

O serviço seria realizados porque, além da propina, quem manda no pedaço é o deputado Jovair Arantes, que presidiu a comissão do golpe contra Dilma Rousseff na Câmara e é aliado de Temer.

Lobista 2: (…) A gente vai ter até que envolver o deputado Jovair…

Empresário: Não é o Jovair Arantes?

Lobista 2: É… O Jovair está junto com a gente, porque ele tem força e por ser do meu estado de Goiás. Eles tinham feito um cálculo. Eles tinham pedido 500 000 para pagar a parte técnica, para pagar as pessoas envolvidas lá e uma ponta para o Jovair. E 2,5 (milhões de reais) quando sair…

Verusca Peixoto, uma das lobistas, admitiu o esquema à revista: “se você não paga, não sai”.

87% das empresas do Brasil pretendem contratar funcionários em 2018, diz estudo…

Um levantamento feito pelo Hays, um grupo internacional de recrutamento, mostrou que 87% das empresas do Brasil pretendem contratar funcionários em 2018. A tendência é de que abram mais vagas no setor de engenharia e manufatura (23,56%), minério e energia (15,38%) e varejo e consumo (13,46%).

A pesquisa mostrou ainda que, mesmo com a reforma trabalhista, que permitiu a contratação temporária, 72% dos cargos esperados serão permanentes. Segundo o estudo, para a maioria das empresas será importante fornecer os benefícios para atrair trabalhadores, como plano de saúde (92%), flexibilidade no horário de trabalho (67%) e home office (51%).

O grupo Hays mostrou ainda que 32% dos empregados estão preocupados com a rotatividade da empresa. Em 2017, 50% dos entrevistados considerou mudar de emprego, principalmente pela insatisfação com os salários. Entre 2016 e 2017, 60% das empresas demitiram. A pesquisa ouviu 250 empresas de todos os portes e analisou a percepção de 2,5 mil profissionais. (Correio Braziliense)

Desemprego sobe para 12,2% e atinge 12,7 milhões de pessoas…

Com o fim dos contratos temporário no começo do ano, a taxa de desemprego no trimestre encerrado em janeiro ficou em 12,2%, aumento de 0,4 ponto porcentual após atingir 11,8% no último trimestre 2017, revela o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE). No primeiro mês do ano, o total de desempregados no País foi de 12,7 milhões de pessoas.

Na comparação ano a ano, a Pe

squisa Mensal por Amostra de Domicílio (Pnad) Contínua aponta para uma queda de 0,4%. A explicação para isso é que, em janeiro do ano passado, o desemprego ainda não havia iniciado a sua trajetória de queda e a taxa fora de 12,6%.

A renda média real do trabalhador foi de R$ 2.169 no trimestre encerrado em janeiro. O resultado representa alta de 1,6% em relação ao mesmo período do ano anterior. Já a massa de renda real habitual paga aos ocupados somou R$ 193,8 bilhões no trimestre até janeiro, alta de 3,6% ante igual período do ano anterior. (PC)

STF autoriza transexuais a mudarem registro civil sem cirurgia…

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou ontem (28/2) maioria de seis votos para autorizar transexuais a alterar o nome no registro civil sem a realização de cirurgia de mudança de sexo. O julgamento começou nesta tarde e deve ser finalizado nesta quinta-feira, quando os ministros deverão decidir se medida também será estendida a transgêneros. Até o momento, seis ministros entenderam que é inconstitucional condicionar a mudança de registro ao procedimento cirúrgico. Entretanto, cinco deles divergiram do relator, ministro Marco Aurélio, e ampliaram o alcance da decisão. As discordâncias tratam do cumprimento automático da alteração nos cartórios, ou por decisão judicial, necessidade de laudo médico, idade mínima de 18 ou 21 anos para pedir a mudança e se a decisão deve valer para transexuais ou transgênicos.

O ministro Marco Aurélio, relator do caso, votou a favor da mudança no registro. Para o ministro, a alteração no registro civil sem a obrigatoriedade da cirurgia decorre do princípio constitucional de dignidade da pessoa humana. Segundo o ministro, a autorização permitirá que transexuais possam viver plenamente em sociedade.

“Impossível juridicamente impor a mutilação àqueles que tão somente buscam a plena aferição de direitos fundamentais, a integral proteção assegurada pela dignidade da pessoa humana”, afirmou Marco Aurélio.

Após o voto do relator, os ministros Alexandre de Moraes, Edson Fachin, Luís Roberto Barroso, Rosa Weber e Luiz Fux votaram e apresentaram as divergências em relação ao voto do relator. Na sessão de amanhã (29), deverão votar Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski, Celso de Mello e a presidente, Cármen Lúcia.

Continua…

Fernando Segovia é demitido…

Por decisão do ministro extraordinário da Segurança Pública Raul Jungmann, o delegado deixa o comando da Polícia Federal pouco menos de quatro meses no cargo. O delegado da Polícia Federal Fernando Segovia não é mais diretor-geral da corporação. O novo diretor deve ser o delegado Rogério Augusto Viana Galloro, atualmente na Secretaria Nacional de Justiça.

Segovia ficou à frente da PF pouco menos de quatro meses. O delegado tomou posse em 20 de novembro do ano passado. A demissão de Segovia foi decidida pelo ministro Raul Jungmann, que tomou posse nesta terça-feira, 27, no comando do novo Ministério Extraordinário da Segurança Pública, Pasta que incorporou a Polícia Federal, então atrelada à estrutura do Ministério da Justiça.

Durante os quatro meses em que permaneceu no cargo, Fernando Segovia protagonizou episódios polêmicos. No momento de maior crise, Fernando Segovia teve que se explicar ao ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, uma declaração à agência Reuters.

Continua…

OAB-PE decide ingressar com ação contra auxílio-saúde do MPPE…

A Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Pernambuco (OAB-PE) decidiu ingressar com ação direta de inconstitucionalidade contra a implementação do auxílio-saúde, de caráter indenizatório, para promotores e procuradores, ativos e inativos, do Ministério Público de Pernambuco (MPPE). A decisão foi tomada por unanimidade, na noite de ontem (26), e pretende enfrentar, no Supremo Tribunal Federal (STF), a proposição que deve gerar impacto anual de R$ 3 milhões nos cofres públicos.

A medida foi debatida na primeira sessão do Conselho Pleno da OAB-PE em 2018, no qual os 36 membros foram favoráveis. O presidente da OAB-PE, Ronnie Duarte, espera obter uma liminar, até o início da próxima semana, que obstrua o pagamento da verba mensal – que seria paga a partir de 22 de março, no valor de R$ 500 para 425 promotores e 156 membros inativos. Os promotores já recebem, mensalmente, auxílio-moradia no valor de R$ 4,3 mil e auxílio-alimentação de R$ 1 mil.

A decisão será repassada ao Conselho Federal da OAB, para que assim ingresse no STF. “Já existe decisão do ministro Luís Roberto Barroso sobre a mesma proposta no Ministério Público de Minas Gerais, negando o auxílio. Será o precedente que justifica a nossa ação sobre a constitucionalidade da matéria. Não se usa verba indenizatória para despesa de caráter ordinário. Isso serve para saúde, moradia, creche, tudo está dentro da lógica do subsídio”, esclarece o presidente.

A entidade também argumenta sobre a moralidade da implantação do auxílio em tempos de crise econômica. “Não é concebível que os promotores não se solidarizem com a população que é obrigada a encarar o impacto da crise, do desemprego e da falta de aumento”, dispara Ronnie. O MPPE decidiu não comentar a decisão.(Folha de  Pernambuco)

 

PF faz busca e apreensão no apartamento Jaques Wagner…

Polícia Federal faz buscas no apartamento do ex-governador da Bahia e atual secretário de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia, Jaques Wagner, no Corredor da Vitória, em Salvador, na manhã desta segunda-feira (26).

A ação faz parte da Operação Cartão Vermelho, que apura irregularidades na contratação dos serviços de demolição, reconstrução e gestão da Arena Fonte Nova. No total, são cumpridos pela PF sete mandados de busca e apreensão.

A obra, segundo laudo da PF, foi superfaturada em valores que, corrigidos, podem chegar a mais de R$ 450 milhões, sendo grande parte desviado para o pagamento de propina e o financiamento de campanhas eleitorais. A investigação aponta fraude em licitação, superfaturamento, desvio de verbas públicas, corrupção e lavagem de dinheiro. Conforme apurado durante as investigações, a licitação que culminou com a Parceria Público- Privada (PPP) foi direcionada para beneficiar o consórcio Fonte Nova Participações (FNP), formada pelas empresas Odebrecht e OAS.

Continua…

Jairo Chaves assume a Secretaria de Cultura e Esportes de São Lourenço da Mata…

Jairo Chaves (foto arquivo)

O produtor cultural Jairo Chaves assumiu recentemente a Secretaria Municipal de Cultura e Esportes do município de São Lourenço da Mata, na Área Metropolitana do Recife. Chaves tem como meta o desenvolvimento de uma política sustentável de difusão e preservação do patrimônio artístico e cultural da cidade e a inclusão social de crianças, adolescentes e adultos a partir da cultura e da prática esportiva. 

“Com muita honra recebemos e aceitamos o convite do prefeito Bruno Pereira para comandar esta importante pasta da gestão municipal de São Lourenço da Mata. Nosso objetivo  é trabalhar uma cultura de inclusão, onde todo cidadão possa se orgulhar de sua história, suas raízes e tradições. Indiscutivelmente, é um grande desafio, mas com a união da equipe vamos fomentar as atividades culturais, valorizando as manifestações que expressam a diversidade, turismo, esportes, preservar o patrimônio cultural material e imaterial, promover intercâmbio cultural nos âmbitos regional, entre outras atividades”, pontuou Chaves, acrescentando a democratização da prática esportiva e de lazer como direito de todos, com mais saúde, equilíbrio psicológico, físico e motor.

O novo secretário de Cultura e Esportes de São Lourenço da Mata  é natural de João Alfredo, sendo integrante de tradicional família local. Empresário, publicitário e produtor de eventos, Jairo Chaves também tem atuação como produtor executivo de cinema e mestrado com ênfase em Marketing e Turismo nas Religiões. 

Chuvas ainda são insuficientes para tirar Jucazinho do colapso…

A temporada de inverno só tem início oficialmente a partir de março, mas as chuvas que vem caindo nestes dois primeiros meses de 2018, trazem a expectativa de que o período de estiagem severa parece estar chegando ao fim, confirmando a previsão de especialistas para este ano. Se as pancadas de chuva que tem ocorrido até agora, animam o homem do campo, que em algumas localidades já começa a plantar, por outro lado, foram insuficientes para tirar a Barragem de Jucazinho do colapso.

No último final de semana choveu bem nos municípios da Bacia do Capibaribe, que contribuem diretamente para acumular água no manancial. As chuvas mais fortes ocorreram em Santa Cruz do Capibaribe nos dias 16 e 17/2, onde choveu 56,8 mm; Toritama com 55,5 mm (17 e 19/2) e Frei Miguelinho registrando 37,1 mm no dia 17/2, mas a terra está tão seca que até agora as precipitações não foram capazes de fazer a água “descer” em direção ao reservatório. Quem passa pela ponte da BR-104 em Toritama, vê o Rio Capibaribe com água, paisagem já bem diferente do período agudo de seca, no entanto, o pouco que existe está represado em pequenas barragens, sem formar nenhum tipo de correnteza.

Resta esperar que os índices pluviométricos anotados nestes 51 primeiros dias do ano, na Região Metropolitana de Recife e na Mata Sul do Estado, considerados superiores à média histórica, possam ocorrer aqui também no Agreste Setentrional, só assim o cenário mudará em Jucazinho. (Correio do Agreste)

Brasil tem média de 7 presos por agente penitenciário; 19 estados descumprem limite recomendado…

As prisões brasileiras têm uma média de 7 presos por agente penitenciário. É o que mostra um levantamento feito pelo G1 dentro do Monitor da Violência com base nos dados mais atualizados dos 26 estados e do Distrito Federal. São mais de 686 mil presos sob a custódia de 98 mil agentes em todo o país.

O Monitor da Violência é resultado de uma parceria do G1 com o Núcleo de Estudos da Violência (NEV) da USP e com o Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP).

A proporção mínima desejável é de um agente para cinco presos, segundo uma resolução de 2009 do Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária. Ela foi baseada na proporção média dos países europeus e tem o objetivo de servir de critério para a análise dos projetos encaminhados pelos estados ao Ministério da Justiça para a construção de unidades penais com recursos da União. De acordo com a pasta, a norma continua válida hoje.(PC)

Powered by WordPress | Designed by: diet | Thanks to lasik, online colleges and seo