domfernando

Arcebispo se manifesta publicamente contra reformas…

Do G1/PE O arcebispo de Olinda e Recife, dom Fernando Saburido, se manifestou publicamente contra as reformas trabalhista e da Previdência Social, em tramitação no Congresso Nacional. Por meio dos sites oficiais Leia mais »

WhatsApp-Image-2017-04-25-at-13.03.12-300x168

Coren-PE interdita unidades de saúde nos municípios de Ferreiros e São Vicente Férrer …

Ontem (25/04), o Conselho Regional de Enfermagem de Pernambuco no uso de suas atribuições legais e regimentais interditou eticamente os profissionais de enfermagem de duas unidades de saúde, localizadas nos municípios de Leia mais »

senado

Senado vota hoje abuso de autoridade; projeto é alvo de críticas…

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) deve votar nesta quarta-feira (26) o substitutivo do senador Roberto Requião (PMDB-PR) que tipifica os crimes por abuso de autoridade. A proposta tem sido Leia mais »

195366,475,80,0,0,475,365,0,0,0,0

Energia mais cara em Pernambuco a partir de sábado…

A tarifa para os consumidores da Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) vai ficar mais cara a partir do próximo sábado, dia 29. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou o reajuste Leia mais »

censo_ibge_capacitacao_edit

IBGE abre concurso para mais de 24 mil vagas temporárias…

Foram abertas desde a última segunda-feira, 24, as inscrições para o concurso do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O processo seletivo é para 24.984 vagas temporárias de níveis fundamental e Leia mais »

Category Archives: Eleições

Apesar da Lava Jato, Lula lidera as pesquisas …

Recife- PE- Brasil- 23/09/2016- Ex-presidente Lula em Recife, na manhã desta sexta-feira (23/09), onde participará de eventos políticos.

Foto: Ricardo Stuckert/ Instituto Lula
Recife- PE- Brasil- 23/09/2016- Ex-presidente Lula em Recife, na manhã desta sexta-feira (23/09), onde participará de eventos políticos. Foto: Ricardo Stuckert/ Instituto Lula

Foto: Ricardo Stuckert/ Instituto Lula

O ex-presidente Lula continua liderando as intenções de voto como eventual candidato do PT à presidência da República nas eleições do próximo ano. Num cenário simulado pelo Instituto Vox Populi, contratado pela CUT para fazer a pesquisa, Lula teria mais votos, hoje, que a soma dos seus hipotéticos adversários (entre 44 e 45%, ante 32 a 35% dos opositores). Já numa simulação de segundo turno, o ex-presidente derrotaria qualquer dos seus adversários. Bateria Aécio Neves por 50% a 17%,Geraldo Alckmin por 51% a 17%, o prefeito João Dória por 53% a 16% e a ex-ministra Marina Silva por 49% a 19%.

Claro que ainda é muito cedo para saber o que acontecerá em 2018 porque se a Lava Jato tirar do páreo Aécio e Alckmin, o PSDB pode lançar mão de Dória, que ainda é desconhecido por parte da maioria dos brasileiros e por isso mesmo pode crescer. Mas a cada pesquisa que se divulga a militância do PT vai se animando. Lula derrotaria qualquer dos seus adversários numa simulação de segundo turno

 O mais forte e o mais fraco
Lula continua sendo, ao mesmo tempo, o candidato mais forte e o mais fraco à sucessão de Temer em 2018. É o mais forte porque aparece em 1º lugar em todas as pesquisas e ao mesmo tempo o mais fraco devido ao alto índice de rejeição, sobretudo no Sudeste, e ao fato de ser réu em quatro ações penais. Além do mais, ainda corre o risco de ficar inelegível se for condenado com base na Lei da Ficha Limpa.  (Inaldo Sampaio)

Partidos devem enviar lista atualizada de filiados até hoje….

erteterterert

Termina nesta segunda-feira (17 de abril), o prazo para os 35 partidos políticos com registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) enviarem a relação atualizada de seus filiados. Todos os anos, de acordo com a Lei dos Partidos Políticos (Lei nº 9.096/1995), as legendas têm até a segunda semana dos meses de abril e outubro de cada ano para fazer a atualização.

A lei determina que as listas devem ser enviadas aos juízes eleitorais, para arquivamento, publicação e cumprimento dos prazos de filiação partidária para efeito de candidatura a cargos eletivos, com a relação dos nomes de todos os seus filiados. Alem disso, devem conter a data de filiação e o número dos títulos e das seções eleitorais em que os filiados estiverem inscritos. Um dos requisitos para o registro de candidatura a cargos eletivos é a prova de filiação partidária. Para concorrer, o candidato deverá estar filiado à legenda pela qual pretende concorrer há pelo menos seis meses antes do pleito.

Continua…

Eleições 2018 terão urnas com impressora…

datas-eleicoes2018-cargos-300x189

datas-eleicoes2018-cargos-300x189

Via  Agência Estado

O sistema eleitoral brasileiro tem uma grande novidade, em 2018, o voto será impresso. A nova medida foi aprovada em minirreforma no ano passado e a intenção é de que as urnas eletrônicas tenham impressoras acopladas a fim de registrar o voto em papel. Sendo assim, o uso de modelos de impressora de qualidade será um ponto primordial.

A forma de votar será da seguinte maneira: o eleitor vai até a sua respectiva seção eleitoral e digita na urna eletrônica os números do candidato de sua escolha. Até aqui tudo bem, nenhuma novidade. O voto então é materializado em papel por meio de uma impressora, o eleitor deve mais uma vez conferir no visor se o voto está correto, se tiver, o papel já cai direto dentro de uma urna inviolável. Assim, o eleitor não tem contato com o papel e tampouco pode levar uma cópia para casa, essa medida aumenta o sigilo e diminui os riscos de fraude.

Continua…

De olho em 2018: Lula diz não saber o que vai acontecer, mas garante que disputará Presidência…

lula

lula

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu-se nesta quinta-feira (13) das acusações feitas em delação pelos ex-executivos do grupo Odebrecht e deixou claro que, mesmo não sabendo o que vai lhe acontecer, está no páreo para disputar novamente a presidência da República nas eleições gerais de 2018

“Não sei o que vai acontecer comigo, mas estou na disputa e vou provar que este País pode voltar a ser feliz”, disse o petista à Rádio Metrópole de Salvador. A entrevista foi divulgada nas páginas de Lula nas redes sociais. O ex-presidente mandou um recado aos adversários: “Podem ficar certos que eu vou brigar pra voltar, pra fazer muito mais, porque já fiz este País ser quase a quinta economia do mundo.”

Indagado como recebeu as delações da Odebrecht, cujos vídeos e transcrições foram liberados a público nesta quarta-feira, 12, após o levantamento do sigilo pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin, Lula disse que há dois anos não consegue passar um dia sem ver “uma denúncia, uma leviandade, uma mentira” envolvendo o seu nome. Mas disse estar tranquilo com a situação e que terá a oportunidade, no dia 3 de maio, no depoimento que prestará ao juiz responsável pela Operação Lava Jato, Sérgio Moro, para esclarecer todos os fatos.

Continua…

Após “estrago” com lista, PSDB já discute Dória candidato a presidente em 2018…

São Paulo - O prefeito eleito João Dória fala sobre a Operação Chuvas de Verão, no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), região central (Rovena Rosa/Agência Brasil)
São Paulo - O prefeito eleito João Dória fala sobre a Operação Chuvas de Verão, no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), região central (Rovena Rosa/Agência Brasil)

 (Rovena Rosa/Agência Brasil)

 As contundentes acusações feitas em delação premiada por executivos da Odebrecht que envolveram os principais nomes cotados pelo PSDB para concorrer ao Palácio do Planalto em 2018 fazem aumentar as especulações internas sobre uma eventual candidatura presidencial do prefeito de São Paulo, João Dória.

Lideranças nacionais e governadores tucanos entraram na mira direta da operação Lava Jato, após a divulgação da nova lista de investigados feita pelo relator da investigação no Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Edson Fachin.

O presidente do PSDB, senador Aécio Neves (MG), é um dos campeões de inquéritos, com cinco abertos. Já o governador de São Paulo e mentor de Dória, Geraldo Alckmin, teve seu caso remetido ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), que é a Corte que autoriza investigação de governadores.

Continua…

Marília Arraes topa se candidatar a governadora em 2018…

marilia-arraes-lula-foto-matheusbernardes-780x542

marilia-arraes-lula-foto-matheusbernardes-780x542

 Folha de Pernambuco (Inaldo Sampaio)

O PT iniciou anteontem o processo de eleição direta (PED) para a renovação dos seus dirigentes em âmbito municipal, estadual e federal. É o único partido político que faz isto. Escolhe os seus dirigentes em eleição direta, dando voz e vez a todos os seus filiados. No caso de Pernambuco, o partido se uniu e reconduzirá o advogado Bruno Ribeiro ao cargo de presidente estadual.

A convenção será no próximo mês de maio, seguindo-se em junho o 6º congresso nacional do partido para a escolha do novo presidente (que deverá ser a senadora Gleisi Hoffmann) e do futuro candidato à sucessão de Michel Temer, além da política de alianças. Pernambuco pode vir com uma novidade neste processo: a candidatura da vereadora Marília Arraes ao Governo do Estado. Ela não só aceita o desafio, como está motivada para combater os governos de Paulo Câmara e de Geraldo Júlio, e o partido (PSB) com o qual rompeu um ano atrás.

Peregrinação pelo Estado

Neta de Miguel Arraes e sobrinha de Eduardo Campos, a vereadora Marília Arraes (PT) resolveu viajar pelo Estado para defender a volta de Lula em 2018 e ouvir o povo sobre a Lei da Terceirização e a reforma da Previdência. Por ser a única “cara nova” de que o PT dispõe para o pleito majoritário do próximo ano, o partido só não a convoca para o desafio se for estreito.

Alckmin prefere enfrentar Lula em 2018…

20061008-montagem2

20061008-montagem2

O tucano Geraldo Alckmin integra o ninho dos nomes que derretem nas pesquisas. Ainda não recebeu a visita do cobrador da Lava Jato. E seu pupilo João Doria já oscila entre a lealdade ao padrinho e a pose de alternativa presidencial. Entretanto, a despeito de tudo, o governador de São Paulo continua olhando para 2018 como se enxergasse um pote de ouro no horizonte. Enquanto pressiona o PSDB por uma definição, Alckmin prepara um Plano B. Ele até já elegeu um adversário predileto. Em privado, afirma que prefere polarizar a próxima sucessão com Lula, que o derrotou em 2006.

Alckmin avisou a Aécio Neves, seu rival e presidente do PSDB, que espera até dezembro por uma definição sobre o rito de escolha do presidenciável da legenda. Escaldado com as manobras que prorrogaram à sua revelia a permanência de Aécio no comando da máquina partidária, o governador paulista constrói uma porta de emergência. Esconde-se atrás dela um tesouro eletrônico na partilha do horário de propaganda eleitoral no rádio e televisão em 2018.

Continua…

Se Michel Temer for cassado, FHC é candidato na eleição indireta do mandato-tampão…

16174522

16174522

Correio Braziliense

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) disse ontem (3/4), que uma eventual cassação do presidente Michel Temer (PMDB) pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e uma consequente eleição indireta trariam uma “confusão” ainda maior para o País. “Já temos tantas dificuldades hoje, o Congresso ainda vai eleger uma pessoa pra ser presidente por um ano? É mais confusão”, disse o ex-presidente em entrevista à rádio CBN.

Para FHC, o processo que corre na Corte Eleitoral, cujo julgamento começa nesta terça-feira (4/4), traz riscos para o Brasil, principalmente no setor econômico. “A percepção das pessoas, especialmente dos investidores é: vamos ter outro problema no Brasil? Eles se retraem”, disse o ex-presidente. “O Brasil está há muito tempo de pernas para o ar, está começando a assentar um pouco. Levar muito tempo em um julgamento que põe em risco a situação vigente tem consequências negativas.”

Continua…

Prefeita eleita de Ipojuca quer hospital de referência…

WhatsApp Image 2017-04-02 at 20_03_32

WhatsApp Image 2017-04-02 at 20_03_32

Do G1/PE

A cidade de Ipojuca, no Grande Recife, foi às urnas, ontem, para eleições suplementares e escolheu como nova prefeita do município Célia Sales (PTB). Em entrevista ao Bom Dia PE de hoje, a prefeita eleita falou de suas prioridades, como a criação de um hospital de referência na cidade.

“Na saúde, pretendo trazer um hospital de referência. Já teremos apoio de alguns deputados, que estão ao nosso lado e já se dispuseram a trazer recursos, ajudar a fazer isso. Vamos fazer os postos médicos funcionar 24 horas, porque a doença não tem hora”, afirmou Célia Sales.

A gestora prometeu ainda investir na infraestrutura, especialmente na questão do saneamento. “Vamos fazer o saneamento básico, o estacionamento, infraestrutura de Porto de Galinhas, investir no turismo”, garantiu.

A questão de geração de emprego também está entre as prioridades da prefeita eleita, que aposta na criação de um distrito industrial para poder alavancar a economia do município, que é também sede do Porto de Suape. “Vamos ter um distrito industrial em Camela, já temos algumas empresas para ir para lá. Temos as creches e as moradias que vamos construir”, enumerou.

Eleição

Com 31.010 (55,20%) dos votos válidos, Célia Sales (PTB) foi eleita prefeita de Ipojuca, que será governado por uma mulher pela primeira vez. O segundo lugar ficou com o candidato Carlos Santana (PSDB), com 29.925 votos (42,58%). Olavo Aguiar (PMN) recebeu 1.247 (2,22%) votos e ficou em terceiro lugar.

Célia Sales tem 52 anos e é funcionária pública. Mãe de dois filhos e esposa de Romero Sales (PTB), ela nunca ocupou um cargo político, mas acompanhou o marido quando ele era vereador e secretário de Educação de Ipojuca. O novo pleito foi realizado porque o esposo dela, o candidato mais votado em outubro do ano passado, teve o registro indeferido por uma condenação de improbidade administrativa.

As eleições suplementares em Ipojuca tiveram um total de 58.214 votos apurados. Desses, 56.182 foram validados. Houve ainda 732 votos brancos e 1.300 anulados. Durante o pleito, quatro das 188 urnas eleitorais apresentaram problemas. Elas foram trocadas e não houve interrupção na votação, de acordo com o TRE-PE. Célia Sales tem até o dia 20 de abril para ser diplomada.

Célia Sales é a nova prefeita de Ipojuca …

IMG_9275-748x410

IMG_9275-748x410

Numa disputa bastante polarizada entre Célia Sales (PTB) e Carlos Santana, o Carlinhos (PSDB), a trabalhista levou a melhor e é a nova prefeita de Ipojuca. Com 100% das urnas apuradas, a candidata recebeu 55,20% dos votos válidos (31 010 votos), já o tucano obteve 42,58% (23 925 votos).

Nos últimos meses, a eleição suplementar movimentou a cidade, que integra o Grande Recife. Nas eleições de outubro de 2016, Romero Sales, marido de Célia, disputou o pleito, mas teve a candidatura impugnada ao ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa. Mesmo assim, foi o mais votado.

A decisão tomada pela Justiça Eleitoral foi a de organizar um novo pleito. Enquanto isso, o presidente da Câmara de Vereadores, Irmão Ricardo (PTC), ficou à frente da Prefeitura, após eleição muito tumultuada na Câmara, com agressões mútuas.

Célia Sales declarou mais cedo, em entrevista, que as áreas de prioridade serão educação, habitação e segurança, além de priorizar a contratação de locais. (Houldine Nascimento/Blog do Magno/ foto NE10)

Clima tenso na eleição de Ipojuca…

17634627_1256975691088980_2257356559466004893_n

17634627_1256975691088980_2257356559466004893_n

Por causa da anulação do pleito regular de 2016, os eleitores do município de Ipojuca, no Litoral Sul de Pernambuco, a 43 km do Recife, voltam às urnas, hoje, para a escolha do novo prefeito.

Com uma campanha marcada por um clima tenso, os eleitores terão que escolher entre três candidatos. O ex-prefeito Carlos Santana (PSDB), segundo mais votado na eleição de outubro e que agora se apresenta como Carlinhos, Célia Sales (PTB), esposa do candidato mais votado no último pleito, Romero Sales, e que foi impugnado por se enquadrar na Lei da Ficha Limpa e Olavo Aguiar (PMN), vereador do município.

Por conta do clima acirrado, 150 policiais militares farão o reforço da segurança nos 25 locais de votação e arredores.

Desde a anulação da eleição de outubro, o município vem sendo administrado pelo presidente da Câmara dos Vereadores, Irmão Ricardo (PTC). A expectativa do Tribunal Regional Eleitoral é divulgar o eleito às 19h de hoje. (Magno Martins)

Josinaldo Barbosa reeleito para a presidência da UVP…

foto UVP
foto UVP

foto UVP

O jornalista e blogueiro Magno Martins informou há pouco em seu blog que o atual presidente da União dos Vereadores de Pernambuco – UVP, vereador Josinaldo Barbosa (de Timbaúba) foi reeleito para mais um mandato, ao vencer o vereador André Valença (São Bento do Una) por uma larga diferença de 310 votos. O pleito foi realizado hoje, durante congresso da categoria realizado na cidade de Bonito-PE.

Powered by WordPress | Designed by: diet | Thanks to lasik, online colleges and seo