Imposto de Renda 2018: Receita paga 2º lote de restituições nesta segunda-feira…

A Receita Federal paga nesta segunda-feira (16) o segundo lote de restituição do Imposto de Renda de Pessoas Físicas (IRPF) de 2018. O lote também inclui restituições residuais de 2008 a 2017. Leia mais »

Allez Les Bleus! França bate Croácia e vence a Copa do Mundo…

Na final com mais gols na Copa do Mundo em 52 anos, a França conquistou o título pela segunda vez. A equipe passou sufoco, foi dominada durante o primeiro tempo mas deslanchou na etapa final e Leia mais »

Festa de Emancipação Política do Bom Jardim-PE…

Leia mais »

Saiba o que fazer em caso de picada de escorpião…

G1 As picadas de escorpião já são responsáveis por mais mortes no Brasil do que as picadas de cobra. Encontrados em áreas urbanas, os escorpiões se reproduzem com facilidade e costumam se Leia mais »

1º Fest Bandas de João Alfredo…

Leia mais »

Category Archives: Economia

Imposto de Renda 2018: Receita paga 2º lote de restituições nesta segunda-feira…

A Receita Federal paga nesta segunda-feira (16) o segundo lote de restituição do Imposto de Renda de Pessoas Físicas (IRPF) de 2018. O lote também inclui restituições residuais de 2008 a 2017. Ao todo, serão pagos R$ 5 bilhões a 3.360.917 contribuintes. A correção para quem recebe neste segundo lote do IR 2018 é de 2,04%.

As consultas podem ser feitas pelo site da Receita Federal. Há, ainda, o aplicativo para tablets e smartphones que facilita consulta às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF, diretamente nas bases de dados da Receita Federal.

Este segundo lote do IR 2018 saiu para quem enviou a declaração até o dia 18 de março.

Malha fina

No fim do ano passado, a Receita Federal informou que 747 mil declarações estavam retidas na malha fina do IR de 2017 devido a inconsistências nas informações prestadas.

Nos últimos anos, a omissão de rendimentos foi o principal motivo para cair na malha fina, seguido por inconsistências na declaração de despesas médicas.

Para saber se está na malha fina, os contribuintes podem acessar o “extrato” do Imposto de Renda no site da Receita Federal no chamado e-CAC (Centro Virtual de Atendimento).

Para acessar o extrato do IR é necessário utilizar o código de acesso gerado na própria página da Receita Federal, ou certificado digital emitido por autoridade habilitada.

Após verificar quais inconsistências foram encontradas pela Receita Federal na declaração do Imposto de Renda, o contribuinte pode enviar uma declaração retificadora. Quando a situação for resolvida, o contribuinte sai da malha fina e, caso tenha direito, a restituição será incluída nos lotes residuais do Imposto de Renda. (Portal G1)

Empresa de Surubim investe R$ 20 milhões para quadruplicar produção de pães…

Em dez anos, meta é estar produzindo dez milhões de produtos mensalmente. Foto: Hibernon Neto/Divulgação

Fundada há 102 anos, a empresa pernambucana PanCristal, especializada na fabricação de pães e massas, iniciou um plano de expansão ambicioso. Sediada em Surubim, no Agreste, a companhia vai investir R$ 20 milhões na ampliação das instalações físicas da fábrica para abrigar, a princípio, uma nova linha de produção do pão francês, o carro-chefe da marca. A expectativa é de quadruplicar a atual capacidade produtiva, passando de uma média de 500 mil unidades por mês para 2,5 milhões.

De acordo com o presidente da empresa, João Batista, o investimento acontece em um momento de grande aumento da demanda. “Estamos atendendo a muitos clientes. São empreendedores individuais, franquias, e também clientes de médio e grande porte, como redes de supermercado, lojas de conveniência, hospitais, restaurantes, entre outros”, detalha, afirmando que era preciso uma agilidade maior para atender aos pedidos, já que, apesar do pão francês responder por 75% da atual produção, os clientes estavam demandando outros produtos e as instalações físicas atuais não eram suficientes.

O empresário explica que, na prática, será construído um novo galpão com formato diferente do atual. “Estamos saindo de um galpão com um pé direito (altura entre o piso e o teto) com cinco metros e o novo terá dez metros. Estamos verticalizando a operação”. João Batista diz ainda que a ampliação atual faz parte de uma expansão a longo prazo. Isso porque, além de quase quadruplicar a produção em um curto espaço de tempo, a meta é de chegar a dez milhões de produtos fabricados por mês nos próximos dez anos. “A expansão está sendo estruturada para quatro linhas de produção diferentes. No primeiro momento, será montada uma linha, mas a partir do momento em que conseguirmos prospectar mais clientes, outras linhas serão montadas”, detalha.

História
Fundada em 1916, a empresa hoje é comandada pela quarta geração da família Batista. Além do pão francês, a PanCristal fabrica também massa para bolos, bolachas, além de pão de queijo, pizzas, pudins, salgados diversos, entre outros. São mais de 300 itens no portfólio, segundo João Batista. Com 420 funcionários ao todo, a empresa atende os mercados de Pernambuco, Paraíba, Alagoas e Bahia. Para facilitar a distribuição, a empresa possui três depósitos, localizados no Recife, em Caruaru e em Petrolina, além de distribuidoras em João Pessoa e Campina Grande, na Paraíba.

Mais empregos e projeção de crescimento de 25%

O investimento milionário da PanCristal também vai trazer novos empregos. A expectativa é de que pelo menos 65 novas vagas sejam abertas a partir do funcionamento da nova linha de produção. Elas levam em consideração apenas o setor de logística da empresa, mas a quantidade pode até triplicar, segundo o presidente da empresa, João Batista. “À medida em que prospectarmos mais clientes, precisaremos de vendedores e de novas pessoas na equipe comercial”, destaca.

Conforme o empresário, as vagas serão preenchidas aos poucos, de acordo com o desempenho da empresa. Ele afirma que o impacto da nova linha de produção no crescimento da PanCristal para 2018 não será muito significativo porque muitos dos equipamentos só serão instalados em outubro. Para 2019, no entanto, a projeção é de um aumento de 20% a 25%.
A PanCristal possui uma carteira de clientes com mais de 600 empresas. “Se formos fracionar por estabelecimentos atendidos, como unidades de redes varejistas, por exemplo, estamos presentes em mais de mil pontos comerciais%u201D, diz, acrescentando que a empresa é fornecedora exclusiva de uma rede nacional de cafeterias e de grandes grupos nacionais e internacionais de varejo.

A expansão da Pancristal foi um dos projetos aprovados pelo governo do estado na 102ª reunião do Conselho Estadual de Políticas Industrial, Comercial e de Serviços (Condic), ocorrida na semana passada. A empresa receberá incentivos fiscais anuais de aproximadamente R$ 5,8 milhões. (Por: Sávio Gabriel – Diario de Pernambuco)

A maior derrota do Brasil…

Vinicius Torres Freire – Folha de S.Paulo

“Não exagere. Já saímos de crises iguais a esta ou piores.”

Em conversas com pessoas bem-postas na vida, da esquerda à direita, não raro é possível ouvir variantes desta frase depois de se expor com desânimo ou franca exasperação uma análise do que se passa com este país.

É uma atitude que revela conservadorismo, menosprezo pelos pobres, indiferença obstinada e obtusa por fatos elementares.

É conservadora porque tolera a reincidência de crises tremendas, que seriam inexoráveis como as estações do ano, e o crescimento pífio nas últimas quatro décadas.

É menosprezo pela miséria pelo motivo óbvio, porque os pobres se estrepam mais nos apagões nacionais.

É crença entre mágica e equivocada na ideia de que podemos sair, sem mais, desta outra temporada no inferno e de que o Brasil não tenha um problema de fundo, antigo e grave. Mas essa doença crônica pode ser uma outra aberração deste país tão aberrante (entre os líderes mundiais de desigualdade, taxas de juros, taxa de homicídio e de mortes no trânsito etc.).

Desde 1980, a renda (PIB) per capita brasileira cresce 0,8% ao ano (o que equivale a um crescimento atual da economia de 1,6% ao ano). Desde 1990, o Brasil foi o país que menos cresceu entre as 11 economias relevantes da América Latina, afora a Venezuela, extinta por um meteorito.

Desde 1980, tivemos três recessões cataclísmicas. Vamos completar neste 2018 o segundo pior quinquênio de crescimento desde que se tem notícia (1901).

Não há garantia de que saiamos deste pântano. Não existe necessariamente isso que se chama de “recuperação cíclica”, apenas um conceito descritivo, pois existem depressões ou longas estagnações econômicas.

Esta crise já seria anormal devido à variedade de desastres coincidentes e à acumulação de problemas antigos. Mais impressionante é o impasse político, a paralisia provocada por omissão ou por ação de quem imagina poder saquear as ruínas e sobreviver.

Na economia, houve colapso fiscal, péssima alocação de capital, choques políticos de confiança (2013, estelionato eleitoral, luta política odienta, governo deposto, hecatombe político-policial), corrupção a ponto de causar desordem empresarial sistêmica, saturação de desordem tributária e regulatória, transbordamento do problema previdenciário, secas, o diabo.

Não há ao menos tentativas de pactuar uma saída deste desastre, nenhuma reação social organizada.

Há, por exemplo, veto a aumento de impostos, mas também saques adicionais como perdões tributários para empresas e ricos, planos bucaneiros de socializar prejuízos (o caminhonaço foi um deles, com apoio empresarial), castas burocráticas mordendo o seu butim, o entrincheiramento da casta política, na média corrupta etc. Há pois tentativas de levar o que resta do naufrágio.

O desprezo pelo pacto em favor de saída mais rápida e socialmente justa da crise alimenta as resistências a reformas intragáveis mas necessárias do Estado, a começar pela Previdência. Economistas parecem ignorar esse problema sociopolítico óbvio.

Dado o imobilismo, cresce a possibilidade de dobrarmos a aposta na barbárie nesta eleição, de nos tornarmos uma aberração até na violenta e autoritária América Latina, que, à esquerda ou à direita, tem eleito governos no espectro da civilização, no México ou na Argentina, no Chile ou no Uruguai. Nós estamos dançando na beira do abismo do inferno.

Petrobras anuncia aumento de 1,07% para gasolina…

A Petrobras anunciou nesta sexta-feira (6/7) o segundo aumento no preço da gasolina neste mês. A partir de amanhã (7/7), o combustível terá um reajuste de 1,07% nas refinarias da estatal e passará a custar R$ 2,0249 por litro.

No mês, o combustível acumula alta de 3,92%, ou seja, de quase 8 centavos, já que no final de junho a gasolina era negociada a R$ 1,9486. (AB)

Pagamento dos servidores ativos e inativos do Estado de Pernambuco…

Horário especial de bancos nesta segunda-feira…

A Federação Brasileira dos Bancos (Febraban) divulga horário especial de atendimento bancário nesta segunda-feira (2), quando às 11h, a seleção brasileira joga com o México, na Arena Samara, na Rússia, pelas oitavas de final da Copa do Mundo. O expediente será das 8h30 às 10h, com reabertura das 14h às 16h. A entidade cita segurança das agências e de transporte de valores para a adoção da medida.

A Febrabam esclarece, ainda, que os bancos deverão afixar em suas dependências aviso sobre o horário de atendimento nos dias de jogos do Brasil, com uma com antecedência mínima de 48 (quarenta e oito) horas. 

Quanto ao pagamento de contas, a Febraban lembra que os bancos oferecem aos clientes opções como os caixas eletrônicos, a internet banking, o aplicativo do banco no celular (mobile banking) e operações bancárias por telefone. “Os canais alternativos para transações bancárias facilitam a vida do consumidor. Mesmo durante feriados, os canais como Internet Banking e caixas eletrônicos funcionam normalmente”, diz o diretor-adjunto de Operações da Febraban, Walter Tadeu Pinto de Faria. 

Consulte a Cartilha Canais Alternativos:http://www.febraban.org.br/7Rof7SWg6qmyvwJcFwF7I0aSDf9jyV/sitefebraban/Folder Canais_COPA(FINAL).pdf

Aneel mantém bandeira vermelha nas contas de luz de julho…

A exemplo de junho, as contas de luz terão bandeira vermelha no patamar 2 também no mês de julho – o que acarretará em uma cobrança extra de R$ 5,00 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos.

A manutenção da tarifa extra foi decidida ontem (29) pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), tendo por base a “manutenção das condições hidrológicas desfavoráveis e a tendência de redução no nível de armazenamento dos principais reservatórios do Sistema Interligado Nacional”.

Nos quatro primeiros meses do ano, vigorou a bandeira verde, o que não implicava em cobrança extra na conta de luz. Em maio, vigorou a bandeira tarifária amarela, em que há adicional de R$ 1 na conta de energia do consumidor a cada 100 kWh consumidos.

Sistema
O sistema de bandeiras tarifárias foi criado, de acordo com a Aneel, para sinalizar aos consumidores os custos reais da geração de energia elétrica.

A adoção de cada bandeira, nas cores verde, amarela e vermelha (patamar 1 e 2), está relacionada aos custos da geração de energia elétrica. No patamar 1, o adicional nas contas de luz é de R$ 3,00 a cada 100 kWh; já no 2, o valor extra sobe para R$ 5,00.

Dicas para economizar

A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) alerta que julho é período de permanência das crianças em casa, o que demanda mais eletrodomésticos ligados e possível maior consumo de energia. A concessionária divulgou dicas para ajudar a evitar o desperdício de energia elétrica e contribuir para redução do valor da conta.

Confira as dicas para economizar:

1 – Estabeleça horários para uso de eletroeletrônicos

Controlar o uso exagerado de eletroeletrônicos como televisão, videogames e computadores é um dos principais desafios encontrados pelos adultos durante o período. Estabelecer limites de horários para a utilização dos equipamentos e estimular a realizar atividades físicas, além de fazer bem para a saúde da criançada, traz benefícios para o bolso dos pais ou responsáveis. Do mesmo modo, leituras em dispositivos eletrônicos podem ser substituídas pelos tradicionais livros, revistas e jornais.

2 – Controle o uso do ar-condicinado

No mês de férias, é natural esticar o sono e dormir até mais tarde. Por isso, é preciso ficar atento ao uso prolongado do ar-condicionado. A utilização do timer (temporizador) para evitar o funcionamento desnecessário do condicionador de ar ajuda na economia. Já que julho, em geral, apresentada dias menos calorentos, a orientação é ajustar a temperatura do equipamento para cerca de 23°C e intercalar com ventiladores. É importante promover com regularidade a manutenção e a limpeza desses equipamentos. Além de higiênica, a medida contribui para um desempenho mais econômico já que a sujeira acumulada no filtro dificulta a troca de calor e passagem do ar, exigindo mais potência e, consequentemente, maior consumo de energia.

Continua…

Fiat convoca recall de mais de 200 mil veículos por falha em sistemas de ignição e injeção…

A Fiat informou nesta sexta-feira (29) que vai fazer recall de cerca de 223 mil veículos no Brasil por falha em relés dos sistemas de ignição e injeção de combustível que podem gerar parada no funcionamento dos motores.

Os carros envolvidos abrangem os principais modelos da montadora italiana vendidos no país: Uno, Argo, Mobi, Toro, Grand Siena, Strada, Palio Weekend e Fiorino, de anos-modelo entre 2017 e 2019.

O maior volume de recall envolve a picape Toro, 48.900 veículos. Segundo a Fiat, em casos extremos o desligamento inesperado domotor pode comprometer “as condições de dirigibilidade do veículo e aumentando o risco de colisão, além de possibilitar a ocorrência de danos físicos e materiais ao condutor, aos passageiros e a terceiros”. (Folhapress )

Em plena crise, Petrobras aumenta preço da gasolina…

A Petrobras voltou a aumentar o preço da gasolina, depois de cinco quedas consecutivas do valor do combustível.

A partir de amanhã (31), o preço nas refinarias subirá 0,74% e passará a ser de R$ 1,9671 por litro, segundo a agência de notícia do próprio governo, a Agência Brasil.

Em maio, o preço do combustível nas refinarias da Petrobras acumula alta de 9,42%, já que em 28 de abril o litro custava R$ 1,7977. (Magno Martins)

Greve pode impactar recuperação econômica…

A Associação Brasileira das Indústrias da Alimentação (ABIA) informou ontem (25) que toda a cadeia produtiva foi afetada pela greve dos caminhoneiros, que entrou hoje (25) no quinto dia de paralisação. O setor de laticínios, por exemplo, deixou de coletar 51 milhões de litros de leite por dia nas fazendas, e o produto vem sendo descartado.

O setor estima um impacto de R$ 180 milhões por dia no segmento. A associação também projeta uma perda acumulada de R$ 1 bilhão na área de proteína animal, e empresas relatam a paralisação de fábricas, por falta de espaço para estocar produtos, e o desabastecimento de matérias-primas.

O Brasil clama por redução da carga tributária. (AB)

Excessos? Ligue PROCON…

Protestos atingem 22 estados e gasolina chega a R$ 9,20…

Caminhoneiros seguem com protestos em várias cidades do País. Com a paralisação, alguns postos de gasolina no Rio, Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul começam a ficar sem combustível. Na cidade de Taubaté, em São Paulo, um litro de gasolina já custa mais de 9 reais, informa o Antagonista.

A paralisação também atingiu os Correios, que suspenderam as postagens. Neste momento, ocorre uma reunião no Palácio do Planalto, em Brasília, com a presença de representantes  da Fetrabens, Tranporte Forte, CNT, Unicam, CNTA e NTC Logística.(Magno Martins)

Powered by WordPress | Designed by: diet | Thanks to lasik, online colleges and seo