Artigo – Precisamos perdoar – por Padre Reginaldo Manzotti*…

Um dos ensinamentos mais desafiadores que Jesus nos deixou foi o perdão. Muitas são as passagens nos Evangelhos que Jesus nos exorta a isso. Em uma específica, ele nos diz que devemos Leia mais »

Novembro Azul…

Leia mais »

Vestibular FACAL 2019…

Dê um clik para ampliar esta imagem Leia mais »

Venha pra TiConnect….

    Leia mais »

Proclamação da República…

InfoEscola A Proclamação da República Brasileira aconteceu no dia 15 de novembro de 1889. Resultado de um levante político-militar que deu inicio à República Federativa Presidencialista. Fica marcada a figura de Marechal Deodoro da Fonseca como Leia mais »

Monthly Archives: setembro 2018

Nova pesquisa: 2º turno entre Haddad e Bolsonaro…

Folha de S.Paulo

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSL) e o ex-prefeito Fernando Haddad (PT) seriam os candidatos que disputariam o segundo turno para a eleição presidencial caso a votação do primeiro turno fosse hoje, segundo os resultados de pesquisa CNT/MDA divulgadas no início da madrugada deste domingo (30).

Bolsonaro aparece com 28,2% da preferência do eleitorado, seguido por Haddad, que aparece com 25,2%. Em seguida estão Ciro Gomes (PDT) com 9,4%, e Geraldo Alckmin (PSDB) com 7,3%. 

De acordo com a pesquisa, o capitão reformado e o ex-prefeito de São Paulo são os candidatos cujos eleitores estão mais decididos em relação à opção de voto. Nos dois casos, mais de 80% dos eleitores declaram ter certeza sobre a decisão. 

Nas simulações para segundo turno, Haddad venceria Bolsonaro por 42,7% a 37,3%. A pesquisa mostra também que o capitão reformado perderia para Ciro Gomes por 42,7% a 35,3% e venceria Alckmin por 37% a 33,6%. A CNT/MDA mostra ainda que Haddad aparece empatado tecnicamente no segundo turno com Ciro Gomes. Ciro aparece na simulação com 34% e Haddad com 33,9%. Os dois venceriam Alckmin. 

A pesquisa foi realizada entre os dias 27 e 28 de setembro. Foram ouvidas 2.002 pessoas, em 137 municípios de 25 unidades federativas das cinco regiões do país. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais com 95% de nível de confiança. A pesquisa foi registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o número BR-03303/2018.

RESULTADOS DA PESQUISA CNT/MDA

Primeiro turno

Jair Bolsonaro (PSL) – 28,2%
Fernando Haddad (PT) – 25,2%
Ciro Gomes (PDT) 9,4%
Geraldo Alckmin (PSDB) 7,3%
Marina Silva (Rede) 2,6%
Henrique Meirelles (MDB) 2%
João Amoêdo (Novo) 2%
Alvaro Dias (Podemos) 1,7%
Cabo Daciolo (Patriota) 0,7%
Guilherme Boulos (PSOL) 0,4%
Vera (PSTU) 0,3%
Eymael (DC) 0,1%
João Goulart Filho (PPL) 0,1%
Branco / Nulo 11,7%
Indeciso 8,3%

Segundo turno
Cenário 1
Ciro Gomes – 42,7%
Jair Bolsonaro – 35,3%

Cenário 2
Fernando Haddad – 42,7%
Jair Bolsonaro  – 37,3%

Cenário 3
Jair Bolsonaro – 37%
Geraldo Alckmin – 33,6%

Cenário 4
Ciro Gomes – 34%
Fernando Haddad -33,9%

Cenário 5
Ciro Gomes – 41,5%
Geraldo Alckmin – 23,8%

Cenário 6
Fernando Haddad – 39,8%
Geraldo Alckmin – 28,5%

João Alfredo – Ecos do grande comício de André de Paula e Romário Dias, realizado na noite de sábado (29)…

Fotos: Divulgação

Este slideshow necessita de JavaScript.

Liturgia Católica…

26º Domingo do Tempo Comum

Primeira Leitura (Nm 11,25-29)

Leitura do Livro dos Números:

Naqueles dias, 25 o Senhor desceu na nuvem e falou a Moisés. Retirou um pouco do espírito que Moisés possuía e o deu aos setenta anciãos. Assim que repousou sobre eles o espírito, puseram-se a profetizar, mas não continuaram.

26 Dois homens, porém, tinham ficado no acampamento. Um chamava-se Eldad e o outro Medad. O espírito repousou igualmente sobre os dois, que estavam na lista mas não tinham ido à Tenda, e eles profetizavam no acampamento.

27 Um jovem correu a avisar Moisés que Eldad e Medad estavam profetizando no acampamento.

28 Josué, filho de Nun, ajudante de Moisés desde a juventude, disse: “Moisés, meu Senhor, manda que eles se calem!” 29 Moisés respondeu: “Tens ciúmes por mim? Quem de

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

Responsório (Sl 18)

— A lei do Senhor Deus é perfeita, alegria ao coração.

— A lei do Senhor Deus é perfeita, alegria ao coração.

— A lei do Senhor Deus é perfeita,/ conforto para a alma!/ O testemunho do Senhor é fiel,/ sabedoria dos humildes.

— É puro o temor do Senhor,/ imutável para sempre./ Os julgamentos do Senhor são corretos/ e justos igualmente.

— E vosso servo, instruído por eles,/ se empenha em guardá-los./ Mas quem pode perceber suas faltas?/ Perdoai as que não vejo!

— E preservai o vosso servo do orgulho:/ não domine sobre mim!/ E assim puro, eu serei preservado/ dos delitos mais perversos.

Segunda Leitura (Tg 5,1-6)

Leitura da Carta de São Tiago:

E agora, ricos, chorai e gemei, por causa das desgraças que estão para cair sobre vós.

Vossa riqueza está apodrecendo, e vossas roupas estão carcomidas pelas traças. Vosso ouro e vossa prata estão enferrujados, e a ferrugem deles vai servir de testemunho contra vós e devorar vossas carnes, como fogo! Amontoastes tesouros nos últimos dias. Vede: o salário dos trabalhadores que ceifaram os vossos campos, que vós deixastes de pagar, está gritando, e o clamor dos trabalhadores chegou aos ouvidos do Senhor todo-poderoso. Vós vivestes luxuosamente na terra, entregues à boa vida, cevando os vossos corações para o dia da matança. Condenastes o justo e o assassinastes; ele não resiste a vós.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

Anúncio do Evangelho (Mc 9,38-43.45.47-48)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Marcos.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 38 João disse a Jesus: “Mestre, vimos um homem expulsar demônios em teu nome. Mas nós o proibimos, porque ele não nos segue”. 39 Jesus disse: “Não o proibais, pois ninguém faz milagres em meu nome para depois falar mal de mim. 40 Quem não é contra nós é a nosso favor.

41 Em verdade eu vos digo: quem vos der a beber um copo de água, porque sois de Cristo, não ficará sem receber a sua recompensa.

42 E, se alguém escandalizar um destes pequeninos que creem, melhor seria que fosse jogado no mar com uma pedra de moinho amarrada ao pescoço. 43 Se tua mão te leva a pecar, corta-a! É melhor entrar na Vida sem uma das mãos, do que, tendo as duas, ir para o inferno, para o fogo que nunca se apaga.

45 Se teu pé te leva a pecar, corta-o! É melhor entrar na Vida sem um dos pés, do que, tendo os dois, ser jogado no inferno. 47 Se teu olho te leva a pecar, arranca-o! É melhor entrar no Reino de Deus com um olho só, do que, tendo os dois, ser jogado no inferno, 48‘onde o verme deles não morre, e o fogo não se apaga’”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

PSDB e MDB têm chances de emplacar mais governadores…

Isabel Fleck – Folha de S.Paulo

Em um momento em que a desilusão do eleitor com a políticaparece colocar em xeque os principais partidos políticos do país, pesquisas de intenção de voto mostram que duas dessas siglas —PSDB e MDB— são as que têm chance de emplacar mais governadores em 2018.

Candidatos dos dois partidos estão bem na disputa em oito estados cada. Em São Paulo e no Rio Grande do Sul, dois dos cinco maiores colégios eleitorais, PSDB e MDB se enfrentariam no segundo turno. Hoje, os tucanos governam quatro estados, e o MDB, cinco.

O cenário é animador especialmente se comparado com o desempenho das duas siglas na corrida ao Planalto, em que Geraldo Alckmin (PSDB) segue estagnado em empate técnico com Ciro Gomes (PDT) no terceiro lugar. Henrique Meirelles (MDB) também continuou com 2% na pesquisa Datafolha divulgada nesta sexta (28).  

O PT, cujo candidato, Fernando Haddad, está em segundo lugar nas pesquisas, e o PSB trazem nomes fortes nas disputas de sete estados cada. Três governadores petistas devem se reeleger ainda no primeiro turno: Rui Costa, na Bahia, Camilo Santana, no Ceará, e Wellington Dias, no Piauí.

No entanto, Minas Gerais, o estado governado pelos petistas com maior colégio eleitoral —15,7 milhões—, pode sair das mãos do partido. Fernando Pimentel, candidato à reeleição, tem, segundo o último Datafolha, 24% das intenções de voto, contra 33% de Antonio Anastasia (PSDB). Se o segundo turno fosse hoje, o tucano venceria por 46% contra 31% de Pimentel.

O deputado federal Marcus Pestana (PSDB-MG), secretário-geral do partido, contudo, diz que a sigla não deve comemorar antes. “A eleição em Minas Gerais ainda não está ganha. E a eleição do Doria[em São Paulo] está sendo muito dura”, disse Pestana. 

 “Considerando o quadro partidário muito pulverizado, o PSDB sempre teve uma presença forte nos estados. E tudo indica que continuará com uma posição expressiva”, diz Pestana.  “Governadores são pontos de apoio a um projeto político e atores essenciais na vida nacional”, afirma.

Armando foca na Região Metropolitana do Recife…

O senador e candidato ao Governo de Pernambuco, Armando Monteiro (PTB), concentrou suas forças na Região Metropolitana do Recife, neste sábado (29), percorrendo os municípios de Jaboatão dos Guararapes e Camaragibe. Armando criticou a experiência na vida pública de seu principal oponente na corrida pelo Palácio do Campo das Princesas, o governador e candidato à reeleição, Paulo Câmara (PSB). “A experiência que Paulo diz que tem é uma má experiência. Foi ruim para Pernambuco”, afirmou Armando em meio ao ato, no bairro de Cavaleiro.

Acompanhado do prefeito de Jaboatão, Anderson Ferreira, e de seu candidato a vice Fred Ferreira, Armando percorreu as ruas de Cavaleiro por quase duas horas. “Pernambuco foi o campo da experiência de Paulo e o Estado sabe que foi ruim”, destacou Armando, que já foi deputado federal por três mandatos, é senador e foi ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior no governo Dilma.

Sobre a diferença nas pesquisas de intenção de voto em relação a Paulo, Armando afirmou que sente a aceitação de suas propostas para resolver os problemas de Pernambuco crescendo a cada dia. “Estamos muito tranquilos e confiantes. Vamos intensificar o contato com o povo, que quer mudar porque está cansado de tanta mentira. O caminho que oferecemos é seguro e responsável”, salientou.

CAMARAGIBE – Antes de Cavaleiro, a Coligação Pernambuco Vai Mudar tomou as ruas de Camaragibe. Ao lado do prefeito Meira (PTB) e de lideranças políticas, Armando caminhou pelas principais vias do Centro da cidade. (Blog da Folha)

Morre a cantora Angela Maria, aos 89 anos…

Ela estava internada há pouco mais de um mês por causa de uma infecção e não resistiu

Considerada uma das principais cantoras da história da música brasileira, Angela Maria morreu por volta das 22h deste sábado (29).

Ela estava internada há pouco mais de um mês no Hospital Sancta Maggiore por causa de uma infecção e não resistiu.

A informação sobre a morte foi confirmada à Folha por Rodrigo Giglio, assessor pessoal da artista. Mais cedo ele, o marido e empresário Daniel D´Angelo e o filho Alexandre anunciaram a morte por meio de um vídeo publicado na página oficial da cantora no Facebook.

A intérprete de “Babalu” tinha 89 anos e será velada a partir das 10h deste domingo no Cemitério Congonhas, em São Paulo. O enterro será as 16h. (Folha de S. Paulo)

Hoje:

30 de setembro é o 273.º dia do ano no calendário gregoriano (274.º em anos bissextos). Faltam 92 para acabar o ano.

  • 1061 – É eleito o Papa Alexandre II, 157º papa.

  • 1399 – Henrique Bolingbroke invade Inglaterra, num golpe contra o primo Ricardo II

  • 1452 – Surge o primeiro livro impresso: A Bíblia de Gutenberg.

  • 1791 – Dissolução da Assembleia Nacional Constituinte da França. Nova Constituição em vigor.

  • 1860 – Victor Emanuel conclui derrota dos exércitos papais em Ancona (v. Unificação italiana).

  • 1906 – Um governo provisório norte-americano presidido pelo general Taft é formado em Cuba, dando fim à República Cubana.

  • 1915 – Em Nova York, ocorre a primeira transmissão de rádio.

  • 1921 – A França levanta as sanções econômicas contra a Alemanha.

  • 1929 – Um avião da companhia alemã Opel AG que utiliza um motor de foguete levanta vôo, pela primeira vez, pilotado por Fritz von Opel

  • 1937 – O general Eurico Gaspar Dutra e o presidente Getúlio Vargas divulgam o Plano Cohen. O documento forjado citava uma conspiração comunista para tomar o poder.

  • 1942 – A Argentina rompe suas relações diplomáticas com a Alemanha.

  • 1947

    • Paquistão e Iêmen são admitidos como Estados-Membros da ONU.

    • Os principais partidos comunistas da Europa concordam na criação de um “Comitê Internacional de Informação” (Kominform) para fixar a estratégia comunista.

  • 1957 – É criada a Rede Ferroviária Federal (RFFSA) (v. trem).

  • 1958 – Novo governo iraquiano realiza reforma agrária no país.

  • 1966

    • O ex-comandante da Juventude Hitlerista, Baldur von Schirach, conclui sua prisão por crimes contra a Humanidade.

    • Independência de Botswana.

  • 1980 – Publicado o padrão da Ethernet.

  • 2013 – A MTV Brasil é extinta.

  • 2014 – A rede social filiada ao Google, Orkut, é extinta.

Reflexão do dia…

Fragmento Bíblico…

Brasileiras vão às ruas para dizer não a Bolsonaro…

AFP

Mulheres de todo o Brasil saíram às ruas neste sábado (29) para manifestar sua rejeição ao candidato de ultradireita Jair Bolsonaro, que voltou a gerar polêmica ao questionar sua eventual derrota nas eleições presidenciais de 7 de outubro.

Com um histórico de declarações misóginas, homofóbicas e racistas, Bolsonaro tem um índice de rejeição de 46%, em comparação com 32% de Haddad. Um dos principais focos de resistência à sua candidatura é o das mulheres, que lembram que em 2014 Bolsonaro disse à deputada Maria do Rosário (PT-RS) que ela “não merecia ser estuprada” por ser “muito ruim” e “muito feia”, e que recentemente defendeu a desigualdade salarial entre homens e mulheres.

#EleNão
Vários coletivos de eleitoras fizeram campanha nas redes sociais pela manifestação com a hashtag #EleNão. No início da tarde, milhares de mulheres se concentravam na Cinelândia, no centro do Rio de Janeiro, e um grupo marchava pela Avenida Rio Branco para se unir a elas, indicaram jornalistas da AFP. Também houve atos de solidariedade em várias cidades europeias.

A ofensiva foi lançada pelo grupo do Facebook “Mulheres unidas contra Bolsonaro”, que convocou as mulheres, independentemente de partido político, “contra o avanço e o fortalecimento do machismo, misoginia, racismo, homofobia e outros tipos de preconceitos”.

“Ou a gente se une agora para brigar ou a gente vai se juntar para chorar”, indicou em uma mensagem Ludimilla Teixeira, uma das administradoras do grupo. “Não podemos permitir que o fascismo avance no Brasil. Essa candidatura é nefasta”, acrescentou. Na sexta-feira (28), a cantora Madonna se uniu à campanha, ao publicar no Instagram uma foto com as hashtags #EleNão e #endfascism. 

O ex-capitão do Exército, de 63 anos, que em 6 de setembro foi esfaqueado em um comício, recebeu alta do hospital Albert Einstein de São Paulo e se preparava para viajar à tarde para o Rio de Janeiro, seu distrito eleitoral.

Bolsonaro, do Partido Social Liberal (PSL), lidera as pesquisas no primeiro turno, com 28% das intenções de voto, seguido por Fernando Haddad, do Partido dos Trabalhadores (PT), com 22%, segundo a pesquisa do Datafolha publicada na sexta-feira. Mas seria derrotado por Haddad no segundo turno, em 28 de outubro, por 43% contra 37% dos votos (e 20% de nulos, brancos ou indecisos), segundo a pesquisa.

“Não aceito outro resultado”
Bolsonaro voltou a gerar polêmica na sexta-feira (28), ao pôr em dúvida qualquer resultado que não seja sua vitória eleitoral. “Eu, pelo que vejo nas ruas, não aceito um resultado das eleições diferente da minha eleição”, declarou em uma entrevista ao programa Brasil Urgente, da rede Bandeirantes.

“Um candidato que dá uma declaração como essa está dizendo claramente ao país que tentará dar um golpe a nossa democracia”, advertiu Ciro Gomes (PDT), terceiro colocado nas pesquisas (11%).

Bolsonaro “volta a mostrar que não está preparado para a democracia, quer manter o país dividido”, afirmou Geraldo Alckmin (PSDB), quarto colocado (10%).

O presidente do PSL, Gustavo Bebianno, tentou suavizar as declarações de seu candidato, recordando que seu partido já tinha manifestado receio em relação à urna eletrônica. “Obviamente [o resultado] tem que ser respeitado e se houver alguma desconfiança, serão tomadas as medidas judiciais pertinentes”, declarou.

Também por Bolsonaro
Os apoiadores do candidato responderam à ofensiva feminina convocando manifestações “pró-Bolsonaro”. Mulheres vestindo roupas verdes e amarelas com a frase “Meu partido é o Brasil” se reuniram na praia de Copacabana, no Rio de janeiro. 

“Apoio o Bolsonaro porque ele é ficha limpa, por isso que estão tentando destruir a imagem dele”, disse em uma marcha em São Paulo Elizabeth Resende, candidata à deputada estadual do PSL. “Ele não é homofóbico nem machista. Eu estou com ele porque não sou feminista, sou feminina, quero respeito para meus filhos e um melhor país”, declarou.

Jair Bolsonaro deixa hospital em São Paulo…

Por Veja

Da Redação  

O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, deixou na tarde deste sábado, 29, o hospital Albert Einstein, em São Paulo, após 22 dias internado – ele não falou com jornalistas e seguiu rumo ao aeroporto de Congonhas, onde pegará um voo, às 15h, para o Rio de Janeiro.

O presidenciável estava internado desde 7 de setembro no hospital após ter sido vítima, no dia anterior, de uma facada durante um ato de campanha em Juiz de Fora (MG). O autor do ataque, Adélio Bispo de Oliveira, foi preso em flagrante e disse que cometeu o crime por divergir das ideias políticas de Bolsonaro.

Segundo o candidato do PSL ao Senado por São Paulo, Major Olímpio, que visitou o presidenciável logo antes da alta, disse que Bolsonaro deve respeitar as recomendações médicas, mas afirmou “não duvidar” de que ele fará campanha nas ruas já nos próximos dias.

Afirmou, ainda, que o desejo de Bolsonaro é de participar do último debate antes do primeiro turno, que ocorre na quinta-feira, organizado pela TVGlobo. Para ele, a campanha não foi prejudicada com o período de internação porque, segundo ele, os comitês continuaram trabalhando em todos os estados.

Reforma Trabalhista no foco e rejeição de Armando na mira…

A primeira pergunta feita por Paulo Câmara, no debate promovido pela TV Clube ontem, foi dirigida ao senador Armando Monteiro, com quem o socialista polariza. O governador quis saber quais projetos o petebista aprovou em favor de Pernambuco em 20 anos como parlamentar. Quando Armando relatou ter, na bagagem, 360 relatorias, das quais 30 se converteram em lei, o socialista devolveu que ele votou a favor da Reforma Trabalhista e da PEC do Teto dos Gastos, “que retira recursos de Saúde e Educação por 20 anos”. A Reforma Trabalhista foi o mote do maior embate entre Paulo e Armando ao longo desse campanha. A disputa foi parar no TRE. O socialista centrou fogo, enquanto a aliança do petebista condenou a abordagem, denunciando “mentiras”.

Na coligação Pernambuco Vai Mudar, não se nega que a questão foi o “o tiro mais forte que os adversários tinham para dar”. Avalia-se, no entanto, que a munição foi despejada toda de uma vez. Ontem, em seu guia eleitoral, Armando defendeu-se: “Nunca votei contra os trabalhadores”. A Frente Popular bate nessa tecla. Coincidência ou não, ontem, pesquisa Datafolha apontou Paulo Câmara oscilando três pontos para cima, foi a 38% (tinha 35%). Armando oscilou um para baixo, ficou com 30% (tinha 31%). Na amostra anterior, a diferença entre os dois era de quatro pontos. Na atual, a vantagem do socialista transformou-se em oito pontos. Se a rejeição de Paulo Câmara manteve-se em 31% (era 31% ), a de Armando foi a 30% (era 23%). A elevação da rejeição do petebista conta para a campanha de Paulo Câmara como sinal de que a estratégia de “bater” no voto dele a favor da Reforma Trabalhista fez efeito. Entre aliados de Armando, prevalece a seguinte leitura: dado o volume de ataques sofridos pelo petebista, o fato de Paulo só ter oscilado foi visto como positivo. Ontem, os dois ocupavam púlpitos vizinhos no debate, mas nem se olharam. (Renata Bezerra- Folha de Pernambuco)

Powered by WordPress | Designed by: diet | Thanks to lasik, online colleges and seo